Sites de relacionamento para Herpes Genital

Olá,

Hoje saiu uma matéria no G1 sobre sites de relacionamento para quem tem herpes genital ou outro tipo de DST.

Apesar de que na minha opinião ninguém deve limitar os seu relacionamentos a estes sites, vale a pena dar uma olhada.
Infelizmente não existe nenhum site nacional ainda. Todos estão em inglês.
Segue os links para os principais:

http://www.positivesingles.com/

http://www.datepositive.net/

http://www.h-ype.com/

http://www.h-date.com/

E aqui está o link para o artigo no G1:
http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2013/04/sites-oferecem-romance-para-portadores-de-dst.html

Abraços a todos,
Edu

34 respostas em “Sites de relacionamento para Herpes Genital

    • Que bom que encontrei esse site, me encontro na mesma situação de todos. Tenho herpes a quase um ano e desde que descobri vivo um pesadelo, sou casada a mais de 20 anos e nunca namorei outro homem que não fosse o meu marido, ele nunca apresentou nenhum sintoma, falei pra minha ginecologista ela disse já que meu marido não tem, que eu tinha sido contaminada em depilação, não fiquei muito convencida disso não, mas faço tudo, tomo 1000 mg de lisina todo dia, vitamina C com zinco todo dia, faço exercícios físicos todos os dias, tenho uma alimentação saudável, durmo cedoe é bem , estou fazendo a dois meses um tratamento Fitoterapico e até agora tifo mês eu tenho uma crise, incrível , parece cartão de crédito, tifo mês está lá , fico arrasada, minha esierança é a vacina, rezar pra que dê tudo certo. Esse site é uma bencção.

      • Oi Flor,

        Muitas coisas importantes você já está fazendo certo.
        Para algumas mulheres, a menstruação pode ser uma causa para a reativação do vírus da herpes. Então verifique se este não é o seu caso.
        Você pode tentar falar com sua ginecologista para usar algum método para suspender a menstruação temporariamente para ver o que acontece. Fica aí a ideia.
        – Acho muito improvável pegar em depilação. E sobre seu marido, não estou dizendo que ele tem, mas por outro lado, muitas pessoas tem o vírus mas não apresentam crises frequentes.
        Abraços,
        Edu

    • Legal Naiara,

      Eu até digo no meu livro que não existiam sites desse tipo no Brasil ainda…acho que vou ter que atualizar…kkkkk
      Este site pode ajudar muita gente.
      Até me cadastrei lá, mas pelo que vi ainda está no começo. Tem pouca gente com herpes genital ainda.
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

  1. Sou vítima desse mal, porém me sinto bem apesar de tudo. Devo dizer que apesar do susto, da tristeza, decepção, enfim, estou superando e aprendi muito com o livro do Edu, agradeço pela força e as ótimas informações que ele passa através do mesmo, digo mais ainda tenho plena confiança em suas palavras. Claro que eu procurei ajuda médica, mas há muitas dicas no livro que os médicos não falam e eu tenho seguido as instruções sobre tratamento alternativo e obtive bons resultados mesmo porque os sintomas que sinto são fracos e poucas recorrências. Gostei de conhecer este blog, vou visitar mais vezes. Um abraço.

  2. Sou de Fortaleza, tenho herpes genital leve. Sou profissionalmente bem sucedido, escolaridade universitária, 40 anos, contexto social – classe média, atraente e sociável. Busco conhecer uma mulher na mesma situação (que tenha herpes 1 ou 2), acima dos 30 anos, profissionalmente independente, de personalidade tranquila e atraente. e-mail para contato: robertofortal333@hotmail.com

    • Oi Lane,

      O meu livro é um e-book (arquivo digital em pdf) que você pode ler em qualquer computador.
      Entrego pelo correio assim que chega a liberação da compra pelo PagSeguro, ou se for comprado pelo Paypal, dá para fazer o download imediatamente no final da transação.
      Para comprar, é fácil.
      Acesse o meu site: http://www.dosustoaosucesso.com
      Depois role a página mais para baixo e clique no botão de compra, depois é só escolher se vai comprar pelo PayPal ou pelo PagSeguro e seguir as instruções.

      Qualquer outra dúvida estou por aqui,
      Abraços,
      Edu

  3. Oi Nando,

    Obrigado pela informação!
    Eu vou colocar um post permanente sobre isso,
    pois uns dos meus objetivos principais é justamente
    centralizar neste blog todas as novidades em relação a pesquisas e
    tratamentos novos que estão sendo desenvolvidos.

    Att,
    Edu

  4. CCS cadastra voluntários para tratamento de herpes labial

    Qua, 23/01/2013 – 09:05
    A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) está cadastrando pessoas para o tratamento do herpes labial. Os interessados devem procurar a sala do SAS, próximo ao “Elefante Branco”, no Centro de Ciência da Saúde (CCS), Campus I, em João Pessoa, no horário das 16h às 18h. Essa seleção é feita nas terças e quintas-feiras. Os escolhidos testarão o primeiro medicamento sintético brasileiro, para o combate a doença. “Essa pomada inibe a infecção, reduz a dor e a coceira, além de ampliar o prazo de reincidência da doença”, explicou o professor Marçal de Queiroz Paulo, do Departamento de Química da UFPB, órgão ligado ao Centro de Ciências Exatas da Natureza (CCEN).
    Segundo ele, a pesquisa para desenvolver esse medicamento durou entre 15 a 20 anos.
    Edu vc tem alguma informaçao sobre esse medicamento e se ja esta no mercado.

  5. UFPB desenvolve novo tratamento para herpes

    terça-feira, 7 de maio de 2002 às 20h12m

    RECIFE – A Universidade Federal da Paraíba desenvolveu um novo medicamento para o tratamento da herpes. Os pesquisadores dizem que o remédio tem menos efeitos colaterais que os importados consumidos no país. Outra descoberta dos cientistas da Paraíba é a pele sintética. O produto já é exportado para 69 países, mas ainda não teve a venda liberada no Brasil.
    Por recomendação do Ministério da Saúde, os dois medicamentos foram estudados de novo pelos pesquisadores da UFPB. O processo solicitando autorização para liberação dos produtos no país será encaminhado nos próximos dias à Agência Nacional de Vigilância Sanitária.
    TV Globo Recife
    Edu o que vc diz sobre isso?

  6. Edu,

    sabe de algum caso de processo por Herpes aqui no Brasil? Eu sei exatamente quando e com quem eu peguei. E tenho provas. Eu tenho a viragem da minha sorologia no mesmo mes.
    É claro, ele nega.

    Fernanda

  7. Edu,
    parabéns pelo blog! Como eu faço para comprar seu livro? Estou viajando por um ano. Estou na Tailandia agora. Tem como eu comprar um livro virtual?
    Tenho muito conhecimento da Herpes. Peguei há 3 anos e nunca tive recorrencia.
    Para ser sincera nunca achei nada de mais ter herpes exatamente por ser muito mais comum que imaginamos e por 80% das pessoas que tem nem saberem que tem. O HPV sim me deixa enlouquecida!
    Comecei a namorar um Australiano que surtou quando contei para ele da Herpes. Por isso acabei encontrando o seu blog.
    Fernanda

    • Oi Fernanda,

      Pois é … agente nunca pode prever exatamente como uma pessoa vai reagir quando contamos.
      Talvez quando ele se informar melhor comece a ter outra perspectiva sobre isso.

      O meu livro é um e-book (arquivo em pdf).
      Aí da Tailândia (UAU!), você pode comprar pelo PayPal ou pelo PagSeuro com cartões de crédito.
      Se comprar pelo PayPal, o download é imediato depois da compra, se for pelo
      PagSeguro eu envio por e-mail depois conclusão da transação.
      É só entrar no meu site abaixo e clicar no botão de compra e seguir as instruções.
      http://www.dosustoaosucesso.com

      Abraços,
      Edu

      • Eu quero comprar o livro mais não estou conseguindo. .teria uma formá de pagamento mais fácil tipo uma tranferencia

      • Oi Naldinho,

        O livro você pode comprar pelo PayPal com cartões de crédito ou pelo PagSeguro (boleto bancário, cartões de crédito, TEF, e depósito) e é possível até parcelar.
        Estes sites são seguros e sobre a privacidade… eles saberão somente que vc está comprando um livro digital e não o assunto pois a compra especificada é “livro (e-book)”.
        Abraços,
        Edu
        Não vendo por depósito direto na conta por motivo de controle e segurança.

  8. Adorei seu blog , adorei seu livro. Achei uma ideia muito bacana falar abertamente sobre esse assunto, focando também no psicológico da pessoa que tem essa doença. Fica realmente difícil ter com quem conversar, principalmente pq as pessoas tem um preconceito enorme quando ficam sabendo que você tem esse vírus , então é bom saber que não se está sozinho, e que pessoas tem o vírus e tem uma vida digamos normal com ele e conseguem ter relacionamentos com pessoas que entendem e compreendem essa situação. No meu caso acho meio difícil pois além do preconceito com a doença, os rapazes acham que somos mulheres facies e tem essa áurea machista sob eles, porém quem saber a sorte não sorri um dia, né?
    Bem, sucesso!

    • Oi Luciana,

      Fiquei bem contente em saber que você gostou do livro e do blog.
      Pois é… ter esse vírus não significa necessariamente que a pessoa é promíscua.
      E é a falta de informação e o fato desta doença ser sexualmente transmissível é que criam
      um certo estigma em trono dela para alguns.
      Outra coisa que você falou é bem certa…a maioria das pessoas que tem herpes genital,
      se sentem muito sozinhas com isso, mas pelo contrário, a quantidade de gente que tem essa doença “secreta” é bem grande.
      Tenho certeza de que você vai encontrar alguém!
      Obrigado por comentar,
      Fique com Deus,
      Att, Edu

Deixe uma resposta para Vanilson da costa Ferreira Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s