O Herpes Genital

O que é herpes genital?

Herpes genital é uma doença de pele sexualmente transmissível que pode ser causada por dois tipos de vírus do herpes simplex, o tipo 1 e o tipo 2.

A grande maioria das infecções por herpes genital são causadas pelo tipo 2 do vírus, e o tipo 1 é responsável pela quase totalidade dos casos de herpes oral (labial).

Porém, hoje em dia está crescendo o número de casos de herpes genital pelo tipo 1 devido ao aumento da prática de sexo oral. Quando uma pessoa que está com herpes labial, faz sexo oral em outra, pode transmitir o vírus tipo 1 para os genitais dela.

O herpes genital (assim como o herpes oral) é uma doença que causa recorrências para muitas pessoas. Isto é, o vírus que estava em um estado dormente, reativa de vez em quando e causa uma nova crise.  A quantidade dessas crises varia muito de pessoa para pessoa, mas em média, costuma acontecer entre 3 a 4 vezes ao ano.

Quais são os sintomas do herpes genital?

Os sintomas mais comuns do herpes genital dependem do tipo de infecção que está acontecendo. Se for uma primeira infecção (infecção primária) quando você ainda não tem anticorpos estabelecidos, os efeitos costumam ser mais severos. Pode aparecer dor ao urinar, febre, corrimento vaginal, coceira, vermelhidão, dor de cabeça, e vesículas (bolhas) na pele.

Em uma recorrência do vírus, os sintomas costumam ser mais leves. Normalmente começa como uma coceira na pele, depois passa para uma vermelhidão, em seguida saem bolhas no local que cicatrizam e secam em torno de uma semana.

Algumas pessoas (como eu) sentem as prodromes antes de acontecer uma nova crise.Estas prodromes são sensações tais como, sensibilidade na pele, formigamento, coceira ou “dor interna” e podem servir de aviso de que o vírus está reativando.

Porém os sintomas variam muito para cada um. Muitas pessoas, por algum motivo, não apresentam nenhum, ou eles são tão leves que elas os confundem com alguma outra coisa.

Por isso, cerca de 80% das pessoas que tem herpes genital não sabem.

Se você está com alguma dúvida se pode ter contraído herpes genital, certamente o primeiro passo é fazer uma consulta médica para obter um diagnóstico correto.

Como se transmite herpes genital?

O herpes genital é uma doença sexualmente transmissível (DST). Ela somente se transmite através de sexo vaginal, sexo anal, sexo oral ou compartilhamento direto de objertos sexuais. Existe muita polêmica se o vírus pode ser transmitido em assentos de vasos sanitários, banheiras, piscinas, compartilhando roupas íntimas, toalhas, mas não existe nenhum caso confirmado no mundo de que isso seja verdade.

É claro que sempre é bom usar o bom senso pois podem existir casos extremos.  Por exemplo, se depois do banho, você enxugar a área que está com uma crise e outra pessoa usar a mesma toalha, teoricamente é possível que tenha ficado algum vírus vivo no calor e umidade da toalha e assim pode existir risco de transmissão. Como também, se você compartilhar objetos sexuais com alguém que está infectado, pode ser muito perigoso.

O que muitas pessoas não sabem é que é possível transmitir o vírus mesmo sem estar com nenhum sintoma aparente. Isto se chama transmissão assintomática.

O básico para evitar o risco de transmissão, é nunca fazer sexo se você estiver sentindo os prodromes ou se estiver com algum sintoma aparente, e sempre usar preservativos nas relações entre as crises.

Está comprovado também que tomar antivirais supressivamente (todos os dias), pode reduzir em 50% o risco de transmissão.

Quais são os tratamentos para o Herpes Genital?

Infelizmente, até o momento não existe cura para o herpes genital nem para o herpes oral, mas existem muitas maneiras para tratar e controlar esta doença.

Depois que o vírus se estabelece no organismo (no gânglio sacral na base da coluna – no caso de herpes genital) ele nunca mais sai. Ele fica lá em estado latente (inativo) e de vez em quando se reativa e volta até a pele causando uma nova crise.

O tratamento convencional do herpes é feito com antivirais. Os três antivirais principais que existem aqui no Brasil são o Aciclovir, o Valaciclovir e o Famciclovir. Os antivirais não servem para curar a doença mas sim para tratá-la. Eles impedem a replicação do vírus e desta maneira ajudam o nosso próprio sistema imunológico a acabar com a infecção.

Você irá encontrar na internet diversos tratamentos alternativos, a maioria deles nunca foi testado corretamente e alguns podem até piorar a situação.

Se quiser tentar algum tratamento alternativo, procure sempre um médico antes, para saber a sua opinião. Nunca se automedique sozinho.

E fique longe de quem diz que tem a cura para esta doença. Muitos “esquemas” fraudulentos existem por aí somente para a captação do seu suado dinheiro. Se alguém realmente descobrisse a cura, ficaria instantaneamente famoso no mundo inteiro e os principais jornais e revistas do planeta colocariam essa descoberta na primeira página com certeza!

Muitas pesquisas estão sendo feitas para encontrar medicamentos mais eficazes e principalmente uma vacina contra este vírus. Estamos aguardando e torcendo por um avanço nesta área.

Quais problemas emocionais o herpes genital causa?

Eu noto que aqui no Brasil são poucos os sites que falam alguma coisa sobre os problemas emocionais que aparecem quando você descobre que pegou esta doença.

Na minha opinião, o sofrimento emocional que o herpes genital causa pode até ser muito maior do que o problema de pele que ele realmente apresenta.

O herpes genital não é somente um problema físico, mas sim, é também um problema emocional e dos relacionamentos pessoais, pois um grande medo que surge é o “medo de rejeição”.

É muito comum causar tristeza profunda, confusão,raiva, culpa, arrependimento, baixa auto-estima, vergonha, constrangimento, medo e até depressão em algumas pessoas. Eu mesmo sei disso porque já estive lá.

Algumas pessoas se isolam de novos relacionamentos, mudam seu estilo de vida, ficam desmotivadas e desenvolvem frustrações sexuais.

Eu acho que é um problema sério e deveria ser acompanhado com mais cuidado pelos profissionais da área médica pois causam grande sofrimento nos pacientes que contraem este vírus, principalmente no início.

Ninguém está preparado para receber a notícia de que pegou herpes genital e geralmente possuem pouca informação sobre esta doença. E é nessa hora que pensamentos errados começam a surgir e causar desespero. Alguns destes pensamentos como por exemplo, “achar que agora é inferior por ter esta doença”, são verdadeiras Armadilhas Mentais e podem levar a um ciclo persistente de sofrimento emocional que pode demorar para desaparecer.

2.258 respostas em “O Herpes Genital

  1. Olá.
    Tenho um relacionamento de 5 anos, sou casada recentemente. Nesses 5 anos meu esposo nem eu nunca apresentamos sintomas algum. Há mais ou menos 1 mês meu esposo apresentou umas vesículas não sabíamos o que era, tivemos relação, logo após as vesículas do meu esposo se tornou úlceras. Em torno de uma semana encontrei na minha parte íntima uma úlcera, pesquisei e indicava herpes, não consegui ir ao médico pois moro no interior e os médicos como ginecologista e infectologista se encontra em outras cidades. Então nessa pesquisa vi sobre o aciclovir, é errado se alto medicar? Sim, é. Mas foi minha alternativa. Tanto eu quanto meu esposo tomamos o aciclovir por indicação do farmacêutico e tbm passamos a pomada. A do meu esposo não voltou e a minha reapareceu tem mais ou menos 3 dias. Eu estou sem chão, vou marcar uma consulta e pedir exames. Não tive sintomas nenhum, apenas apareceu as feridas, o que posso dizer é que elas coçam. Contudo nessa segunda vez passei uns dias sentindo uns comichões na parte íntima, porém logo após o primeiro trato me veio uma crise de candidíase então imaginei que seria isso. Mas lendo os comentários aqui se trata de um dos sintomas da herpes né. Eu só sei chorar, não consegui comer desde que reapareceu. Estou passando agora aciclovir e óleo de rícino.

  2. Edu

    Me chamo Pablo
    Pensa num cara desesperado quando descobri. 24 anos de casamento, sexo só com minha esposa, já a dose anos quando tive um relacionamento extra…. tive um trauma no pênis por queimadura em junho 2020, a queimadura não sarava, fiz exames, logo depois herpes genital…. como também já vinha de um estresse desde que abri minha empresa em 2012…. então significa que eu já tinha o vírus e estava latente?

    • Oi Clebr,

      O principal é nunca fazer sexo se vc estiver com qualquer sintoma de herpes, nem na menor dúvida.
      Usar preservativo também reduz bastante o risco de transmissão e é muito importante.
      Sempre dar aquela “olhada” no genitais para ver se existe algum sintoma.

      Att
      Eduardo Rosadarco

  3. Eu descrobri que tenho herpes menos de um mes isso pra mim  foi ruim porque eu tava namorando com uma menina e logo nos termino ai ja comecei a namora outra que ja tem 7 mes e isso apareceu em mim 3 ves durante esses esse periodo de namoro mas começo com uma bolha bem pequena pensei q nao fosse nada ai apareceu depois de 2 mes  ja com mas bolha bem pequena ai na 3 fui consulta e medico disse que era heps contei pra ela depos de ir consulta ela nao nao disse nada de termina o  namoro se ela nao temino porque sei q ela gosta de mim
    Vi um poste de outra pagina falando sobre o termino  depois de sua parceira fica sabendo mas isso e chato a auto estima fica muita baixa
    Mas quero uma solucao quero sabe que tem alguma remedio caseiro para isso dessaparece por periodo logo alguem soube mim ajuda 

    • Oi Jéssica,
      A chance é maior de transmitir herpes se está com pródromos. Só não é maior do que quando existem lesões é claro.
      Nesta fase o vírus já está ativo e está percorrendo as terminações nervosas.
      Por outro lado já tive crises que surgiram no dia seguinte de ter relações tmb.
      Espero que não tenha transmitido.
      Att
      Edu

  4. Bom dia!! Descobri esse traste de herpes no começo de 2014, desde então não tive mais paz. No começo, as crises apareciam em intervalos que variavam entre dois ou três meses, depois, foram aumentando gradativamente até eu alcançar a incrível marca de uma crise a cada duas semanas, ou seja: uma semana estava com comichões/erupções/úlcera doloridas até a cicatrização, e na outra estava só com cicatrizes mas os comichões não desapareciam e já na próxima semana lá estavam as bolhas de novo para meu desespero!!! Fiquei assim por pelo menos três anos.pulei fogueira com esse vírus desgraçado. RESUMO: Terminei um relacionamento de 9 anos a qual acredito que foi de onde essa praga saiu pois minha ex reclamava de dores na vagina e que a calcinha ficava pregando em feridinhas que estavam nos grandes lábios mas eu nunca dei muita importância e muito menos ela. Hora e meia ela aparecia com uma coceira na parte do cóccix e logo evoluía para uma ferida que cicatrizava em uma semana (era a poha do herpes saindo em outro lugar nela). Pois bem, na noite que eu senti os comichões pela primeira vez eu acordei desesperado, parecia que tinha um verme querendo sair pela ponta do maçarico rs, levantei correndo e fui ao banheiro para verificar, não encontrei nada, então fui deitar novamente. No outro dia, estava no serviço e voltaram os comichões, me encheram o dia inteiro, fiquei pensando um monte de coisas o que poderia ser. Após dois dias, quando fui ao banheiro de manhã notei umas bolinhas agrupadas na ponta do meu pênis, fiquei intrigado com aquilo pois apesar de já ter visto falar sobre herpes na escola e no dia dia nem passou pela minha cabeça, então comecei a pesquisar o que poderiam ser aquelas bolinhas. Tudo apontava para o herpes mas eu não queria acertar. Enfim, cheguei a conclusão que era o PRAGA mesmo para meu desespero total. Não queria comer, não encontrava ânimo para nada, estava terminando o relacionamento onde deixava para trás minha filha que tanto me ama. Foi dolorido pra mim. NOTA: não terminei o relacionamento por causa do herpes mas sim pelo desgaste, pois nem sabia do que se tratava). Esse vírus me massacrou, falei pra mim mesmo que jamais me relacionaria novamente, pois ninguém iria me aceitar com essa enfermidade, me enganei, encontrei uma pessoa maravilhosa a qual estou até hoje é temos dois filhos lindo.( Os sortudos puxaram a mãe rs). Vou finalizar pra não ficar muito grande. Blz, jurei pra mim que iria encontrar uma forma de neutralizar essa praga em minha vida, médicos não sabem nada a respeito, vá por mim, pesquisei e tudo que sei foi muito suado e graças a internet. Tentei muitas coisas mas nada dava certo, apenas reduziram a quantidade de reincitivas, o tal do aciclovir é pra enganar trouxas e faturar uma graninha por parte dos laboratórios vigaristas, não comprem essa porcaria feita de farinha. Pois bem, desenvolvi um produto feito com algumas ervas e minha última crise foi em dezembro de 2018, sei que não eliminei o vírus de meu organismo pois ainda sinto os prodomes, mas impeço ele de aparecer no meu pênis. Publiquei aqui um outro dia dizendo que estava em experiências e esperei esse tempo todo pra poder escrever aqui novamente. Não fiz teste em outra pessoa pois isso é um tabu e ninguém sai dizendo por aí que tem herpes genital não é mesmo? Sabemos bem como é ter essa merda. Medo de sofrer retalhação é grande. Preciso de dois ou três homens que tenha recintivas recorrentes para eu testar o meu produto. Preferência que more em MG. Quero enviar o produto para ter certeza que funciona. Aguardo contato.

  5. Oi Eduardo boa tarde! Descobri ontem que estou com essa doença , comecei a ter candidíase recorrente, porém nunca tive outros sintomas , fui casada 15 anos e nunca tive nada, recentemente conheci uma pessoa e estamos juntos há 3 meses , tivemos relações sem preservativos e ontem surgiu as feridas, são muitas e doloridas. Estou em pânico, o médico receitou penvir de 12 em 12 horas é uma pomada com corticoide chamada candicort, vi no seu blog tb sobre a lisina e efetuei a compra agora mesmo e estou tomando além disso metronidazol é um
    Polivitaminico. Estou muito triste, não sabia da gravidade dessa doença é muito menos que poderia se espalhar por outras partes do corpo. Não consigo falar com esse parceiro, médico disse que provavelmente eu peguei dele mas não dá pra afirmar com certeza absoluta, estou envergonhada, com medo de ter crises direto, medo de tudo mesmo… vi alguns comentários de pessoas que tentam ter uma vida normal inclusive sexual e que quando não se tem sintomas de crise é mais raro transmitir a doença , será que eu é esse parceiro poderemos ter uma vida normal? Quando não tivermos crises poderemos ter relação sem uso de preservativo? Não sei como contar pra ele, só consigo chorar e me afastar . Me ajude

    • Oi Ana,
      Eu já confirmei a compra da sua Lisina e envio hoje. Obrigado.
      Eu sei bem como isso é assustador no início mas não é tão ruim quanto parece.
      Com o tempo você irá se adaptar e com alguns cuidados dá para levar uma vida normal com certeza.
      Acho importante vc conversar com seu parceiro pois é bem provável que vc tenha pego dele.
      A chance de transmitir para outra parte do corpo é pequena e somente um pouco maior na primeira infecção quando os anticorpos ainda estão se estabelecendo. Portanto basta cuidar para não tocar nas lesões e lavar as mãos caso ocorra.
      Recomendo o meu e-book caso vc queira aprender tudo sobre herpes genital. Toda a minha experiência está lá em detalhes pois o assunto é longo. E garanto que irá te ajudar bastante principalmente neste começo.
      Qualquer coisa estou por aqui.
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

    • Ola ana. No inicio é bem desesperante mesmo mas tudo vai ficar bem. Vc mantendo uma alimentaoçao saudável e o sistema imunológico forte vai diminui muito as crises e terá uma vida sexual normal sim. Há uns 4 anos tb contrai , tenho um relacionamento de 3 anos e tudo está bem quase n tenho mais crises e meu parceiro nunca contraiu.bjs fica bem !

      • Como assim não tem mais crises….???? Me ajude com informações…. Como foi tudo desde o início… por favor….

  6. Olá!
    Quero falar aqui sobre o quanto o óleo de coco extravirgem tem me ajudado contra a herpes genital. Tomo 2 colheres de sopa do óleo de coco ao dia (1 após almoçar e 1 após jantar) e à noite passo um pouco dele na vulva, períneo, ânus, e às vezes, coloco até dentro da vagina tbm. O óleo de coco é rico em ácido láurico que ao chegar no estômago é convertido em monolaurina. Sugiro que pesquisem sobre a monolaurina, há artigos científicos com relatos sobre seu poder antiviral (ela destrói a camada de lipídios que envolve o vírus da herpes, destruindo o vírus consequentemente), antibacteriano, antifúngico e anti protozoários. Existe monolaurina em cápsulas mas não pesquisei sobre a posologia em caso de herpes genital. Meu dermatologista me passou um tratamento supressivo com Valaciclovir 500mg/dia e Lisina 500mg/dia por 5 semanas e em seguida iniciarei o uso injetável com Alfainterferona 2b recombinante por mais algumas semanas. Eu tinha muita recorrência desde a primeira infecção há dois anos atrás, sendo que antes do herpes, eu nem gripava, minha imunidade sempre foi muito boa. Aí o meu dermato disse que é uma mutação genética no gene MBL10 (acho que é esse nome) que predispõe à recorrências mensais/semanais do herpes e por isso o tratamento deve ser diferenciado do convencional, essa mutação tem um lado bom que é combater bem vírus Influenza razão pela qual se gripa pouco. Bom, estou usando o óleo de coco como complementar ao tratamento medicamentoso, e percebi que ele já me ajudou muito, tanto com a herpes como com candidíase que tbm não estava me dando sossego. A maioria dos pacientes (80%) não terão recorrências, então são poucos os médicos que atendem os 10% que sofrem com recorrências e entendem como tratar pra valer o HSV. O Aciclovir, segundo meu dermato que é um grande estudioso do HSV no Brasil, já deveria ter saído de linha devido à resistência viral, então ele só prescreve o Valaciclovir pois o tempo de ação na célula é maior. Espero ter ajudado e aconselho, procurem a medicina integrativa, gente! Autohemoterapia com ozonioterapia + ascaridil tbm é uma terapia complementar que irei testar daqui um tempo, sugiro que pesquisem tbm a respeito, há videos do médico dr. Luis Moura. Estou em uso tbm de 1 limão espremido em meio copo d’água em jejum, após o almoço tbm tomo Zinco quelado 50mg/dia e uma cápsula de multivitamínico mais a colher de sopa de óleo de coco. Cortem ao máximo a arginina da dieta contida em chocolates (principalmente o amargo), kiwi, abacaxi, castanhas, amêndoas, amendoin (todas as oleaginosas). Consuma lisina presente em ovos, carnes, leite, queijos, frutas vermelhas como morango e amora. Essas informações são frutos da minha consulta com o dermato e de muitas pesquisas minhas atrás da qualidade de vida que o vírus tentou me roubar. Um abraço a todos, Deus nos abençoe.

    • Olá Helena,
      Concordo que o óleo de coco pode ser uma tentativa válida para quem quiser testar e algumas coisas que vc comentou são bem interessantes, outras são conhecidas faz tempo, porém vou ter que discordar fortemente do tratamento de autohemoterapia e ozonioterapia pois estes tratamentos não tem nenhuma comprovação científica e pela pesquisa que fiz, na minha opinião não valem a pena.
      Portanto quero deixar os leitores avisados disso, embora quem quiser tentar mesmo assim depois comente aqui o que achou.

      Att
      Eduardo Rosadarco.

      • Boa noite, Eduardo!
        Então, a autohemo é utilizada em vários países desenvolvidos como na Alemanha e mais ainda em Cuba, junto com a ozonioterapia, por serem tratamentos baratos e que geram resultados positivos. Inclusive a ozonioterapia já foi incluída como terapia complementar no SUS. Há vários relatos de casos da autohemo sobre melhora do HSV genital quanto a redução de recorrências e diminuição do tempo de cicatrização. Pela ótica econômica… Paguei quase R$ 800,00 na Alfainterferona, R$ 300,00 no Valaciclovir.. não é interessante pra Indústria Farmacêutica deixar disseminar a técnica que me custaria menos de R$ 5,00 como a autohemo. Enfim, é bem complexo isso mas a informação está para todos a partir do uso inteligente da internet. A remissão do vírus é a soma de várias atitudes comportamentais, alimentícias, emocionais… quando eu fizer, postarei um feedback. Será que alguém já usou a Alfainterferona aqui?? Estou apreensiva pelos 1001 efeitos colaterais que pode ter, mas valerá a pena… com fé em Deus e na sabedoria dos homens. 🙏🏼

      • Oi Helena,

        O fato que ela é utilizada em outros países não comprova nenhum resultado.
        Eu não vou me estender muito sobre isso porque na minha opinião não vale a pena.
        Já pesquisei muito sobre isso e para mim esses tratamentos não passam de um efeito placebo até que se prove ao contrário em um estudo correto.

        Mas quem quiser gastar dinheiro com isso está livre para tentar.
        https://g1.globo.com/bemestar/noticia/ozonioterapia-e-experimental-e-medicos-nao-podem-cobrar-por-tratamento-determina-cfm.ghtml

        Att
        Eduardo Rosadarco

  7. Ola Edu, boa noite. Descobri que peguei a herpes genital a alguns meses, foi meu primiero namorado q ja tenho 29 anos, a parte psicologica é a pior de tudo, um tirmento … realmente acho q nao terei outro relacionamento. Outra coisa pior q a doenca é a parte medica, muito dificil envontrar um profissional dedicado e empatico, eu ja passei por vários e ainda busco, parece que estamos pedido um favor, é uma humilhacao, depois de tudo q passamos, enfim… Tenho uma pergunta, tive minha primeira manifestcao no genital, mas recentemente apreceu na palpebla e na orelha (bem incomum), o meu exame que fiz na primiera manifestacao trazia tanto o HSV 1 qunato o 2 juntos. Os examrs sao sempre assim? Nao da pra fazer separado? E agora qur apareceu no rosto, sera que é o 1?

    • Oi Oli,
      É pena que falta empatia em muitos médicos. Eu também senti isso nas minhas primeiras consultas.
      Olha… mesmo para a herpes oral, a manifestação na pálpebra e orelha é mais incomum, mas pode acontecer sim.
      Sim, na face é o HSV tipo 1.
      Infelizmente a maioria dos exames pera herpes são feitos para os dois tipos juntos aqui no Brasil.
      Mas talvez você encontre algum laboratório que faça para cada tipo específico.
      Espero que vc consiga controlar isso. Tome os antivirais.
      att
      Edu

  8. Oi Paula,
    Putz…como conto no meu livro, eu também peguei de uma ex-namorada em uma “recaída” que tivemos.
    Mesmo que vc tenha certeza de que é herpes, é importante que vc procure um médico. Principalmente se voltar a aparecer algum sintoma.
    A coceira pode indicar um início de outra crise, mas também pode ser alguma infecção bacteriana ou um fungo.
    Vc não vai ficar sozinha, isso é um medo muito comum (entre outros) que aparece em quem é recém diagnosticado.
    O medo de rejeição pode ser tão forte para algumas pessoas que elas podem até acabar se isolando de relacionamentos. Rs…sei disso porque comigo foi assim.
    Espero que vc fique bem.
    Qualquer coisa escreve aí.
    Abs
    Eduardo Rosadarco

  9. Oi Edu
    Tenho a doença ja tem uns 3 anos
    Me casei recente
    Contei pra ele antes
    Ele aceitou
    E acabou pegando
    Minha duvida é
    Não devo transar durantes as crises? Tirando o desconforto-
    Pq ele ja pegou neh
    Meu medo é d espalhar,ou estourar nele por ter contato cm a ferida em mim.
    Pode espalhar pra outra parte do meu corpo?ou nele

    • Oi Titi,
      Depois que vc já tem anticorpos é extremamente difícil espalhar para outra parte do corpo.
      Porém o bom senso diz para não fazer sexo se um de vocês estiverem com uma crise presente, ou no mínimo usem preservativo se mesmo assim quiserem fazer.
      Na minha opinião é muito importante evitar de fazer sexo se estiver com sintomas ou uma crise ativa. Mesmo no seu caso em que os dois já tem o vírus acho que é melhor.
      Att
      Edu

  10. Bom dia Marina , tudo bem ?
    Eu também fui diagnosticada no dia 25/03/2019. Também estou muito assustada e triste com muito medo TB de como será daqui pra frente . E as minhas bolinhas ,pra fazer xixi estão terríveis muita dor mais muito mesmo tem algumas bem no canal (está sendo muito difícil passar por isso principalmente pra fazer xixi) e no meu caso aconteceu a mesma coisa q garganta também fechou tomei bezentacil e não adiantou nada , voltei pro hospital ele me receitou um outro medicamento fortíssimo comecei a tomar ontem hoje já percebi que as placas brancas estão começando a sair. Como é a primeira vez a crise nosso sistema imune tenta bater de frente com o vírus e às vezes acaba ficando fragilizado , a primeira crise sempre é a pior.Vamos nos reunir ter forças e apreender a lidar com esse desafio aí da vida que é ser portadora da herpes.

    • Oi meninas, li o relato de vocês e fiquei bem sensibilizada, pq ano passado eu tive várias crises com reincidência alta, fiquei muito triste e deprimida, e pesquisei muito comprei vários livros e “protocolos” que me ajudaram muito, foi ai que conheci um aminoácido chamado Lisina e a Equinácea que é um fitoterápico para aumentar a Imunidade, gente eu comecei a tomar e desde dezembro não tive mais crise, graças a Deus que me ajudou a encontrar esses remédios.
      Agora eu sigo com uma alimentação saudável e como pouco os alimentos que fazem com que o vírus se ative e volte, e me mantenho menos ansiosa, pq de fato quando estamos nesse estado, o vírus como é oportunista ele volta. Meninas espero ter ajudado, os remédios que mencionei, eles devem ser tomados por um mais prolongado para efeito, mas não deixe de ir ao médico e tomar o aciclovir para que desapareça, ah! e eu fazia compressa de água morma, alias eu esquentava a água coloca bicarbonato e jogava ou fazia banho de acento.
      Abraço,

      • Ei Rafaelle!
        Obrigada pelas dicas e pelo apoio…
        Eu estou anotando todas as dicas para poder ir aplicando na minha vida. Vou tentar comer sempre saudável e tentar controlar ao máximo a ansiedade. Nesses primeiros dias confesso que está bem difícil pensar em outro assunto, não ficar chateada e ansiosa. Mas hoje eu já estou conseguindo me controlar melhor, até pq se eu nao me controlar vou demorar mais pra melhorar dessa primeira crise e tbm evitar possíveis crises futuras.
        Estou tomando o Aciclovir certinho, como a médica me receitou. E já estou com uma consulta marcada para ir acompanhando o tratamento.
        Esse blog está me deixando mais aliviada! Obrigada mais uma vez pela resposta!! Um abraço!

      • Imagina, pra mim ajudar e compartilhar um problema que tive e ajudar é uma satisfação. Inclusive gente, fui ao infectologista em São Paulo pq não aguentava mais e ele disse que: Aumentar a minha Imunidade e tbm a ansiedade e receitou a Lisina 1000 ml por dia eu associei com a Equinácea (que é um antiviral) e deu super certo, graças a Deus. Existe eles associados, mas a venda é somente no exterior, gente a Lisina aumenta a imunidade e combate fortemente o vírus.

        Abraço,

      • Exato Rafaelle.
        É por isso que eu comecei a vender a Lisina e Lisina+Echinacea aqui no Blog.
        Demora um pouco para chegar dos EUA e não consigo trazer em grande quantidade.
        Assim que chegar mais eu aviso.
        Abraços,
        Edu

    • Ei Cristiane!
      Vamos nos unir pra enfrentar esse desafio! Esse blog vai ser bem legal pra isso…
      Minhas feridas apareceram na quinta passada e nos primeiros dias ardia tanto pra fazer xixi que eu tinha vontade de chorar de tanto que incomodava!! As minhas feridas tbm são perto do canal, sei bem como é terrível. Mas desde ontem que parou de arder, graças a Deus… Torcer pra elas cicatrizarem logo.
      Pra garganta eu estou tomando só analgésico e gargarejando com água morna, sal e água oxigenada… hoje já quase não está doendo e as placas diminuíram. Eu até estou com um otorrino marcado pra amanhã, mas acho que nem vou mais pois está sarando…
      Temos que cuidar da nossa imunidade pra evitar novas crises, eu estou aqui pensando no que fazer pra ajudar.
      Você é de qual cidade? Vamos conversando aqui pelo blog pra ir desabafando e aprendendo sobre como viver bem com esse vírus!

  11. Oi pessoal!
    Deixei um comentário mais cedo, mas acho que não salvou aqui nos comentários…
    Eu descobri exatamente ontem 25/03/19 que tenho herpes genital e desde então estou sem chão!! Está difícil acreditar nisso. Estou triste, abalada e com medo de como será daqui pra frente. Se terei muitas crises ou não e como será pra me relacionar com novos parceiros…
    Só de imaginar de conhecer alguém e ter que contar e a pessoa cair fora já me dá vontade de continuar solteira por mais um longo período de tempo.
    Tive uma consulta ontem com uma ginecologista que foi a que consegui horário mais rápido, pois quando vi as 3 feridas pequenas na minha região genital fiquei bem assustada. A médica me receitou o Aciclovir pra tomar dois comprimidos de 8 em 8 horas por sete dias… mas não me deu muito tempo pra fazer perguntas. Consegui marcar com a minha médica de confiança pro dia 15/04… espero que ela me dê mais apoio, pois estou com muito medo e triste.
    Além disso estou com placas brancas na garganta e pelo tamanho acho que foram causadas pela primeira crise de herpes… isso tbm está me assustando!!! Alguem teve algo na garganta em alguma crise?? Estou muito assustada com toda essa situação.

    Descobrir esse grupo me deu um certo alívio. Ver tantas pessoas que tbm passam por isso e levam uma vida relativamente normal… Já vou buscar todas as alternativas pra reforçar minha imunidade e rezar todas as noites pra algum dia criarem uma vacina que nos cure.

    Se já existir algum grupo de whatsapp ou facebook eu gostaria de participar. Sou de BH, mas pode ser de qualquer lugar do país… só quero ter com quem conversar sobre o assunto!!!
    E vou comprar o e-book hoje!

  12. Oi pessoal!
    eu descobri ontem que tenho herpes genital… e sinceramente não estou conseguindo acreditar nisso. Essa última noite eu nem dormi direito pesquisando sobre o assunto e ter encontrado o blog foi a única coisa desde ontem que me deu um pouco de conforto.
    Eu estou totalmente perdida, sem chão, triste e me sentindo a pior pessoa do mundo por não ter tido todo o cuidado devido na hora do sexo.
    Já estou imaginando como será daqui pra frente, o que esperar… se terei crises frequentes ou não. No momento estou solteira e pelo visto vou continuar por um bom tempo, pois se já é difícil arrumar alguém legal, tendo esse vírus vai ser bem pior… só de pensar nessas coisas dá vontade de chorar!!!
    Fui ontem numa consulta como uma ginecologista e ela me receitou o Aciclovir, mas nem me deu o tempo necessário pra fazer perguntas e tirar as dúvidas que me vieram no momento que fiquei sabendo que estou com essa herpes genital. E ainda por cima por ser a primeira crise estou tendo um pouco de febre e minha garganta atacou por causa da crise.
    Estou com medo e ainda sem saber muito o que fazer… Agendei uma consulta com a minha ginecologista de confiança pro meio de abril e espero que ela tenha paciência de me ouvir e esclarecer tudo que preciso.

    Eu sou de BH, se já existir algum grupo de whats, facebook ou qualquer coisa do tipo gostaria de participar e poder conversar com quem sofre com isso.
    Fiquei bem abalada e com muito medo.

    • Marina, a primeira coisa é ficar calma. A doença se manisfestará quando tiver com a imunidade baixa, e, se estressar, só vai corroborar para diminuir mais a imunidade.
      Você pode ter contraído isso de alguém que pode nem ter sabido que tem o vírus, pois há pessoas em que o vírus nem se manisfesta.
      Agora é se acalmar e, conviver com isso. A adotar um novo estilo de vida, aonde você vai priorizar o seu bem estar e buscar sempre atitudes que contribuam para que o seu sistema imunológico esteja fortalecido.
      Ah, e vamos torcer, como todos aqui, para que inventem logo essa bendita vacina!

      Esteja a vontade para conversar e desabafar com todos, e sinta-se em casa.

      • Oi Flávio!
        Obrigada pela resposta e apoio!
        Hoje eu já estou um pouco mais calma e não fiquei ansiosa com o assunto. E você tem razão, preciso controlar minhas emoções pra melhorar logo dessa primeira crise e prevenir futuras. Estou anotando várias dicas de como melhorar a imunidade, pra poder colocar em prática…
        Vou entrar sempre no blog pra acompanhar, comentar e etc… E rezando sempre pela vacina! rsrs

      • Menina se acalme … peguei herpes em 2016 e achei tudo isso q vc tá pensando … de Lá pra cá já saí me relacionei com algumas pessoas de maneira totalmente segura .. Namorei duas vezes nesse período e contei pra eles e eles entenderam e nunca pegaram pq na prática você consegue conhecer e identificar a crise e ai não e transa com seu parceiro. Atualmente estou namorando e contei pra ele antes da gente começar a transar sem camisinha. Passei por um época boa quase sem crises, mas agora está uma atrás da outra e acho q vou entrar no tratamento supressivo.

      • Bacana!! Estamos sempre aqui entrem no grupo de wats …. é bom ter amigos pra conversar… Obrigado amigos…

  13. Eduardo Rosadarco boa noite! Eu tenho herpes labial e no mesmo dia que escrevi esse comentário estava com um ferimento na boca bem ativo, avermelhado e com secreção, tenho 1 filha de 2 anos e ela tocou no ferimento umas 2 vezes quando tava no meu colo, e umas 2 vezes trisquei nela sem querer. Pode ser que dê cara ela já contaminou? Ou tem o risco de mesmo tocado na pele dela essas 4 vezes ela não tenha pegado? Tipo assim ela não ter contaminado por ter o corpo mais forte sistema protetor! Me ajude por favor!

    • Oi Leonardo,
      A secreção é bem perigosa quando a crise está ativa. Desde a fase da vermelhidão até a cicatrização é importante tomar cuidado.
      Isso não quer dizer que ela tenha se infectado por ter tocado na lesão. O problema seria se ela encostar com a mão e logo em seguida colocar a mão na boca (por exemplo). Nesse caso o risco de contágio é maior.
      A nossa pele protege bem contra a entrada de vírus. O vírus precisa de uma “porta de entrada” para infectar…geralmente essa “porta” é criada por algum atrito, alguma lesão na pele ou na mucosa.
      Mas agindo pelo lado da segurança, sempre que acontecer algum contato com a lesão, é importante lavar o local com água e sabão pelo menos.
      Abs
      Eduardo Rosadarco.

    • Olá Nat,
      Você pode sim casar e ter filhos normalmente!
      Sei que isso abala bastante agente mas é possível se adaptar.
      Recomendo muito o meu livro para você…aprender mais sobre essa doença é o primeiro passo para poder superar.
      Também é importante procurar ajuda médica ou de alguém que vc confie se vc achar que precisa.
      Mantenha a calma e aguente firme…com um pouco mais de tempo vc vai ver que isso não é tão ruim como parece e vai conseguir se ajustar.
      Abraços,
      Edu

  14. Boa noite!
    Há 1 mês atrás, mais ou menos, fui diagnosticado com HSV-2. Fiz o tratamento a base de Aciclovir (pomada e comprimido) e, após algumas semanas, ao colher o resultado do exame, o mesmo consta como “Não reagente” para HSV 1 e 2 (IgG e IgM).
    Pelo que vi na internet, quando o resultado é “Negativo” ou “Não reagente” para ambas as siglas, significa que a pessoa nunca teve contato com a doença, e em casos onde ela já teve o contato, porém obteve sucesso no tratamento, o resultado aparece como “IgG positivo e IgM negativo”.
    Resumindo, considerando que eu contraí o vírus há menos de 1 mês e, dentro desse período, fiz o tratamento e obtivesse sucesso, o resultado não deveria ter dado “IgG+ e IgM-” ao invés de “IgG- e IgM-“?

  15. Descobri que estava com herpes ontem quando fui ao gineco e ela só me olhou e falou, estou tomando aciclovir comprimidos e pomada aciclovir pra mim parece que está pior não consigo caminhar direito nem me lavar direito que doi, inclusive fazer xixi arde muito eu já não aguento mais isso, doi minha garganta e na lingua saiu uma afta estou preocupada!

  16. Oi Edu, tudo bem?!
    Vou tentar resumi um pouco a minha história.
    Contrai herpes genital na minha primeira relação sexual aos 19 anos, hoje tenho 22. Na epoca perdi meu chão, entrei em depressão e fiquei nela por um bom tempo,(achei que ninguém fosse gostar mais de mim) graças a Deus consegui me reerguer, e seguir minha vida.
    Fiz meu primeiro exame com 21 anos, pois até então eu não sabia o que eu tinha, o que só sentia/sinto é um formigamento na regiao íntima do meu corpo, mas com ela veio tbm sensação de agulhadas pelo corpo inteiro(eventualmente), nunca tive uma crise e olha que teve muitos momentos que a herpes poderia me atacar pelo meu emocional estar bem abalado.
    Hoje namoro um cara mt especial, me aceitou como eu sou, ele não tem herpes, mas sabe que eu tenho, nos prevenimos sempre, e as vezes bate aquela insegurança de que ele poderia estar com uma pessoa “melhor” /com saúde.
    Ele me presenteou com o seu livro, pq antes disso, ele só sabia me ver chorar, estou amando ler cada página, vc não sabe o quanto está me ajudando! As vezes dou uma recaída, mas tenho fé em Deus que todos nós vamos sair dessa!
    Edu, uma duvida.
    Fui em alguns ginecologistas mas parece que nenhum entende de herpes direito, sempre querem passar remédio ao invés de entender a situação do paciente.
    Ninguém soube me explicar pq eu nunca tive crise e por que sinto só formigamento na parte íntima e agora passei a ter sensação de agulhadas pelo corpo eventualmente, devo me preocupar mais ?!
    Abraços e obrigada por me dar esperança.

    • Oi Joyce,
      Sempre fico contente em saber que o livro está ajudando.
      Bom..pela sua descrição, me parece que esses formigamentos são as prodromes, ou seja, sintomas iniciais de quando o vírus se reativa e começa a “andar” pelas terminaçãoes nervosas (caminho que faz do gânglio até chegar na pele). Como vc não tem crises na pele provavelmente seu sistema imune esteja fazendo um bom trabalho para barrar o vírus antes que ele chegue lá. Acredito que vc pode tentar tomar o antiviral quando começar a sentir esses formigamentos para ver se diminui ou pelo menos encurta a duração. Já essas agulhadas que vc sente no corpo todo eu não sei dizer se também são prodromes. É difícil ter certeza. Eu sempre recomendo fazer um exame de sangue completo, urina e fezes para investigar se existe outro fator e também monitorar a pressão….peça para um médico para fazer esses exames assim ele irá avaliar os resultados depois para vc.
      Abraços,
      Edu

      • Edu, você sabe me dizer qual exame completo que eu possa fazer para saber qual é o tipo que eu tenho, e voce acha que agora eu devo procurar um infectologistar para tirar melhor as minhas dúvidas ?
        Abraços ❤

  17. Olá Edu, tenho uma dúvida cruel, tenho HVS2, sou mulher, porém estou me relacionando com uma mulher também, teria a possibilidade de eu passar o vírus pra ela mesmo no estado latente? Sem sintomas ativos… ? Tem alguma maneira que eu possa previnir a transmissão pra ela? Se a parte dela tiver contato com a minha mesmo no estado latente ela pode contrair? Agradeço se esclarecer essa minha dúvida, obg ❤

    • Oi Larissa,
      No estado latente não passa. O problema é que mesmo sem sintomas não dá para saber com certeza se está no estado latente pois existem pesquisas que mostram que o vírus pode estar na pele mesmo sem ter sintomas presentes. Esse derramamento viral (viral shedding) sem sintomas tem chance bem baixa de acontecer. Então, dito isso, na minha opinião, se vc não está com sintomas presentes nem sentindo nenhum prodrome, então é bem improvável que passe. Eu considero que se não existirem sintomas presentes então é vida normal sem neuras. Dá para ver que vc se preocupa com ela e é responsável e isso sim é que é importante. Muitas vezes a transmissão ocorre por não conhecimento certo sobre doença. Muitos nem sabem que tem ou não se importam. Outros confundem pequenas crises com outra coisa e fazem sexo e aí sim o risco de transmissão é grande.
      Abraços,
      Edu

  18. Ola, meu nome é Thays e eu tenho 16 anos, tenho herpes genital a 2 anos, peguei do meu priemiro parceiro sexual e o pior de tudo é que eu não queria me relacionar com ele e ele forçou, eu ainda não tinha conhecimento da vida sexual, não sabia de nada q estava acontecendo comigo entao fui no clínico e expliquei e ele disse que era herpes, achei que era só uma infecção que iria embora depois que eu tomasse o remédio que ela me indicou, fiquei com um trauma por 6 meses até conhecer uma pessoa em que contei o que tinha acontecido cmg mas eu n sabia que voltaria, ele foi super legal comigo e não me rejeitou… hoje em dia n estou mais com ele e ele foi o unico q sabia do meu segredo e guardou, hoje eu evito relacionamentos, sofro muito com medo de preconceito e de rejeição, eu tenho surtos frequentes e isso me deixa mal eu sou muito sensivel e ja tive depressão e isso reforça mais o vírus. Eu queria que tivesse um grupo de apoio para que nós pudéssemos nos ajudar emocionalmente, só quer tem herpes sabe o quanto é difícil lutar e quantas coisas passam na nossa cabeça, eu penso até em suicídio ou alguma coisa do tipo porque tem uma pessoa que quer namorar comigo e eu gosto muito dele e eu não posso ficar com ele porque nao quero acabar com a vida dele, mas eu não contei pra ele porque tenho medo, to procurando um jeito de terminar antes que seja tarde…

    • Oi Thays,
      Quando agente descobre que tem herpes genital é normal ficar muito abalado psicologicamente. Começam a aparecer o medo de rejeição, medo de infectar o parceiro, etc…
      Porém com o tempo vc vai ver que a herpes, apesar de ser chata, não é tão grave como imaginamos a princípio. Com alguns ajustes da nossa parte é tranquilo levar uma vida normal, diminuir as crises, não transmitir para ninguém. Vc vai encontrar aqui no blog relatos de pessoas que assim como vc estão passando por uma fase emocional complicada ou com muitas crises frequentes, mas também irá encontrar relatos de outros que convivem a mais tempo com isso e que já se adaptaram e estão vivendo bem melhor.
      Então mantenha a calma, aguente firme e garanto que com um pouco mais de tempo vc vai se ajustar.
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

  19. Oi gente! Então eu li bastantes comentários sobre, todos nós temos os mesmos medos. Eu tive a primeira crisis tem quase 3 anos quando arranquei o sisos e minha imunidade baixou. Fiquei muito assustada e com enfoque. Eu era casada na época com mulher. Foi difícil, ela não entendia muito. Estou há todo esse tempo sem ter outra crisi, mas acredito que voltou. Comecei a sentir os sintomas. O pior é que agora acho que peguei a labial de uma amiga do emprego que é meio sem noção. Estou fazendo tratamento psicológico só de pensar. Sou bissexual, evito que mulheres façam sexo em mim e tomo cuidados com homens. Não sei nem como contar. É muito desespero.

  20. Eu ainda tenho algumas dúvidas com a doença.

    Apesar de tomar aciclovir e vitaminas, minhas bolhas e minha pele nao voltam ao normal… por que disso? qual o melhor remédio para que a pele volte para o estado “natural” .. alguns medicos me rencomendaram passar B5 na area… porem nao vejo nenhuma alteraçao ou melhora.

  21. eu chamo Engl e estou morrendo de medo pos apareceu umas bolinhas na minha vagina estou muito preocupada pois nunca tinha visto isso em mim ate pq sou em me vejo me toco !! vai fazer um ano q me separei e so com meu ex tranzava sem camisinha neste tempo de solteira fiquei com outras pessoas mas me previnei!!! o q eu faço não consigo nem dormir de preocupada😢😭💔

  22. Tenho herpes labial desde a infância. A dois anos atrás passei herpes para o meu namorado, chorei muito, por que jamais queria que isso acontecesse, e consequentemente passou para mim. Agora tenho herpes genital. A primeira crise, pensei que iria morrer de tanta dor. Desde então tenho crises recorrentes e não aguento mais. Queria muito que encontrassem a cura desse mal 😦

  23. Oi, gostaria de uma ajuda porfavor já pesquisei muito sobre o herpes faz mais ó menos 7 meses que descobri que tenho herpes genital e hoje estou grávida, comuniquei a minha obstetra porém ela não deu muita importância só me mandou tomar o aciclovir quando estivesse na crise, o problema é que na bula eles falam que só deve ser tomada a medicação em casos extremos quando a saúde da mãe supera a do bebê, eu fico com muito medo de estar fazendo algum mal para o bebê em estar com a crise e não tomar a medicação ou tomar a medicação e fazer algum mal? . Porfavor vc pode me ajudar com informação do tipo posso passar a herpes pra o meu filho durante a gestação ? Deve ou não tomar o aciclovir ? Quais cuidados tenho que ter ? Porfavor me ajude estou muito desesperada, penso tanto nisso que tenho crises toda semana !!!

    • Oi Joyce,
      Como você já pegou faz um certo tempo, então já tem anticorpos estabelecidos e seu bebê também está seguro no útero.
      Pode ficar tranquila. O maior perigo seria pegar herpes genital nos últimos 3 meses da gravidez ou uma crise na hora do parto o que levaria a fazer uma cesariana por segurança.
      Comunique sua médica se tiver qualquer crise.
      Sobre o aciclovir acho melhor não tomar, somente se a crise for muito forte.
      Abs
      Edu

  24. Ola , tenho 19 anos e ha quase 1 semana to com um sintoma que sao as bolhinhas na minha vagina
    So doi se eu bater sem querer com a unha
    Vim procurar na internet oq seria
    Dai vi que pode ser herpes
    To com muito medo
    Muito triste , choro muito , to querendo terminar meu relacionamento pois to com medo de contar pra ele sobre essas bolhinhas sobre o que pode ser , nao sei como contrai , porque ele nao tem nada sintomas de nada , to me sentindo culpada , nao sei o que dizer a ele quando ele sair comigo , nao sei o que fazer ,
    Gosto muitoo dele , me apeguei muito e nao sei como terminar isso porque nao quero de maneira nenhuma passar pra ele . choro sempre que falo com ele pelo celular , invento desculpas pra nao ver ele , Tambem nao temho coragem de contar aos meus pais , o que devo fazer me ajudem .

    • Oi Raquel,
      Não termine seu namoro.
      Mantenha a calma. Mesmo que seja herpes, tem como controlar e não passar para ninguém sim e viver normalmente.
      A primeira coisa ´que vc deve fazer é uma consulta médica.
      Seria bom contar à sua mãe, porém isso cada um deve decidir por si se pode contar.
      Isso não é o fim do mundo e com um pouco mais de tempo e informação vc vai se adaptar e ficar mais tranquila.
      abraços,
      Edu

    • Oi, Raquel.
      Vi sua história e quero acalmá-la pois passei pelo mesmo caso. Eu falei para meu namorado dias depois de atarmos o namoro, expliquei a ele que eu mesmo tenho o cuidado de não transmitir para ele.
      Converse, explique um pouco sobre a doença, compare sua doença como ter diabets, pressão alta, que vc tratando e se cuidando não vai transmitir.
      Estou com meu namorado ha 2 anos e raramente o virus vem me visitar.
      Boa Sorte e estamos juntos nessa.

    • Boa noite !
      Se acalme não é o que parece ser , no início é assim mesmo a doença vem forte , ao passar dos tempos ela diminui a frequência com que aparece e qndo vai aparecer , vc irá sentir que ela está pra chegar aí e só se medicar com aciclovir que ela nem aparece…procure pesquisar , tem coisas q daqui pra frente não é indicado comer etc….

  25. Quase havia perdido esperança de achar algo assim pela internet. Vi as postagens de 2012 e achei que isso daqui tinha morrido. Mas fico feliz de ver uma comunidade ainda ativa!

    Talvez alguem que esteja passando pela mesma situaçao pode me ajudar.

    Voltei ao Brasil após morar 8 anos no exterior, e na minha primeira relaçao foi infectado com o Virus. Desde entao já fui em 2 Urologistas e 3 Dermatologistas. Desde Maio de 2017 absolutamente todos OS meses eu tenho crise. TODOS…. e´ mais facil eu contar os dias que eu estava sem crise do que os que eu nao estava.

    Ja fiz uso de Penvir 2x pilluas da acada 12h…porem muito caro ja que cada caixa custa acima de 100$
    Hoje tomo aciclovir 3x ao dia de 8 em 8 horas. E MESMO ASSIM CONTINUO TENDO OS EFEITOS, parece sacanagem.

    As minhas bolhas sao bem pequenas, e poucas…. e ai elas “estouram” porem a pele demora MUITO a voltar ao normal…. e essa é a parte mais chata…. esse aspecto de um penis “nao saudavel^Alguem ai passa por isso?
    Já tentei de tudo….. tomo vitaminas,,,, malho 3x na semana e corro 3x… como bem…sofro com stress diarios já que tenho uma empresa… mas faço meditaçao.. cara nao sei mais o que fazer.

    E se tiver alguem ai do DF e quiser criar um grupo no wpp me avisa! eu adoraria criar um grupo para conversar e tudo mais.

    Valeu!

    • Rs… tamo vivo! Eu não tenho atualizado o blog muito recentemente. Estou devendo.
      Putz…sei bem como é viver com crises frequentes. Isso é um saco mesmo.
      Bom…vc faz exercícios e faz o supressivo e ainda toma vitaminas…. isso já é o caminho certo.
      Mas deve existir algum motivo para que mesmo assim estejam surgindo muitas crises.
      Apesar de tudo o que vc já está fazendo, pode ser que mesmo assim seu sistema imune esteja desiquilibrado? Não sei.
      O que eu faria hoje nesse seu caso é um exame geral de sangue, urina e fezes para verificar se está tudo ok.
      Eu não sei como é sua rotina de exercícios mas não exagere na corrida…se for muito ela pode derrubar o sistema imune por um tempo.
      No momento é isso que eu posso pensar.
      Abs
      Edu
      Abs
      Edu

      • Obrigado pela resposta. Vou fazer isso mesmo e verificar o que pode estar acontecendo.

        Li em algum dos postos aqui mesmo no blogo sobre Lisina, que ajuda a prevenção e recuperação. Pedi então dois potes de 1000mg para tomar 3x ao dia.
        Está certo esse tratamento?

        Após o aparecimento das bolhas, elas estouram… e no meu caso começam a “expandir” na glande…. e é exatamente essa parte que me incomoda mais. Porque se ficasse pequenas e sumissem de boa… mas ela vao expandindo e demora muito para pele voltar ao seu estado normal. Existe algum creme.. remedio…. oração… sinal de fumaça ;;; qual quer coisa para acelerar o processo de recuperar a pele para que volte a ter uma aparencia saudadevel?

      • Edu, aparece e me responde sobre a gravidez se posso ou não tomar o aciclovir ???? Fará algum mal para o bebê ?

  26. Eu Também tenho Herpes Genital , O meu caso no inicio eram ulceras dolorosas , e lembro me bem de quem peguei essa herpes , foi uma amiga que sem querer numa noite rolou algo a mais um sexo oral da parte dela em mim , iamos ficar só nisso mas ela quis então desprevenido , transamos uma unica , vez e por azar do destino ela tinha herpes genital e eu não sabia , logo após uma semana senti uma ardência no caule do pênis quando olhei eram bolhas tipo aftas , e estourei e arderam muito e logo após viraram feridinhas , pensei que era algo bobo não tinha noção que ja era herpes genital , fiquei com as feridas no pênis , depois fui pesquisar na internet e vi que eram herpes genital pesquisei o assunto e depois de longa leitura vi que era através do sexo e lembrei da ultima mulher que transei naquele mês que foi só ela … Uma noite pra ter essa doença sempre que a imunidade baixa , ou estresss , as vezes fico 1 2 3 meses sem aparecer , mas também as vezes aparecem 1 2 bolinhas bem leves e somem , mas tem vezes que aparecem 12 15 18 bolhas bem pequenas que quando estouram ardem bastante , mas aprendi a conviver com a herpes , o que se pode fazer neah pessoal? pecamos e agora pagamos , por não usar camisinha. Agora aprendi da seguinte forma a elimina-las rapidamente , bom comigo funciona assim : Quando elas aparecem eu estouro imediatamente , e logo em seguida polvilho e esfrego bicabornato de sódio seco em agua sem nada e depois coloco um papel higienico e deixo absorver e secar .. passo toda hora bicabornato , elas secam muito rápido e em 2 3 dias ja caem as casquinhas … e tomo vitamina c redoxon gotas todo dia … Pq a imunidade não pode cair galera…

  27. Olá comecei uma nova crise faz dois dia amanhã, apareceu umas bolhas e estou com uma íngua na virilha dói muito…..queria saber se posso tbm estar com lesões por dentro tbm ?

    Posso somente passar a pomada nas bolhas ou devo comprar algum antiviral pra tomar junto?

  28. Olá Edu, você ouviu falar e um tratamento chamado de Protocolo definitivo para acabar com herpes?! Os criadores prometem a definitiva e dizem que elimina o vírus do organismo! Eu estou desempregada e ainda não consegu dinheiro para comprar seu livro! O protocolo é muito mais caro, mas fiquei curiosa p saber dessa cura! Estou arrasada, recentemente um rapaz me pediu em namoro e resolvi contar a ele sobre o herpes, ele me olhou com nojo, ficou agressivo, me xingou de diversos nomes, ameaçou me bater e me bloqueou de todas as redes sociais… Não sei mais como lidar com essa doença! Prefiro morte!

    • Gente, se vocês não tem resultados com medicamentosos procurem outras alternativas. Como plantas medicinais. A Avelós e a Janaúba são poderosas para combater a herpes. Pesquisem. No meu desespero parei de culpar meu namorado e comecei a pesquisar sobre as plantas, encontrei o avelós próximo a minha casa (moro em Manaus) passei a tomar a avelós. Sinto-me curada. Nunca mais apareceu essas malditas. Inclusive, foi através de um blog que encontrei a cura, lendo os comentários de um portador que foi curado após consultar um médico naturalista. Avelós e Janaúba curam até o câncer. E sinto na obrigação de compartilhar.

  29. Bom dia ! Tenho 22 anos e a 4 dias vinha sentindo como se a região da vagina estivesse cortada , de início pensei que fosse a roupa sei lá . Até que sexta feira ao sair da faculdade me dei conta d que não sentava direito pois incomodava muito. Cheguei em casa e fui olhar através de um espelho , e vi 4 bolhas que não são juntas ( uma no bumbum e as outras bem próxima a entrada da vagina) fiquei desesperada pois ao pesquisar na internet dava herpes , aí ontem sábado consegui uma consulta de última hora em um posto o médico falou que não tinha bolhas que estouram , o que tem é fissura ( alguns cortes que podem ter sido por eu coçar) e essas 4 bolinhas … Me passou um exame de sangue e já me receitou uns remédios pra usar durante 5 dias . Elas doem não posso tocar e a do bumbum me impede de sentar , notei que a do bumbum tinha um líquido . Pode ser herpes ???

  30. Olá Edu, tenho certeza que foi Deus que me fez encontrar seu blog, nesse meu momento de desespero. Tem uma semana que comecei a passar muito mal com dores no corpo, e apareceu uma afta na boca e várias feridas na minha vacina.A dor era tanta que fiquei 24hs segurando xixi pq não conseguia fazer de tanta dor. Fui parar no hospital,tiveram que colocar sonda pra esvaziar minha bexiga,fiz vários exames inclusive de aids e só acusou infecção na urina. Porém o médico disse que estava parecendo herpes devido sintomas e feridas. Tenho quase certeza que é mesmo estou arrasada. Mais por todas as msgs que vi aqui fiquei mais tranquila e vi que não estou só. Só tenho algumas dúvidas e isso tá me tirando o sono. Moro com minhas filhas, posso passar pra elas por toalha, copo, talheres, batom, vaso sanitário ou algo assim ? As minhas roupas tem que ficar separada da delas ? Beijar pode?
    Desculpa minha ignorância mais é tudo novo pra mim e assustador. Tô com muito medo de isso acontecer eu aguento as consequências mais tenho medo de acontecer algo com elas. A minha filha menor disse que tá uma afta na boca e já estou pensando o pior. Sobre essa minha afta ela é interna parece uma afta normal a herpes oral é assim ? Ou é uma ferida do lado de fora da boca ? Outra coisa estou com muito corrimento aguado parece que estou fazendo xixi de tanto líquido que desce isso também é um sintoma ? Tenho muita dor no corpo, principalmente na testa e na parte de cima dos olhos. Aguardo sua resposta me ajude Edu tô desesperada.

    Obg fica com Deus.

  31. Pingback: Creme Para Aumentar Os Lábios Inchados |

  32. Oi Edu boa tarde!
    Olha depois que tive lesões no pênis e fiz tratamento com aciclovir, o herpes dois meses depois reapareceu e o médico urologista me orientou a fazer uma cirurgia de postectomia que é a retirada do prepúcio da glande e não mais surgiu os ematomas e graças a Deus já fazem cinco meses que não incomoda o meu pênis.
    Mais infelizmente sofro com fortes dores tipo queimação o dia todo, já fiz vários exames de sangue, endoscopia, reumatologista e cardiológico e deram todos normais. Mais fiz uma pesquisa na internet de que o herpes pode dar esses sintomas que a cada 4.000 pessoas uma pode ter esses sintomas provocado pelo vírus herpes, daí tô nesse sofrimento todo dia, e os médicos da minha cidade inclusive urologista e infectologista falam que desconhece esse tipo de sintomas do vírus.
    Gostaria de saber se vc tem conhecimento desse tipo de caso, por favor me ajude a tirar essa dúvida.
    As vezes penso em ir ao psiquiatra, psicólogo e neurologistas pra me ajudarem a descobrir esse tipo de dor que só para quando estou dormindo. Um abraço.

  33. Olá, tenho herpes genital a quase um ano, todos os meses antes da menstruação aparece, não tinha crise desde dezembro, mas esse mês estou tendo um crise forte, sara em uma parte da genital e passa para outra, estou passando aciclovir mas estou muito nervosa, gostaria de saber se é normal acontecer isso???. Estou solteira a dois anos e tenho medo de me relacionar, tenho medo do meu ex querer voltar e eu ter que contar que estou com isso. As vezes bate um desespero. É muito bom ter esse espaço aqui para troca de informações.

    • Oi Karen,
      Pode sim acontecer um período em que agente tem uma crise atrás da outra. Comigo já aconteceu algumas vezes ao longo dos anos. Isso normalmente acontece no início mesmo para alguns.
      Na minha opinião vc deve fazer um tratamento supressivo com aciclovir comprimido. Fale com seu médico. Tem muitas outras dicas no meu e-book que podem te ajudar tmb.
      Vejo que a sua menstruação está enfraquecendo seu sistema imune e provavelmente por isso as crises aparecem com frequência.
      Abs
      Edu

  34. Oi Eduardo, tenho herpes á uns 6 meses, eu e meu ex namorado tivemos relação sem preservativo a primeira vez e após 3 dias tive a primeira manifestação do vírus, sofri demais, só que meu ex namorado não sabe que tem, pois não tem os sintomas, e nem eu mesmo sei se ele tem, só que eu nunca tive herpes, e assim que tivemos relação sem preservativo pela primeira vez eu tive os sintomas, então eu acho que ele transmitiu para mim, estou certa?

    • Oi Gleice,
      Provavelmente vc está certa sim, ainda mais se sua primeira crise foi forte (o que mostra que a infecção foi recente).
      Porém se vc já teve outros parceiros no passado pode acontecer de ter pego lá atrás e somente ter manifestado agora…mas no seu caso o mais provável é que pegou dele pois seria muita coincidência a crise recorrente surgir justamente agora depois que vc fez sexo com ele.
      Acredito que o melhor é vc ter uma conversa com ele e ambos devem fazer o exame.
      Abs
      Edu

  35. Sabem informa se a arginina ativa o vírus, pois estou tomando um suplemento rico nisso e não apareceu nada, por alguns meses pensei está com essa doença pois apareceu umas vermelhidões no meu penis, passei talco e sumiu. To criando coragem p fazer o exame, e então a arginina ativa mesmo o vírus e se demora ou não para parecer depois de consumi-la?

    • OI Cazu,
      A arginina pode sim aumentar a reativação do vírus pelo que se sabe.
      Mas ela em si não causa a doença. É somente um aminoácido comum.
      A doença é causada se a pessoa foi infectada pelo vírus hsv-2 ou hsv-1 durante ato sexual.
      Abs
      Edu

  36. Boa tarde
    Eu tive herpes genital uma vez a 3 anos atrás,nunca mais tive nada!
    Fiz tratamento com minha ginecologista,tomei remédio no período q estava com o vírus.
    Gostaria de saber se o vírus pode se manifestar novamente?Pq gostaria de engravidar e não usar mais preservativo.
    Grata

  37. Tive a primeira crise, no ano passado… No tempo, não associei à doença, porém, com o passar do tempo, depois de ler alguns depoimentos, notei que possivelmente, está interligado… No tempo da crise, tive uma dor aparentemente nas costas, mas, era ao lado da coluna, bem juntinho dela, e, só num determinado local… O que está me gerando inúmeras dúvidas, é que, onde dói, é na parte superior da coluna, na altura dos seios e, as feridas, foram nas nádegas… O que tem a ver? Pelas muitas coisas que li, essa dor, nesse lugar específico, acontece no caso de hespes zoster… Qdo fui na emergência, fui diagnosticada com herpes simples e ainda mais, nem falei no dia, dessa dor nas costas, pois, nunca ia imaginar que poderia estar interligada… A minha dúvidas é essa: todos que têm herpes genital, tem essa dor nas costas na parte superior? Outra coisa, toda vez que essa dor aparece, é sinal que vai ter outra crise? Depois dessa primeira crise no ano passado, não tive mais nenhuma, porém, tomo 1 comprimido de aciclovir, uma vez na semana… Já a dor específica nas costas, aparece de vez em quando… Queria uma resposta. Desde já, agradeço.

    • Oi Ju,
      Vou responder baseado na minha experiência própria. Essa sua dor nas costas parece ser um sintoma prodrômico sim…
      – Isso chama-se sintoma prodrômico. Pode acontecer antes de uma crise.
      – É causado porque o vírus se locomove pelas terminações nervosas.
      – pode ser sentido de maneiras diferentes…dor interna, sensibilidade na pele, coceira, dor ao toque na pele.
      – Sim…quando a dor aparece é sinal que o vírus está se reativando e nessa hora já é bom começar a tomar o antiviral. fazendo assim as vezes a crise nem aparece.
      – Na maioria das vezes, para mim, os sintomas prodrômicos me incomodam mais do que a crise em si.
      Abs
      Edu

  38. Oi, descobrir que tenho herpes genital e não sei o que fazer. Sinto muita dor e muito incomodo,não sei como peguei pois a unica pessoa que me relacionei não tem herpes(ou pelo menos nunca se manifestou), estou muito triste , chorando muito , sem comer e sem vontade de fazer nada. Não sei como vou lidar com o preconceito, a vida “limitada” e as crises.

    • Oi Ana,
      A herpes genital se transmite pelo sexo com atrito pele-pele ou pele-mucosa. Então se ele foi a ÚNICA pessoa que vc se relacionou, certamente ele tem herpes genital.
      Algumas pessoas podem ter crises bem pequenas. Outras não sabem que tem. E outras não tem coragem de dizer que tem. Vc vai ter que ter “aquela” conversa com ele.
      Abs
      Edu

  39. Olá, descobri a 1 mês que tenho o tipo 1, genital.. Estou sofrendo com uma crise terrível… Não tenho nem conseguido me olhar no espelho! Minha médica disse isso é uma bobagem e eu posso ter vida normal, mas sinceramente, não consigo imaginar como alguém tem vida normal com isso! Estou precisando muito conversar! Por favor alguém me ajuda, sou de Fortaleza, quero me matar… Estou muito mal mesmo… lneves28@yahoo.com.br

    • Olá,
      Quando agente descobre isso ficamos arrasados mesmo…isso é normal. Mas garanto que com o tempo vc verá que isso não é o fim do mundo. Com certeza vc vai conseguir se adaptar e viver normalmente. Acredite. Por isso aguente firme…sei que agora é assustador mas vc vai conseguir superar isso.
      Abs
      Edu

  40. Eu acabo de descobrir que tenho herpes, e fui no posto e me disseram que só tomo o antiviral só quando tiver crises, isso é verdade ou eu tenho que tomar algum antiviral mesmo sem ter crises?

  41. Olá companheiros,

    Vocês não sabe como fiquei feliz em encontrar um local como este na internet. Nos dá um grande alívio, poder ouvir os relatos de vocês e também poder conversar com alguém abertamente sobre essa doença silenciosa que nos faz afastar um pouco dos outros, em certos momentos.
    Eu tinha casos raramente, mas depois que me mudei para o nordeste, passei a ter uma recorrência muito grande de casos. É simplesmente terrível. Já procurei vários e vários médicos (inclusive infectologistas) e todos são categóricos em afirmar que nada pode ser feito. Indicam aciclovir e fim. E o paciente que se lasque…
    Já penso em mudar pro sul, pra um lugar mais frio, para ver se os casos diminuem… Não sei realmente se há alguma ligação com o clima. Algumas pessoas também já me disseram que a qualidade da água pode interferir… As águas do nordeste costumam ser muito ácidas.
    Assim como todos vocês, estou aberto para conversarmos e trocarmos experiências e até mesmo para desabafar… Pois só quem vive o que nós vivemos é capaz de compreender o que passamos.
    Um grande abraço amigos. Tenho esperança que um dia a gente sai dessa!

    • Em qualquer farmácia de manipulação, mande manipular cloridrato de lisina 500 mg e tome 3x ao dia antes ou depois das refeições, foi isso que a minha dermatologista me receitou.
      abraço e boa sorte.

  42. Estou desesperada o que fazer para conseguir fica bem comigo mesma, só Deus sabe o que tenho passado as noites de desespero e tristeza profunda , será se isso é muito grave ?

  43. Edu acabei de ler o livro nesse exato momento!

    primeiramente quero te agradecer pela oportunidade de ter essas informações tão importantes, deve ter levado um bom tempo até chegar nesse resultado, segundo quero te parabenizar pela atitude de tentar de alguma forma amenizar o sofrimento alheio, isso e muito nobre, você e uma pessoa como poucas, com relação ao livro longo fiquei muito satisfeito com que eu lê, principalmente com citações de Dale Carnegie, eu só super fã dele dos livros que ele escreveu.
    também ao final da minhã leitura , apesar de um pouco de conhecimento que eu tinha através de minhas pesquisas, esclareceu algumas lacunas que não estavam preenchidas , como o tipo dos vírus, porque eu não tenho sintomas, e também a definição mais sensata para quem tem que conviver com algo tão insignificante diante da magnífica vida, um parasita que causa uma pequenas lesão na pele, e assim que estou lidando com isso no momento, porém o preconceito tenta diminuir agente, eu nunca deixei isso acontecer comigo, apesar de ter sofrido preconceitos, mas isso e passado já foi superado, agora irei dedicar a minha vida, a minha família bela e feliz, porque não dizer saudável, sim nós somos saudáveis sim, acredite veemente nisso, pra encerra o meu depoimento, achava que poderia tentar ajudar outras pessoas com palavras e tudo mais, mas com o encerramento da leitura desse valoroso livro, cheguei a conclusão que o mais certo a fazer e encerrar esse ciclo e começar outro, fazer da minha vida oque fiz com o seu livro, virei a pagina, fechei a capa, e agora quero encontrar outro para ler, simples assim !

  44. Olá,
    Contraí herpesgenital ha mais ou menos 4 meses… fiquei arrasada!!!!! e então começei a pesquisar e conversar com pessoas que tem ou tem parceiros que tem herpes. Uma delas inclusive estuda medicina, e nessas conversas ela me afirmou que a transmissão não ocorria no paciente assintomático. Pois bem, continuei minha vida sexual normalmente. Agora estou me envolvendo com uma pessoa e inclusive ja tivemos relação sem preservativo… ai eu começei a pesquisar novamente sobre, pra achar uma melhor forma de contar a ele, ja que supostamente (até que ele saiba, e não sei qual vai ser sua reação) vamos manter relações daqui pra frente. Foi ai que começei a ler em varios lugares que a transmissão também ocorre nos periodos inativos do vírus e eu estou DESESPERADA, sem saber como contar isso pra ele, DESESPERADA com a ideia de ter que usar preservativos eternamente, e DESESPERADA com a certeza que ele não vai me querer mais, e talvez não só ele neh??. Eu não sei o que fazer, me ajude, também não quero usar preservativo pra sempre…

  45. prezados,
    me chamo Victor só de Belém do Pará, descobrir do jeito mais trágico possível que sou portador do vírus da herpes, mas hoje sete anos depois , não tenho mais crises, tenho uma princesa linda super saudável, não baixo a minha cabeça para ninguém, já sofri preconceito muitas vezes , isso só me deixou mais forte, na época que fui exposto , quase não tinha informação sobre o vírus, irei seguir o exemplo do EDU, irei ajudar o próximo que acaba de entrar nessa situação que vivemos, parece que eu sair de um casulo, me transformei na mais bonita borboleta, tenho estima, quero ajudar você a sair desse peso mental que não vai te ajudar em nada, a coceira a ardência passa muito rápido, mas pressão pisicólogica e muito mais forte, por isso deixo os meu contatos, eu adorei a ideia da rede social , seria fantástico , quem precisar de ajuda me procure, eu não sou medico mas tenho certeza que irei te ajudar a você tomar as melhores decisões caso você venha a está realmente com o vírus, gente e fácil de conviver com o vírus, o mais difícil e conviver com uma pessoa amargurada com a vida, acredite tem casos com limitações maiores que a sua, você não e o único, contatos pelo j_victorjva@hotmail.com
    (faça um comentário respondendo essa mensagem assim ficarei sabendo do e-mail ok?
    contém comigo, vamos juntos nessa.

    EDU meu livro ainda não chegou .

    • Bom dia amigo, sou de Belém do Pará também, descobri em fevereiro deste ano que tenho herpes, tenho recorrências a cada 30 dias é muito complicado pra mim, mesmo eu tomando lisina não consigo não ter recorrências todo mês…
      o que vc fez para sessar as crises?

      • então Fagner, nesses aspecto clinico não sei bem oque te dizer, primeiro por que eu só senti essas dores e bolhas uma vez! depois nunca mais então eu nunca fiz uso de medicamentos ou outras coisas para poder passar a dor e as bolhas, mesmo porque eu só meio desligado em algumas coisas, saio a noite, fumo, bebo , faço outras coisas também, agora no fator psicológico e mais a minha praia, mas assim oque vai ajudar bastante são exercícios regulares , tipo 5 x na semana.

    • Que massa meu velho, muito bom saber dessa sua história. Eu ando tendo recorrências frequentes das crises… Tá tenso. Me diz aí alguma coisa sobre a tua experiência, alguma coisa que posso mudar na vida pra poder conter esse vírus, por que meu amigo, o negócio ta tenso, sempre tenho, pelo menos 2 vezes por mês. Tá osso…
      Um abraço.

      • nesses aspecto clinico não sei bem oque te dizer, primeiro por que eu só senti essas dores e bolhas uma vez! depois nunca mais então eu nunca fiz uso de medicamentos ou outras coisas para poder passar a dor e as bolhas, mesmo porque eu só meio desligado em algumas coisas, saio a noite, fumo, bebo , faço outras coisas também, agora no fator psicológico e mais a minha praia, mas assim oque vai ajudar bastante são exercícios regulares , tipo 5 x na semana.

    • Pessoal, tomem LEUCOGEN todos os dias…. 1 cp/dia. Depois que descobri esse medicamento e passei a tomar minha imunidade está nas alturas. Não tive mais nenhuma crise… e quando sinto que algo pode acontecer (aquela coceirinha – rs), já logo tomo uns 6 comprimidos (3 por dia) de Aciclovir, que sempre tenho em casa e os sintomas somem antes mesmo de aparecer qualquer ferida… Leucogen é da Ache. É caro, custa R$ 140 e vem 30 cps. Mas se você fizer o cadastro no programe da Ache Cuidados pela Vida compra com quase 50% de desconto na Drogaria SP… Fica a dica! Para mim funciona e muito… além de não ter tido gripes, sinusites e qualquer outra doença nesse último ano….

      • Sério mesmo? Poxa… que massa! Mas aí me veio uma dúvida: será que esse Leucogen não tem algum efeito colateral? Porque se não tiver… to dentro. Não aguento maaaaaaais! kkkkk
        Obrigado por compartilhar!

  46. Comecei a ler o blog e confesso que fiquei aliviada. Pela primeira vez , desde que contrai a doença, me senti amparada, de certa forma. Fui diagnosticada com herpes genital há cerca de um ano e apesar do tempo, ainda não me sinto confortável no meu corpo. Contrai herpes do meu ex marido. Após o diagnóstico e a frustração de ter contraído uma DST devido a uma traição, meu casamento terminou. E me fechei para relacionamentos. Tenho medo, vergonha e de certa forma me sinto suja. Sei que é uma doença que muitas pessoas possuem, que é possível levar uma vida normal, que não devemos carregar a culpa, mas é algo que não consigo evitar. Tenho andado deprimida, pq desde que fui diagnosticada já tive umas 10 crises ou mais. E sempre que ocorre, vem a tona as lembranças do casamento fracassado. Gostaria de saber se há grupos ou fórum de apoio para portadores de Herpes? E tbm se há medicação gratuita?

    • Oi Luciana,
      Tenho certeza que com o tempo vc vai vencer essa batalha psicológica.
      Respondendo suas perguntas:
      – pelo que sei o SUS disponibiliza o aciclovir gratuitamente nas unidades de saúde mas acredito que neste caso vai precisar de receita médica. Se for comprar diretamente nas farmácias não precisa de receita.
      – Que eu saiba não existe grupos de suporte para portadores de herpes aqui no Brasil infelizmente.
      Abs
      Edu

  47. Olá,
    Tive minha primeira crise agora(tenho 30 anos), faz duas semanas, um belo dia de madrugada senti uma forte fisgada no saco quando estava dormindo, achei até que um bicho estava me picando, já de manhã começou coceira e logo depois as bolhas nas virilhas e algumas no saco.
    Tive uma relação sexual com uma menina 20 dias antes, e percebi que ela tinha uma feridinha no canto da boca, mas não dei bola, transamos e ela fez oral, pergunto se ela tivesse me passado, não teria que ocorrer em mim até 10 dias depois na contaminação ? E não era mais provável eu ter me contaminado no lábio do que na virilha?
    E coincidentemente comecei uma dieta vegana uns 10 dias depois de ficar com essa menina, e então parei de tomar leite, comer carne e comecei a comer muitos vegetais e cereais, principalmente castanhas, amêndoas, aveia etc…. tomando inclusive bastante leite de amêndoas e aveia, e pesquisando na internet vi que esses alimentos são ricos em arginina. Agora não sei se minha contaminação foi recente ou há muito tempo, devido a essa dieta que inventei agora. Sei que me deram bolhas na virillha que logo estouraram e cicatrizaram, passei a tomar antiviral Valtrex (que é muito bom) e em 10 dias sarou.
    Peguei dicas aqui e em outros sites e agora tentarei manter sempre meu sistema imunológico em alta, estou tomando comprimidos de vitamina D(1000 ui duas vezes por dia ), 2 comprimidos de complexo B, duas capsulas de Lisina (RESIST), uma vitamina C e zinco por dia, misturo cinco gotas de extrato de propolis em um copo dagua tomo 6 copos por dia, vi pessoa evitando reincidência comendo todo dia rúcula, e passo na área genital talco anti séptico granado do frasco azul (que é perfumado), para evitar inclusive micoses. Enfim, voltei a comer carne e evitar alimentos que tem muita arginina e parei um pouco de beber cerveja. Manter o sistema imunológico em alta é bom para diversos fatores, inclusive evitar o câncer, então esse vírus pelo menos ajudará a ter uma vida mais saudável na alimentação e fazendo exercícios. Se não tiver reincidência aviso pra vcs daqui alguns meses, talvez essas dicas ajudem tb vcs. E torcer para que chegue uma vacina, pois isso virou uma epidemia.

    • Oi Maurício,
      Vc está no caminho certo em priorizar a saúde e fortalecer seu sistema imune.
      Quanto a sua primeira crise fica difícil dizer se foi uma recorrência ou se vc foi infectado recentemente por aquela garota.
      Se fosse uma crise bem forte, aí sim agente pode dizer que a infecção pelo vírus da herpes foi recente. Fora disso fica meio complicado mesmo.
      Abs
      Edu

  48. Não sei se tenho essa doença, só meu caso a coisinha se rompeu e de lá p ca apareceu umas bolhinhas pequenas vermelhas no meu penis, passei andiroba é praticamente sumiu, fui ao médico ele olhou e disse que pelo que viu não parecia dst, passei talco e estão sumindo, nunca coçou, nunca doeu, nem nada, só pareceu essas vermelhidões e estão sumindo, o que acham??

    • Oi Cazu.
      Bolhas nos genitais é um sintoma de herpes genital porém pode ser devido a outras coisas também.
      Vc tem que ficar “sob observação” por uns 3 meses.
      Na dúvida pode fazer um exame IGG.
      Por enquanto use preservativos em suas relações até ter certeza de que não tem nada.
      Bom…isso é o que eu faria.
      Abs
      Edu

      • Pois é, estou usando sim, eu passei talco na região e sumiu tudo, aí comecei a tomar whey e fiquei sabendo da arginina e voltou a ficar com a vermelhidão, aí passei talco novamente e sumiu, mas também larguei o suplemento, acredito q vai ser o jeito eu fazer esse exame. Agora herpes some com talco??? Estranho, não?

  49. Olá Edu, espero que voce possa me ajudar! Contrai herpes genital a 5 meses e desde então tenho TODA SEMANA! Algumas vezes só me aparecem pequenas bolinhas q parecem espinhas e em dois dias ja somem, outras vezes vem bem forte como na primeira vez! Semana passada tive uma bem forte, fui ao médico e me receitou aciclovir 800mg 2 vezes ao dia por 15 dias! Ainda estou tomando a medicação e hoje apareceu uma bolinha! Nao sei oq fazer, não sei se eh normal tantas reincidências como tenho! Oq vc me indica fazer?

    • Oi Marina,
      Acho que seu médico está correto em te receitar o aciclovir em uma dose um pouco mais elevada.
      Pela minha experiência, as crises constantes podem estar acontecendo por uma queda no seu sistema imunológico ou por um outro “gatilho” como stress emocional, outra doença presente, menstruação, deficiência em alguma vitamina, falta de exercício, dormir mal ou insuficiente, cigarro…etc. Veja que na verdade tudo isso está relacionado ao sistema imune.
      Então vc tem que investigar se existe algum desses fatores influenciando nas suas crises.
      Um tratamento supressivo com aciclovir pode ajudar no seu caso.
      Sugiro que dê uma olhada no meu livro sem compromisso: http://www.dosustoaosucesso.com
      Abs
      Edu

    • Oi Marina, compre vitamina C com zinco e complexo B auxiliar em sei tratamento, eu estava com recorrências igual a você, passei a tomar essas duas vitaminas e as crises deram um tempo.

  50. Boa Tarde Edu!
    Se eu estiver com os sintomas da crise de herpes, e fazer sexo com camisinha, mesmo assim transmito para meu parceiro?
    Fiquei muito preocupada, mas usamos camisinha.

  51. Olá Edu, estou querendo comprar Lisina, só tem em sites, não encontrei em farmácias e a diferença de valores entre eles é drástica, fico com medo de comprar um que não seja bom, e se devo comprar de 500 ou 1000mg.
    Tem com valores de 140,00 e outros 19,00 da medo do medicamento.
    Alguma sugestão?
    Estou com muita pressão no trabalho e isso me leva a ter varias crises e o pior é que como não tenho parceiro fixo, como já dito em vários depoimentos acima, fujo de relacionamento sério para não ter que contar este drama, acabo tendo que sumir e a pessoa não entende nada.
    Aguardo.
    Alessa

    • Edu, como não contei minha historia, vou falar algumas coisas, peguei aos 22 anos, foi uma crise horrivel e mesmo indo ao ginecologista, a mesma disse que era candidíase e ficou por isso mesmo, depois de um ano apareceu uma pequena bolha na minha virilha achei que fosse um pelinho, passou batido, na época eu era noiva, dai acabou que meu noivo tb teve, acho q como não fui diagnosticada não tomamos nenhum cuidado e a relação ficou pesada, terminamos, as crises eram poucas tipo 1 vez no ano ou até mesmo nenhuma, me casei em 2 anos depois, fiquei casada 5 anos, tive uma filho e ele nunca pegou e nunca soube que eu tinha, claro que eram poucas crises e dava pra administrar, me separei, tive mais dois namorados um 10 anos e outro 3 anos, tb nunca pegaram, mas no ultimo foi um sufoco driblar, pois as crises aumentaram, por causa do meu trabalho, cargo mais cheio de cobranças, esta um stress só e era um ciume só, porque achava que estava com outro por não querer ter relações, fugia um pouco, dai terminei após engravidar do segundo filho e hoje não consigo mais ter um namorado fixo, priorizei minha carreira.
      Resolvi fazer este tratamento supressivo como vcs falam aqui, estou tomando Valtrex 500 mg 1 x ao dia (este me atende bem nas crises, com 5 comprimidos já some), vou tomar direto agora pra ver se previne.
      Comprei Redoxon com Zinco, tenho Levitan mulher
      Mas quero o lisina e minha duvida é quanto as miligramas e ao laboratório pela discrepância de valores no site, não sei quais marcas comprar.

      Pode me ajudar?

      Acho que agora terminei a historia.

      Obrigada Alessa

    • Oi Alessandra,
      A lisina vc pode mandar fazer em farmácias de manipulação mas não estou atualizado sobre o preço.
      Também pode comprar no site abaixo:
      https://www.fmiligrama.com.br/produto/534-lisina-500mg–capsulas–aumento-da-imunidade-herpes/campanha_id/54?gclid=Cj0KCQiA0b_QBRCeARIsAFntQ9rTINoKt1sHLWfEAvjjixjfkJwh_ugEk97gSpF12fB8nGyylMQHwckaAlIUEALw_wcB

      Na minha opinião pode usar a de 500mg uma vez ao dia a princípio.
      Abs
      Edu

    • Olá Alessandra, comprei lisina em uma farmácia de manipulação, 120 capsulas saiu em torno de 45~50 reais, o tratamento é por 6 meses, tomando 3x ao dia, cada capsula equivale a 500mg.
      espero ter ajudado.

  52. Tenho crises de herpes todo mês meu médico ja passou vários medicamentos e continuo tendo as crises eu e meu parceiro tem herpes. o que fazer pra ter relação pq o tratamento dela está dando certo e o meu não? quando tenho relação piora muito não sei mais o que fazer.

  53. Olá! Eu tenho HPV e fiz uma pequena cirurgia pra queimar algumas das pequenas verruguinhas. Mas o médico esqueceu umas 3, e essas estão demorando tanto pra sumir, pelo menos uns 3 meses. Será que minha imunidade é péssima, ou é porque é acabei de contrair ? Usar um anti viral ajudaria ? Quais são os efeitos colaterais ?

  54. Ótimo texto. Primeiro texto que encontro falando do estado emocional. Devemos dar muito importancia a este fator, pois varios artigos e texto falam, mas ninguem da importancia, querem apenas tratar a doenca e os sintomas. Cuidar do aspecto emociaonal quando se tem herpes pode ajudar muito na prevenção e evitar muitas crises. Ajuda de um psicólogo é essencial.

  55. Boa tarde!
    Tive o desencadeamento da doença em 2016,minha médica disse que todos temos o vírus,mas que em algumas pessoas ele talvez nunca acorde.Ja tive quatro crises,mas a primeira é a segunda foram mais dolorosas,eu chegava a cobrir o local da lesão para poder urinar sem arder.Quando tenho crises,tomo aciclovir de 4em 4h,e utilizo a pomada penvir, por em média cinco dias.Geralmente sinto um incomodo ,como se tivesse cortado ao depilar-me,mas assim q começo o tratamento a dor passa.Meu noivo sabe que tenho herpes,e nao fazemos nada no período ativo.Percebi este ano que a incidência ocorreu em pouco tempo de uma para a outra,mas ainda assim,comparando com outros relatos,vejo que é bem suportável,e espero que não tenhamos nenhuma mudança negativa.A pomada aqui no nordeste está cara, então tento deixar duas unidades extras e uma caixa de aciclovir.Espero que a ciência descubra algo mais eficaz logo,para a qualidade de vida ser melhor.

    • Oi Flor,
      Sua médica te passou uma informação errada. Nem todos tem o vírus. O vírus da herpes genital é adquirido por transmissão de uma pessoa infectada para outra através do sexo.
      A estatística nos Estados Unidos (onde existe um estudo mais correto) é que 1/6 dos adultos tenham o vírus.
      Abs
      Edu

  56. Olá, descobrir a poucos dias que estou com os sintomas da herpes genital. Estou na minha primeira crise e gostaria de saber com quanto tempo as feridas iram sumir, já vir vários comentários informando que somem com duas semanas. É verdade ou e em menos dias ?

  57. Descobri que tenho o vírus a uma semana,primeira crise é terrível,estou apavorada pois minha médica disse que com os remédios eu iria ficar boa,quando cheguei em casa e fui pesquisar sobre a doença vi que não tem cura,ela passou aciclovir em pomada e omeprazol em comprimido por 10 dias,queria saber se esse vírus passa quando a gente não estiver em crise ? Estou me sentindo culpada,arrependida e muito triste por ter esse vírus,não contei pra ninguém da família e nem amigos pq tenho vergonha

    • Oi Nayara,
      A sua reação é exatamente igual a inúmeras pessoas (assim como eu) quando descobrem que foram infectadas com o vírus da herpes genital.
      O que eu posso te dizer é que sei bem como isso assusta no começo mas com o tempo agente consegue administrar isso e levar a vida numa boa.
      Sugiro que verifique o meu livro pois tenho certeza que irá te ajudar bastante (sem com promisso dê uma olhada no meu site abaixo):
      http://www.dosustoaosucesso.com
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

  58. Oi, faz um mês que descobri que tinha herpes genital, peguei do meu namorado por meio do sexo oral, tomei aciclovir, e passei a pomada, porém ainda não cicatrizou as feridas, o que eu posso fazer? to desesperada e não aguento mais não poder sair e me divertir ou até mesmo manter relações sexuais por causa disso. SOS por favor!!!!

  59. Gostaria de saber se procede a informação de que a pomada de própolis ajuda no controle das lesões de herpes genital? Essa deve ser a minha decima reincidência, nunca tratei sempre deixei que se cura-se espontaneamente, as bolhas ficam no meu saco por uma semana depois somem e ficam meses sem aparecer, dessa vez comprei a pomada de propolis e estou passando 5 vezes por dia, hoje é o segundo dia que estou passando, as coceiras sumiram.

    • Oi Ricardo,
      Ela irá ajudar somente como um anti-séptico para evitar que alguma bactéria cause uma infecção no local das lesões. Mas com certeza não ajuda em relação ao vírus.
      Os antivirais sim ajudam a diminuir a replicação do vírus, e seu próprio sistema imune (anticorpos) acabam com o restante deles.
      Ha, talvez a pomada ajude um pouco na cicatrização pois com a pele mais umedecida a cicatrização é mais rápida.
      Abs
      Edu

  60. Oi a herpes genital pode ser transmitida por óleo De soja…..faz ums tempos q usei e apareceu algums simtomas como vermelhidão. Dor a urinar e. Ficou igual uma flor. …esses foram os únicos. Sintomas.. ..eu posso estar com herpes? Por favor se soube me responda./ email para contato Diego.santos0802@gmail.com

    • Oi Diego,
      Óleo de soja? Como assim?
      A herpes genital é uma doença sexualmente transmissível por contato com o vírus hsv-2 ou hsv-1 em menor quantidade.
      É muito importante vc procurar um médico para ter um diagnóstico correto.
      Abraços,
      Edu

  61. Pessoal, alguém tem a experiencia ou ouviu relatos sobre casais sorodiscordantes, que tenha feito o uso da terapia supressiva e não transmitiu ao parceiro? Pois, e mulher estamos querendo ter um filho e minha esposa não é portadora até hoje utilizamos camisinha e eu faço a terapia supressiva. agradeço desde já

    • Oi Paulo,
      Minha esposa até hoje não pegou.
      Mas é o seguinte… não é o fato de tomar antivirais supressivamente que irá evitar a transmissão. Sim, eles ajudam a diminuir o risco em aproximadamente 50% e o tratamento supressivo diminui a frequência das crises, mas o mais importante para não transmitir é nunca fazer sexo se estiver com qualquer sinal de prodrômes ou crise.
      Abs
      Edu

  62. creio que deve ser de pessoa pra pessoa pois descobri q tenho herpes genital a 5 anos e meio e so tive duas crises,ja tem quase dois anos desde a ultima,sou uma pessoa normal faço de tudo,pratico esportes,tenho alimentação relativamente saudável,noitadas moderadas e bebidas alcoolicas tambem,e o medico disse q ao longo da vida a tendencia é demorar cada vez mais a ter novas crises

  63. creio que deve ser de pessoa pra pessoa pois tenho herpes genital a 5 anos e meio e só tive duas crises,meu estilo de vida tambem deve ajudar pois pratico esportes,não fumo,noitadas moderadas e sigo minha vida normalmente e com muita responsabilidade na vida sexual

  64. Olá, excelente esclarecimento!
    Estou me tratando com Aciclovir de 200, em comprimidos, via oral. Hoje é meu primeiro dia. Estou com uma coceira enorme q não vai embora de jeito nenhum. Posso passar Hipoglós ou outra pomada pra aliviar a coceira no genital?
    Agradeço desde já;

    • Oi Roberta,
      Na minha opinião, acho que a pomada com antivirais (aciclovir) pode ajudar mais nesse caso, aliado aos comprimidos que vc já está usando.
      Mas se o hipoglós ajudar contra coceira não tem problema também.
      Att
      Edu

  65. Olá me chamo carla e descobrir a 5dias que eu tenho, ainda estou no tratamento da primeira crise, mais a pessoa de qual eu peguei não senti nada. E acho que nem ela mesmo sabe. Estou aguardando o resultado dos exames, apesar do meu médico já ter afirmado. Gostaria de pedir uma orientação a vc, de qual forma seria possível para pedir q essa pessoa faça o exame?

  66. Eu tenho o herpes labial desde criança, mas de 3 meses pra cá eu já tive uma reincidência de 4 vezes, sendo que o normal eram duas vezes ao ano. Qual pode ser a causa?

    • Oi Claudia,
      A mais provável é uma possível queda no sistema imunológico.
      Isso pode ocorrer por diversos fatores (ou combinados), tais como stress emocional, má alimentação, menstruação, sedentarismo, obesidade, cigarro, etc.
      Att,
      Edu

  67. Descobrir recentemente que tenho herpes genital e estou meio sem chão, sem saber como lidar! Sei la, só queria um conselho de alguém que convive também! Estou me sentindo sozinho! Desculpa o desabafo!

    • Oi Anderso,
      Desculpe a demora na resposta.
      Pode acreditar que vc não está sozinho apesar de parecer (falo sobre isso no meu livro). Existem milhões de pessoas com herpes genital mas como esta doença está ligada ao sexo existe ela se torna uma questão muito particular e não é falada abertamente.
      Pelo menos agora existe a internet para agente trocar informação.
      quando eu peguei isso ha muito tempo atrás eu não tinha sequer com quem conversar.
      Sem compromisso… acho que meu livro pode te ajudar bastante. Dê uma olhada abaixo:
      http://www.dosustoaosucesso.com
      Abs
      Edu

  68. Gostaria de contar minha história pra vocês. Descobri que contrai a herpes genital há 3 anos. Tive a pior crise que vocês podem imaginar dentro deste universo! As feridas internas e externas ficaram tão feias , que não consegui andar. Eu estava com tanta secreção que pingava por onde eu andava. Vazava pelas minhas roupas, me causou fissuras e úlceras vaginais . Foi tão assustador , que tive que ser atendida por 2 ginecologistas , pois ambos ficaram assustados com o estado das feridas que cheguei lá. Sai do hospital me sentindo contrangida e ridícula. Não vou mentir, foi muito assustador. Achei que ia morrer e que nunca mais teria uma vida normal. Sofri muito e tive que comprar remédios que me saíram muito caro na época . Hoje em dia , tenho crises de 8 em 8 meses ou em períodos mais longos. Sempre me exercitei e sempre me alimentei muito bem. Não fumo , não bebo , Mas infelizmente , tenho crises bem ruins e difíceis . Contrai com meu atual namorado , nós dois temos e sabemos quando teremos uma recorrência da herpes. Ele tem a cada 1 mês e fica com pouquíssimas feridas e eu, em períodos mais longos, porém são super feias. Queria dividir com vocês , minha experiência . Não se culpem , Não se excluam . Não parem de viver suas vidas. As primeiras recorrências são tristes e ficamos inseguros sim. Mas vamos acreditar que em breve , teremos uma cura pra isso.

  69. Outra dúvida também, que acabei esquecendo de perguntar, é se uma dor que estou no meio das minhas costas, ao lado da coluna (na musculatura que fica encostada com a coluna), se tem a ver com o vírus? Pois, mesmo passando spray para dor muscular, tomando antiinflamatório e colocando aqueles adesivos pra dor muscular​, a dor naquele ponto específico, não passa… Queria saber, se tem algo relacionado?

    • Oi novamente Juh,
      Existe uma dor que pode ser causada pelo vírus da herpes (nevralgia). Isso pode ser um sintoma prodrômico ou em alguns casos pode acontecer pós-crise.
      Mas não tem como alguém daqui fazer um diagnóstico. Vc tem que ir ao médico para ver.
      Att
      Edu

  70. Queria muito uma ajuda de vocês… Queria que me tirassem algumas dúvidas​ em relação ao herpes genital… Estou num relacionamento há 10 meses e, qdo foi ontem que fui ao médico, descobri que estou com herpes genital (no meu caso, nas nádegas)… Primeira dúvida: foi ele quem passou pra mim, mesmo sem nunca ter tido sintoma nenhum? Segunda dúvida: sem saber que estava com essa doença, tivemos relação, ele vai ter as mesmas bolinhas igual a mim? Não quis dizer a ele o que é, pois, é uma cabeça muito fechada e, qdo começou, fazia mais de 1 semana que não tínhamos nada. Antes dele, fazia muito tempo que não tinha relação com ninguém e de lá pra cá, só ele… Não curto infidelidade. Me ajudem, por favor!! Obrigada.

    • Oi Juh,
      – Não dá para saber se ele te passou porque vc pode ter pego herpes genital ha muito tempo atrás e só tenha se manifestado agora. A não ser que sua primeira crise tenha sido bem forte, pois isso normalmente indica que o contágio foi recente. Podem existir casos em que a pessoa não tem sintomas e transmite o vírus sem saber, principalmente se a pessoa for muito desinformada ou ingenuamente “leiga” sobre doenças sexualmente transmissíveis. Mas na minha opinião, a grande maioria das pessoas que tem herpes genital sabem o que tem.
      – Se vc transou enquanto estava com uma crise e seu namorado não tem herpes genital, então o risco de transmitir para ele é bem alto. Nunca se deve fazer sexo com qualquer sintoma de herpes genital.
      Att
      Eduardo Rosadarco

  71. Bom é realmente chato descobrir que pegou herpes, especialmente de alguem que vc ama e confiou, mas o mundo não acaba por isso, infelizmente por falta de informação e vacilo nos contaminamos, mas continuamos seres humanos e prontos para amar, não devemos levar em consideração o que as pessoas preconceituosas acham ou falam, na maioria das vezes elas tambem tem varias doenças, contaminam meio mundo e por falta de conhecimento magoam os outros. Eu contrai herpes na primeira relação com meu marido a 3 anos, mas ainda assim o amo demais, pois ele não é a herpes e sim um ser humano lindo, que por falta de cuidado e informação se contaminou com a antiga esposa, por isso gente bola para frente, somos muito mais do que uma doença, agora somos exemplos aptos a concientizar os outros e não soframos nas crises, recorram aos medicamentos já existentes e sejam felizes.

  72. Olá, Edu.
    Tudo bem?

    Me chamo Natália e a 6 meses atrás apareceu uma bolinha em minha boca, com aparência de espinha. Ontem senti uma dorzinha e logo vi um sinalzinho na parte de baixo da boca, não exatamente em cima dos lábios. Eu não tenho certeza se é Herpes Labial, mas se for, tenho como tratar para não voltar mais ou vou ter isso sempre? SE REALMENTE FOR, NÃO TENHO CERTEZA…
    Duvida número 1: Se não estiver em crise, ou seja, sem bolinhas, mesmo assim tem a transmissão para o passeio?

    Duvida número 2: Tendo herpes labial, contaminando o parceiro, a crise dele vai ser labial ou genital? Ex: Não estou em crise, ou sim, mas só dele transar sem camisinha, vai ter genital, porém a minha é labial e não genital.

    Duvida número 3: Filhos já nascem com o vírus dos pais?

    Aguardo respostas, e peço a Deus que isso que está acontecendo comigo não seja esses vírus.
    BEIJOS

    • Oi Natália,
      Não tem como eu dizer o que é… pode ser herpes ou somente uma afta. Tem que ir no médico se vc estiver muito preocupada.
      1- se não tiver crises nem sintomas então a chance de transmitir é muito baixa.
      2- depende de onde foi a infecção. Se ele se infectar na boca terá somente crises na área oral, se infectar nos genitais através de sexo oral terá herpes genital pelo hsv-1.
      3- Os filhos não nascem com o vírus da herpes dos pais. É possível sim ter filhos saudáveis mesmo se a mãe ou o pai (ou ambos) têm herpes genital.
      Abs
      Edu

  73. Tenho herpes labial há 7 anos, com reicindencias que ocorrem em média uma vez por ano… Meu parceiro também tem herpes labial e em um distração me beijou (enquanto eu estava com uma infeção ativa, ele não) e depois fez sexo oral em mim… Qual a probabilidade de eu também ter herpes genital, visto que eu já tenho os anticorpos para os vírus? Obs: ele não estava com infecção ativa no momento e tive sintomas parecidos depois, mas recentemente recebi um diagnóstico de vaginose, o que pode se confundir

  74. Oi mim ajudem tenho 19 anos contrair herpes a um mês e todos os dias minha vida está sendo um enferno ja pensei em até mim matar pois pois toda semana estou tendo crises não aguento mais. O meu médico passou uma benzetacil pra mim tomar alguns de vcs já tomaram a serviu pra herpes a minha e do tipo 1?

  75. OLÁ Eduardo, precisava muito saber, se alguém souber me responder, agradeceria muito! Quero fazer o concurso da PM p/ soldado. Mas no edital está escrito em carácter eliminatório ” doenças sexualmente transmissível em atividade” Então não poderei fazer??? Em atividade seria se eu estiver em crise?

  76. Olá Edu,

    Devido a semelhança de sintomas que o herpes possuem com as demais DSTs, gostaria de saber o seguinte:

    Eu só tive duas relações sexuais, sendo todas com camisinha. No entanto, tive com minha parceira sexo oral, e depois da última relação, cerca de 4 dias iniciaram os sintomas:

    vermelhidão no prepúcio do pênis, depois coceira, e depois uma pequena ferida. Depois disso outros sintomas apareceram também, como gânglios linfáticos da virilha inchados, febre, mal estar e dor de cabeça. Além destes meu olho também ficou bem vermelho (apenas um). depois disso surgiram outras feridas que causavam uma dor intensa (feridas no pênis). Também tinha dor ao urinar no começo e um leve corrimento que era notado na cueca (até pensei que fosse candidíase). Enfim, fui em um urologista e de cara ele falou que era herpes. e me recomendou um remédio oral e uma pomada (Penvir). Depois disso cerca de 9 dias ficou zero.

    Já faz 7 meses que não apareceram mais essas feridas, mas as vezes tenho leve coceiras, mas não tomo nada, apenas observo.

    Detalhes: Meu sistema imunológico não é dos melhores, porque sempre pegava gripe fácil, e desde que me conheço por gente sempre tive as famosas feridas na boca (hoje sei que é herpes) mas isso, de fato, eu nem ligo (mas me preocupo com o próximo). Atualmente tenho 22 anos.

    Gostaria de saber o seguinte, é possível que aqueles sintomas tenho sido de HIV? Porque são muito próximos os sintomas dessas doenças. O mesmo médico me recomendou HIV 1 e 2, sifilis, colônia de virús, etc, e graças a Deus todos deram negativos.

    Gostaria de tirar essa dúvida contigo, e até mesmo ajudar pessoas que passam ou já passaram por isso também. É terrível…

    Att.

    • Oi William,
      É bem comum o médico pedir outros exames como HIV ou sífilis. Comigo foi assim há trocentos anos atrás e na época fiquei preocupado exatamente como você.
      A crise que vc teve e descreveu foi bem parecida com a minha primeira crise de herpes genital.
      Fique tranquilo… já deu negativo para hiv e sífilis então vc não tem nenhum dos dois.
      Mas cuide para não fazer sexo se existir algum sintoma de herpes. O resto é viver normalmente.
      Abs
      Edu

  77. Ola Edu, sou Gustavo da Paraíba e seu site é muito bom.
    Vê se você pode me ajudar, De um dia pro outro apareceram algumas ulceras na minha glande com um pouco de pus, nao havia nenhuma bolha antes disso acontecer, mas eu ja vinha sentindo há 2 semanas antes, um incomodo dentro da uretra, acompanhado de muita miccção… mas nada de dores absurdas, apenas incomodo.
    Após uma transa com minha namorada com preservativo, eu tomei um banho bem quente e usei bastante sabonete (sabonete comum), lavei muito meu penis, acho que passei muito a mão na pele parte da glande. foi então que no dia seguinte que essas ulceras apareceram com secreção.
    Eu não sei se não retirei a lubrificação natural ou o sabonete fez mal, não sou circucidado. Fui no médico urologista 2 dias depois e ele olhou muito e disse que era herpes e receitou penvir, porem tomei exatamente como prescrito e usei pomada aciclovir… elas nao secavam e como a ferida estava exposta senti dores, afinal é uma area sensivel. Comprei mais duas caixas apos o uso e NADA de secar. Fui em outros três médicos (urologista e dermatologista) que me falaram que nao pareciam herpes e receitaram pomadas de fungos (porém como eles não viram a fase inicial das úlceras com pus, ainda assim fiquei na dúvida da herpes). Passou um tempão (mais de 40 dias) e cicatrizou, sem formar casca nenhuma. Cicatrizou aparentemente depois que tomei um antibiótico, tomei tanta coisa, e usei penvir denovo na fase do antibiótico.

    Então agora 4 meses depois, tenho tido uma dor parecida dentro da glande, porem continuo sem ter bolhas e ulceras externamente, (pois entendo que as bolhas surgem, estouram formando as ulceras e secam na herpes, certo?). Mas só sinto incomodo interno e localizado. Depois do sexo geralmente dói mais, isso pode ser herpes mesmo?

    É possível ter bolha de herpes dentro da uretra? Não sinto e nunca senti dor ao urinar. Eu nao tenho relação de risco há mais de 2 anos e só agora isso apareceu. É comum homem portador de herpes genital ter esse sintoma de uretrite?

    Como é essa dor de herpes quando reaparece, dói a pele (o local) ou é generalizada no penis?

    • Oi Gustavo.
      Pela sua descrição não me parece ser herpes.
      O sintoma de uma recorrência de herpes genital é bem característico. Basicamente… pele fica avermelhada e no local saem bolhas.
      Existem também os sintomas prodrômicos que podem variar de pessoa para pessoa e costumam anteceder a crise.
      Não acredito que existam casos em que as bolhas saem internas. As bolhas de herpes aparecem na superfície da pele. Vou até verificar melhor se isso pode ocorrer.
      Se persistir essa dor, então volte no médico para ele olhar melhor.
      Abs
      Edu

    • Cara, pela sua descrição é herpes mesmo! È o mesmo sintomas que eu tenho, já tomei bezentacil, azitromicina. Quando descobri que era herpes fiquei tranquilo, não esquento mais a cabeça. De vez em quando aparece. É o seguinte, quando vc sentir um incomodo no canal da urina bem na ponta do penis, e nesse período vc fazer sexo, principalmente com intensidade vc vai desencadear o aparecimento de bolhas. Sempre será assim. Passar sabonete no penis nem pensar. boa sorte aí. Mas, fica tranquilo é herpes mesmo.

  78. Olá, descobri faz uns 15 dias que tenho herpes, minha primeira aparição foi a vários meses atrás deu uma alergia em todo meu corpo, o médico disse que era herpes e eu não acreditei, fiz o exame deu positivo, mas passaram-se meses a uns 15 dias atrás apareceu varias bolhas na mucosa do meu pênis, comprei aciclovir e em 3 dias ja estava bem melhor.
    minha duvida é a seguinte: minha namorada sabe da minha doença, ela gostaria de transar sem camisinha as vezes, então gostaria de saber se tem como sabermos o melhor momento para transar sem preservativo sem correr o risco de contamina-la? tem como saber? depois de uma crise quantos dias, semanas ou meses depois posso fazer?

    Obrigado

    • Oi Fagner,
      Não existe isso de tantos dias depois da crise…
      O mais importante é vc nunca transar se existir a menor dúvida de que está com algum sintoma ou crise presente no momento.
      Por isso é importante conhecer os seus prodromes (se tiver) e também fazer aquela verificação dos genitais antes do sexo (mas sem neuras) para não ter nenhuma surpresa.
      abraços,
      Edu

  79. Olá,
    Tive uma crise com sintomas de herpes, fui a dois medicos que diagnosticaram assim.
    Eles passaram o exame de IGG e IGM que fiz durante a crise e depois dela.
    Ambos deram negativos. Uma terceira medica disse que poderia ter contraido uma bacteria, a de cancro mole por exemplo.
    Refiz os exames pela terceira vez e deu negativo novamente. Posso cofiar nesse exame ou o que vale é o diagnostico clinico?

    • Oi Xxx,
      Se o exame IgG for feito muito no início da primeira infecção pelo vírus da herpes genital, então pode ocorrer de dar um falso negativo porque esse exame detecta os anticorpos e o organismo leva algum tempo para estabelecê-los por completo. Por isso o ideal é fazer o teste depois de 3 meses da primeira crise. Porém se vc já fez isso e continuar negativo então pode confiar no exame.
      Abs
      Edu

  80. Eu to com muito medo , estou sem chão.. no início do mês passado tive do no corpo , cansaço , febre baixa, ânsia de vômito e dor de cabeça.. tem 2 dias apareceu uma bolha na entrada da minha vagina , e do lado apareceu tipo um feirinha não coça so doi quando eu machco, e no dia seguinte apareceu uma bolha no meu pescoço eu imaginando que era uma espinha espremi , não sinto ador a urinar … eu to com muito medo , to chorando muito .. to namorando a pouco tempo e tenho medo de está com essa doença e meu namorado me deixar …

    • Oi Fah,
      Desculpe a demora na resposta.
      Você precisa ir no médico. Só assim vai ter um diagnóstico correto.
      Mantenha a calma. Quem sabe não é herpes genital. Pode ser algum fungo ou bactéria.
      Faça uma consulta médica… isso é o primeiro passo e mais importante.
      Qualquer coisa estou por aqui.
      Abs
      Edu

  81. Recomendo a leitura deste livro para aumentar significativamente a sua imunidade:
    Não se aflijam!!
    Quem ama de verdade aceita quem esteja doente!!
    O verdadeiro amor cura!! Dá alento e bem estar para quem ama e quem é amado!!
    Namastê

  82. Oi, infelizmente a 10 meses atrás eu tive contato com essa desgraça na minha vida, e até hoje minhas feridas nunca curaram, eu já tomei todos os remédios que os médicos me passaram, tomei várias vitaminas, já fiz tudo que eu poderia ter feito inclusive outros exames pra vê se eu tava com algum outro problema que estavam atrapalhando as feridas de se curarem.
    E 10 meses se passaram, exatamente 10 meses e elas nunca sumiram, eu já não sei mais o que fazer, sou casada e durante esse tempo todo não tive relações com meu marido e inclusive por conta disso fui traída 😔 pois não consigo ter relações pq as férias estão localizadas no meu clitóris, e ardem, coçam, são inchadas .. Por favor me ajudem!!!! Não aguento mais isso..
    10 meses sem cura, tentando de tudo, já não tenho mais esperanças de que um dia ficarei boa.
    Maldito esse dia que contrai essa desgraça na minha vida.. acabou com minha vida pessoal, e minha paz..
    Pelo amor de Deus me ajudem …

    • Oi Hemylly,
      Isso não é nada comum. Podem existir crises frequentes de herpes genital, porém como vc relatou de nunca sumirem em 10 meses, eu sinceramente nunca soube de um caso assim.
      Não tenho como te ajudar a não ser dizer para que vc não desista e procure outros médicos especialistas para que possam olhar seu caso específico quem sabe por outro ângulo.
      Espero que vc fique bem,
      Att
      Edu

  83. Eu peguei herpes genital a pouco tempo. Confesso que ainda está sendo difícil me acostumar com essa idéia de que irei carregar isso pra sempre.
    Minha cabeça ainda está a mil, muitos pensamentos, mesmo parecendo ser uma coisa simples pra quem tá de fora pra quem tem não é.
    Se previnam não confie nas pessoas, por mais que conheçam…

  84. olá!
    Muito grata pelo seu trabalho, ler os comentários do seu blog me confortaram bastante.
    Minha primeira crise foi a 4 meses e desde então não apareceu mais. Foi bastante leve, apenas 3 bolhinhas, não incomodava nada e foi na virilha!
    A minhas perguntas são:
    – Para evitar a contaminação assintomática no meu parceiro, eu posso colocar um band aid apenas na hora da relação sexual? apenas para cuidar mais dele. Pois li que o vírus nasce sempre no mesmo local.
    – Eu posso receber sexo oral dele sem camisinha? se com esse band aid? Ou sem…
    – Eu tenho o virus 1-2, é possível eu passar o virus1 para ele no sexo oral?
    – Na sua opinião, qual o momento de contar ao parceiro?
    Me sinto escondendo algo muito importante, mesmo em uma relação sem compromisso, que está no início.

    • Oi Célia,
      Respondendo…
      1- Isso não adianta de nada. E a crise nem sempre sai no mesmo local.
      2- Vc pode sim receber sexo oral dele desde que não esteja com nenhum sintoma ou crise.
      3- Sim. Se vc estiver com herpes labial ativa e fizer sexo oral nele, existe um risco grande de contaminá-lo com o vírus Hsv-1 nas genitais.
      4- Fiz um capítulo inteiro sobre como contar ao parceiro no meu e-book. Acredito que o mais importante é vc se informar bem sobre a doença e escolher um lugar tranquilo para contar e manter a calma na hora, mas recomendo muito a leitura do meu livro. Ha… se é uma relação sem compromisso não sei se vc deve contar… use preservativo e não transe se estiver com algum sintoma. Se a relação evoluir aí vc conta…. bom essa é a minha opinião.
      Abraços,
      Edu

  85. Boa Tarde Edu ! Tomei Valaciclovir por 3 meses e quando parei em 10 dias voltou as pequenas feridas … voltei a fazer o tratamento a pedido do medico por mais 30 dias e a mesma coisa … voltou … ja é a 15* vez em 20 meses que tenho reincidiva … o que fazer ? Qual medico procuro agora …? Um clinico geral ? Mudo de medicamento de Valaciclovir p/ Aciclivir ? Ou tento fazer o organismo lutar sozinho e ver o que da … Obrigado

    • Oi Henrique,
      Sei bem como é isso. Teve uma época em que eu tive uma atrás da outra também.
      Na minha opinião, já que suas crises são bem frequentes, vc deve continuar com um tratamento supressivo. Fale com seu médico sobre isso. pode ser com aciclovir sim.
      Duas dicas importantes: controlar o stress emocional e tudo o que fortalece o sistema imune irá te ajudar.
      Abs
      Edu

  86. Edu, meu namorado me passou herpes através do sexo oral (na época que eu manifestei pela primeira vez estávamos transando de camisinha e ele não tinha nenhum sinal) e ela se manifestou nas nádegas. Agora acredito que tive uma recidiva pela primeira vez, comecei a tomar o aciclovir mas dias depois meu namorado apareceu com a boca estourada de herpes. Como ele nunca soube ou identificou a presença da doença, nós não reparamos, e nos beijamos normalmente. Estou preocupada pois não queria que além de se manifestar nas nadegas o vírus se manifestasse na boca. É possível que isso aconteça, uma vez que eu já estou infectada com o mesmo vírus?

    • Oi Lara,
      Se vc realmente tem herpes genital pelo Hsv tipo 1 como vc afirma (somente um exame específico para ter certeza), então vc já tem anticorpos contra ele, o que dificulta a infecção na boca. Porém a área oral é o local de preferência do tipo 1 então, mesmo assim, não é aconselhável vc beijar ele quando ele estiver com uma crise ou sintomas.
      Abraços,
      Edu

  87. OI, tive relações sexuais orais com o meu namorado a uma semana mais ou menos, a parte que ele mais estimulou com a língua, foi aonde nasceram bolhas dolorosas e meio esbranquiçada.. Apenas depois das bolhas nascerem ele me disse que já teve herpes labial, tenho chance de ter adquirido herpes em minha vagina? Tive febre, dores no corpo, alguma chance dessas bolhas serem herpes genitais? Também tive corrimento desde pequena, recentemente estava muito forte, com odor ruim e ele tava bem mais grosso. Isso pode ser fungos?

    • Oi Ana.
      Bolhas na região genital podem sempre ser sintomas de herpes genital sim.
      Porém é importante vc ir ao médico para ele verificar seu caso específico pois realmente pode ser outra coisa ou ambos juntos também pode acontecer.
      Abs
      Edu

  88. Ola edu , meu nome é Rafael tenho 27 anos , descobri que tinha herpes genital ano passado , confesso que foi a pior experiência que ja tive , sou solteiro mas tenho relações frequentemente , claro com camisinha sempre !! No início foi bem difícil pra mim , queria fazer igual algumas pessoas que vi os comentários com pensamento em se isolar , e nunca tive vergonha de assumir que tenho herpes genital , ao contrário acabei descobrindo que 90% da população tem essa doença , então acho que não tem porque se abalar .. é chato ? É.. , é desconfortável ? É sim … mas tbm não podemos parar de viver por isso , com a ideia de que isso é o fim do mundo porque não é !! Herpes geintal não tem cura , mas tem tratamento , Então não tem o porque de se desesperar ….
    Outra coisa edu , ultimamente ando tendo algums ataques , nada assustador como da primeira vez , só os desconfortos , como coceiras , pele pinicando , mas nada de bolhas , queria que me indicasse algum medicamento , suplementação para que eu possa começar a tomar e assim retardar essas crises , nao tomo nada , sempre quando da essas crises uso bepantol , só q ai depois de um tempo volta de novo , gostaria que me ajudasse nessa questão edu , abraço !!

    • Oi Rafael,
      Desculpe a demora na resposta.
      Esses prodromes são bem chatos mesmo.
      Em mim, tem vezes que eles incomodam mais que as crises em si.
      Se realmente for prodromes é porque o vírus está começando a se ativar e se locomovendo pelas terminações nervosas, então na minha opinião, o melhor é tomar antiviral mesmo.
      Eu faço isso quando sinto as prodromes.
      Abs
      Edu

  89. boa noite, tenho 22 anos e sou do interior da Paraiba, tenho uma duvida, o sintoma inicial do herpes sempre surge com bolhas?
    Fica vermelho e na sequencia aparece a bolha e estoura Com ulceras? Ou pode simplesmente acordar de um dia pro outro em carne viva com ulceras? sem manifestar bolhas??
    tive uma crise e fiquei na duvida se era candidiase ou herpes. de um dia pro outro acordei com umas feridas em carne viva, nao tinha nada, mas usei um sabonete liquido que achei que irritou meu penis no dia anterior. Ja faz 25 dias que a feridinha nao cicatriza, nao forma casca, nada. apezar que ja melhorou com algumas pomadas cortocoide. Nao coça. Me ajudem a entender se é uma crise inicial, faz mais de 2 anos que tive uma relacao deprotegida.

    • Oi João Paulo,
      Não tem como eu fazer um diagnóstico. Só um médico pode fazer. Ele precisa olhar de perto essas lesões e conversar com vc.
      Por isso… se já não o fez… marque uma consulta. Isso é muito importante.
      Abraços,
      Edu

  90. Pessoal eu fui ao médico e ele ja me receitou o medicamento aciclovir de 500 mg e outros dois para bactérias e fungos, daí não me falou o que realmente era. Tomei a medicação e melhorei, e uma semana depois voltou o problema. É desesperador porque arde, dói , coça e agora a coceira se espalhou pela parte de pêlos. O urologista me falou que era uma DST mais não soube dizer qual, mais pelos sintomas acho que pode ser herpes infelizmente. So resta uma coisa, entregar nas mãos de Deus e confiar na cura.

    • Oi Ronaldo,
      Não posso fazer um diagnóstico, mas se voltou, existe chance sim de ser herpes genital.
      Volte ao médico para que ele consiga fazer o diagnóstico correto. isso é bem importante.
      Abs
      Edu

    • Observei muito que quando vamos ao medico pela primeira vez os médicos não conseguem diagnosticar o Herpes, ja que parece com outras mil doenças da região, a minha primeira crise, a médica disse que era candidíase. dai anos depois vieram as bolhas.

      • oi Alessandra,
        Sim pode ser confundida com outras doenças.
        Acho que depende da experiência do médico e em que estágio ele está vendo a crise.
        Acredito que em mulheres seja um pouco mais difícil de fazer o diagnóstico.
        Abs
        Edu

  91. Estou tendo herpes pela primeira vez …
    Apareceu a bolha e a ferida e logo depois outra , e cura , e logo em seguida outra! Já está assim por uns 9 dias , isso n tem fim?
    Tô tomando aciclovir de 200 a cada 2 hrs
    Quanto tempo vai durar isso ?
    Não apareceu tanto no pênis , mas parece q está andando ! É normal?

  92. Estou tendo herpes pela primeira vez …
    Apareceu a bolha e a ferida e logo depois outra , e cura , e logo em seguida outra! Já está assim por uns 9 dias , isso n tem fim?
    Tô tomando aciclovir de 200 a cada 2 hrs

    • Oi Marcelo,
      Tem fim sim. É que no começo o vírus pode se reativar mais.
      Porém a dosagem do aciclovir está errada. Tomar a cada 2hrs é muito. Dê uma olhada na bula. Acho que o correto é 400mg 3x ao dia ou 200mg 5x ao dia.
      Abs
      Edu

  93. Olá, tem mais ou menos um ano que ando tendo herpes de dois em dois meses ou no máximo 3. As primeiras vezes não foram tão terríveis mas a última que estou tento eu pensei que ia morrer de dor. Além de dor de garganta que veio junto a ulseras sangraram e agora fizeram uma casca em volta das úlceras maiores, a casca parece que é pele morta bem escura e sem sensibilidade. Não sei o que fazer. Fui ao médico ele não olhou e me passou aciclovir em comprimido e em pomada. Estou muito preocupada porque em volta ainda sinto muita dor.

  94. Boa tarde, gostaria de saber quando é que eu posso ter relações sexuais novamente depois da crise, eu e meu esposo estamos com herps, eu peguei dele, tenho 21 e ele 35 e perdi minha virgindade com ele, e só fiquei com ele até hoje, tivemos nossa primeira crise juntos a +/-um mês, e desde então não tivemos contato sexual pois aonde saiu as bolhas estão meio que vermelhinhas e não temos certeza que tenha cicatrizado.
    Como posso saber se está literalmente cicatrizado?!

    • Oi Bruna,
      Então é o seguinte…
      Em relação a herpes, como vc e seu marido já tem, então não precisa se preocupar com a transmissão.
      Apesar disso acho que é melhor evitar o sexo se um dos dois estiver com uma crise.
      – Depois que a pele cicatriza pode ficar com um atonalidade um pouco diferente. Tem que verificar.
      No caso de vocês é bem tranquilo. è só evitar a época em que tem uma crise ativa (bolhas ou lesões) porque não vai ser muito legal se estiver não é.
      Abs
      Edu

  95. Estou com os sintomas ,fui. Em alguns urulogista fiz exame de sangue ,e acusou herpes,porém o médico só receitou aciclovir pomada para passar de 4 em 4 horas e não estou vendo regressão será que demora já estou com isto a quase 40 dias.

    • Oi Eraldo,
      Com certeza se vc está com crises de herpes genital por tanto tempo vc deveria estar tomando aciclovir em comprimido ou outro antiviral similar.
      A pomada ajuda, mas tem um efeito muito mais reduzido.
      Acho melhor vc procurar outro médico para se certificar.
      Att,
      Eduardo Rosadarco.

      • Olá Edu,

        Eu descobri ontem que peguei o vírus de uma pessoa que comecei q me relacionar a um mês, estou muito triste com tudo isso pois sempre me cuidei muito, estou com umas bolhas como se estivessem inflamadas que doem muito, ontem o médico me passou muitos remédios, clindamicina, metronidazol, hervirax e uma pomada, estou tomando mais estão me dando muito enjôo, febre e dor de cabeça que não passa nunca. O que eu faço ? Esses remédios são bons mesmo ? Já tem alguma cura para esse vírus ?

      • Oi Rafaeli,
        Sim, o seu médico está correto, ele receitou um antibiótico, um remédio contra um protozoário e o remédio específico para herpes.
        Acredito que esses sintomas podem ser causados pela própria infecção pois a primeira crise é mais forte.
        Continue tomando e logo irá melhorar.
        Abs
        Edu

    • Oi Jorge,

      As bolhas devem ser outra coisa… provavelmente um fungo ou reação alérgica.
      Ela deve consultar um dermatologista para se certificar.
      A herpes genital ou oral não se manifesta fora da sua “área” de preferência.
      Somente em casos raros como a “herpes do Gladiador” é que pode acontecer isso.
      Abs
      Edu

  96. Já ta com pateticamente duas semanas que eu peguei herpes, não sei se foi na rua ou se é alguem da minha família que ta infectada, mais da minha namorada não foi, por que já estamos juntos a 11 meses e se fosse dela já teria se manifestado nela primeiro, e outra eu não fiquei com mulher nenhuma na rua pra dizer ; à foi uma mulher que eu fiquei e peguei o vírus , já estou no tratamento e já esta secando, e eu gostaria de saber se eu posso posso voltar a beijar na boca e ter relações com minha namorada usando sempre preservativo ?

  97. OLÁ meu nome é Bruna
    Hoje fui ao médico e descobri que tenho herpes genital
    Tenho 16 anos eu só tive ralação sexual com meu namorado faz um ano que namoro
    Sempre esperei a pessoa certa pra perder a virgindade faz 8 meses que perdi
    No entanto que hoje meu mundo desabou
    Contei hoje mesmo para meus pais
    Eles não me deram nenhuma apoio
    Compraram o remédio que não me deram nem um apoio
    E ainda não contei para meu namorado e não sei como contar
    Ele dever ter e não saber ou mentiu pra mim todo esse tempo

    • Oi Bruna,
      Fico triste em saber que seus pais não te apoiaram como vc esperaria. Neste início agente fica muito abalado mesmo.
      Mas garanto a vc que com o tempo vc vai conseguir controlar isso e se adaptar. Com alguns cuidados é possível legar uma vida normal, pode ficar tranquila.
      Sobre seu namorado…pelo o que vc contou, foi dele que vc pegou sim, então vc tem que conversar com ele e escutar o que ele diz.
      Qualquer coisa estou por aqui.
      Att,
      Eduardo Rosadarco.

  98. Ola, descobri que tenho herpes genital ha 3 dias. Desde entao meus dias nao foram mais os mesmos, sinto dor e incomodo. Hoje e o 4 dia que tomo Aciclovir e parece que nada mudou. Quanto isso dura ?

    • Oi Débora,
      A primeira infecção pode demorar um pouco mais para sarar mesmo tomando o antiviral porque o sistema imune do corpo ainda está criando anticorpos.
      Mais de uma semana com certeza.
      Então continue com o aciclovir até o fim. Deve começar a melhorar em breve.
      Abs
      Edu

  99. Boa Tarde!
    Gostaria que me informasse sobre sites de relacionamentos, não tenho sintomas más não quero passar nada para ninguém. Meu e-mail :samara_borges04@outlook.com.

  100. Oi , tenho 18 anos , namoro a 3 anos e ele foi quem tiro minha virgindade .
    Tem umas duas semanas que acordo com o lado do rosto inchado e no último dia de carnaval acordei com bolinhas de água no canto da boca , logo em seguida ardencia vermelhidão e coceira e corrimento brinco Grosso! Fui ao medico e ela disse que tenho herpes vaginal e na boca , mas eu ainda vou fazer exames , mas quero muito que ela esteja errada ! Descobri ontem e desde então não durmo direito , só choro e não sinto fome.
    Meu parceiro está desconfiado de eu ter traído ele, brigamos ele me falo coisas horríveis e depois disse que ia está do meu lado , mas vi que ele estava diferente comigo , disse que não ia poder me beija e nem fazer sexo sem camisinha mas !
    Eu não aceito ter herpes eu vou fazer exames e quero ver se estou mesmo e espero que a médica tenha errado 😢😢😢😢😢😢😢😢😢😢😢😢 não sei o que fazer mas da minha vida

    • Oi Ana,
      Se realmente for herpes e vc precisa de ajuda, então recomendo muito que adquira o meu livro.
      Garanto que irá te ajudar a lidar melhor com esse nosso problema.
      Mantenha a calma, não é o fim do mundo.
      Se vc não teve relações com outra pessoa então foi seu namorado que te passou e ele também tem. Pode ser que os sintomas sejam mais fracos nele….não sei. Mas ele também deveria ir ao médico e fazer testes.
      Abs
      Edu

  101. Oi tenho herpes genital já a um ano e diz a medicação de aciclovir , mas tenho tido sempre feridas sempre que estou no período menstrual
    De um tempo para cá tenho sentido uma dor na coluna muito frustrante , o que faço me ajudem por favor

    • Oi Maria,
      Não posso afirmar que a sua dor na coluna tenha alguma relação com o vírus da herpes. Acredito que não.
      Mas é importante vc ir no médico para que ele possa avaliar seu caso específico.
      Abs
      Edu

  102. Oi, Edu

    Descobri que tenho herpes a dois anos atrás, por conta da menstruação tinha recidivas todo mês, mesmo tomando vitaminas para levantar meu sistema imunológico, então a 3 meses atrás comecei tratamento supressivo com aciclovir de 200mg de 12 em 12 horas, não tive mais nenhum episódio desde então. Fiz um resumo sobre meu quadro de herpes, mas minha pergunta é a seguinte: mesmo tomando aciclovir supressivamente e não tendo nenhuma lesão de Herpes ou podromes se meu namorado fizer sexo oral em mim ele pode pegar herpes na boca? Ele não tem nenhum tipo de herpes e eu só tenho o tipo 2 genital.

  103. A Herpes Genital e algo bem ruim de se ter
    mas em hipotese alguma e o fim do mundo
    e so uma questao de saber administrar a vida.
    Acho que essa depressao deve ser tratada .
    Seria bom consultar um psicologo pra poder
    enchergar a realidade.
    Porque ficar ao lado de um homem que nao se
    tem confianca e o unico sentimento e nojo.
    Informe-se mais, busque saber, proteja-se e
    Valorise-se. Existem pessoas que estao morrendo de doencas terminais e nem assim
    desistem. Te Desejo sorte e sabedoria. Grande abraco

    • Olá, boa noite. Me chamo Maria e descobri recentemente que contrai esse vírus horrível após ter uma relação desprotegida com um rapaz, ainda não sei se contrai dele, ou se o vírus estava adormecido em mim. Mas tudo indica que foi dele, já que os sintomas apareceram depois dessa tal relação. Tem como não ter sido dele?
      Outra dúvida, trabalho e estou morrendo de medo de ser demitida, pois preciso muito desse trabalho, e anualmente fazemos exames que inclui, fezes, escarro e de sangue. Posso ser demitida por ter essa doença? Ou nesses exames não costuma dar o resultado dessa dst?
      Outra dúvida, moro com meu irmão e a mulher dele, usamos o mesmo banheiro, talheres e copos, corre o risco de contamina-los?Sobre o rapaz, conto pra ele sobre o ocorrido? Aii me ajuda, tô sem acreditar ainda…E meu sonho de ser mãe? O que eu faço?

      • Oi Maria,
        – O que poderia indicar que sua infecção foi recente é se sua primeira crise teve sintomas bem fortes. Fora isso é meio difícil de saber mesmo.
        – Esses exames não detectam o vírus. Somente um exame específico para herpes detecta os anticorpos, mesmo assim, muitas vezes ele é feito para ambos os tipos de vírus juntos (hsv-1 e hsv-2) e temos que lembrar que mais de 70% da população adulta tem o HSV-1.
        – Herpes genital não vai transmitir em banheiros, copos ou talheres. Somente em relação sexual com atrito pele-pele ou pele-mucosa.
        Como vejo que vc tem muitas dúvidas básicas, recomendo fortemente o meu livro… acesse abaixo:
        http://www.dosustoaosucesso.com

        Abraços,
        Eduardo Rosadarco

  104. Oi boa tarde Mim chamo cris tenho 34 anos pois sou casada casei tem 2 anos ate o ano passado nao tinha essa doença quando foi agora a poucos dias descobre que tenho essa doença agora em 2017 meu esposo feve ter pegado alguma mulher com esse virus que acabou passando pra mim eu nao consigo nem olha pra cara dele tenho nojo pois queria muito ter um filho nesse ano mas pelo que tou vendo nao vou ter mas nao. Eu nao consigo nem mim deitar mas com ele so faço chorar e ter odio dele pois cho quenao compens terminar meu csamento pr contrair o virus pra outra pessoa e melhor fica logo com esse canalha mas tou muito triste tem horas que da vontade de mim matar pois nao aceito esse virus em minha vida simplismente achava que nao tinha nescessidade de fazer com camisinha afinal ele e meu esposo nas nunca mim imaginei com um virus desse eu comecei a estranhae porque a minha vagina toda vez que agente tinha relaçao aparrvia um cortezinho bem pequeno sem bolha nem uma achava porque eu poderia ta resecada mas nao erabo virus da herpes e 3 anos atraz tive hpv so que mim curei mas esse nao tem cura e pra vida toda pareçe que o mundo ta se acabando junto comigo toda vez que fico soxinha so choro acho que ja e um sinal de depresao depois que descobre esse virus nao consigo fqxer mas nada com meu esposo pois tenho também Claucoma e sempre coloco o colirio cedo para eu dormir pra ele nao querer faxer nada comigo porque tou com nojo nem consigo conversar mas com ele mas mesmo assim ainda acho melhor ta com ele porque nao vou conseguir ter outro relacionamento nunca com medo de passar esse virus para uma pessoa que nao tem a doença.se você poder mim dar um conselho agradrço desde ja pelo o meu email o que devo fazer

  105. Bom dia…Gostaria de saber se o herpes do tipo 2 (HSV 2) pode se manifestar na boca ??? Pois eu e minha esposa fazemos sexo oral …

    E se o HSV 2 pode ser transmitido como o HSV 1… (Saliva e beijo ) …Pois tenho medo de passar para minha filha ??¿??

    • Oi Jorge,
      O vírus hsv tipo 2 é extremamente raro de infectar a boca mas nos casos em que aconteceu ele costuma criar somente a primeira crise e não mais recorrências na boca.
      99,99999999999999999% dos casos de herpes na boca é pelo tipo 1…. e este sim transmite fácil para a boca de outra pessoa se existir crise presente.
      Se vc estiver com uma crise genital pelo tipo 2 Não existe maneira dele transmitir pelo beijo… ele não está na pele ou mucosa ou saliva da sua boca, mas sim está na pele dos genitais.
      Espero ter esclarecido.
      Abs
      Edu

      • Okk…Obrigado ..

        Outro pensamento q tenho …E q lendo diversos artigos e estudos …Já percebi diversos cientistas dizerem esta é a cura (profetas, G003, theravax, alfaproteina…Etc…Minha dúvida é que estes pesquisadores são abafados pela indústria farmacêutica …Pois é impossível …A demora para apresentar um medicamento ..Tivemos o exemplo agora do surto de microencefalia…Vacina em menos de 2 anos …Desculpem mas pra min ….Eu acho q o dinheiro impera …..

      • Oi Luanda,

        Em relação a herpes genital, os medicamentos aprovados pela medicina usados para o tratamento são os antivirais como por exemplo o Aciclovir. E não é necessário receita médica para comprá-los.

        Abs
        Edu

  106. Oi Edu. Tenho 15 anos, contrai a herpes na minha primeira relação. Desde então me sinto uma péssima pessoa, tenho medo de me relacionar com outras pessoas pois fui diagnosticada dias depois da relação em uma consulta rápida e a doutora não me explicou NADA. Sou muito nova e tenho medo de como vai ser daqui pra frente! Queria que você me tirasse umas dúvidas.
    1- O vírus se encontra nas secreções vaginas se eu tiver sem feridas?
    2- Se eu tiver sem feridas e usar preservativo ainda corre o risco de eu transmitir o vírus?
    Desde já agradeço.

    • Oi Luna,
      1- Se vc não estiver com nenhum sintoma nem crise é bem provável que não exista vírus presente. Porém infelizmente existe um pequena probabilidade de transmissão assintomática, ou seja, o vírus pode estar presente na pele mesmo sem nenhum sintoma, porém a chance disso é baixa como já falei.
      2- Se vc não tiver nenhum sintoma e ainda usar preservativo, então é 99,9% certo que não irá transmitir.
      Abs
      Edu
      Ps: dê uma olhada no meu livro… irá te ajudar. Como vc é de menor é necessário que vc peça ajuda a um adulto que vc confie… ex: Mãe ou Pai.
      http://www.dosustoaosucesso.com

      • Eduardo, é normal eu ter crise toda semana? E acho que minha herpes é diferente daqui os outros falam, venho tendo 1 bolinha só na virilha que passa mesmo sem medicamento, cura e na semana seguinte aparece de novo. E a minha cicatrizacao não forma casquinha, ela seca do nada e some. Me ajudaaaa

      • Oi Luna,
        Toda a semana não é muito normal não.
        Nesse seu caso, é melhor vc ir ao médico para que ele possa olhar seu caso mais especificamente.
        Além disso, fale com ele sobre tomar aciclovir de forma supressiva. Pode ajudar.
        Abraços,
        Edu

    • Oi Renata,
      – Esclarecendo… as bolhas são a “crise”.
      – O hsv tipo 2 é o mais comum na área genital e é o que provavelmente vc tem.
      – O hsv tipo 1 é muito comum na área ada boca (oral), mas também pode infectar a área genital, porém isso é bem menos comum do que o tipo 2.
      Abs
      Edu

  107. Oi, Edu. Meu namorado é assintomático, ele quem me passou o vírus, eu apresento as crises, bolhas, lesões… Quais os riscos pra ele? Eu posso ativar uma crise nele em caso de relação sexual sem camisinha?

    • Oi Natália,
      Não vc não irá ativar uma crise nele. E como vocês dois tem o vírus então não precisa se preocupar mais em relação a isso.
      Mesmo assim acho que não é bom fazer sexo se um dos dois estiver com uma crise.
      Abs
      Edu

  108. Olá gente eu acho que estou gostando Então já comecei o tratamento mas ainda tá um pouco perdido sobre esse assunto tô pesquisando bastante mas preciso de ajuda para entender mais tu ainda um pouco sem entender não tô acreditando mais preciso conversar com pessoas lógico psicológico e mais eu queria saber se tem algum remédio caseiro que eu possa fazer para cicatrizar mais rápido possível algum remédio que eu possa comprar porque já tô com mais de uma semana dá não cicatrizou completamente e depois cicatrizar eu quero saber com quanto tempo eu posso voltar a ter relação sexual vou deixar o meu Zap aí para mim tá difícil pra caramba porque eu ganho dinheiro com meu corpo peguei através de uma ex-namorada Tá difícil ainda porque eu ganhei dinheiro com o meu corpo seu Go.boy então você pode imaginar como ZAP 098987847065

  109. Tenho herpes a 21 anos. A primeira vez foi horrendamente dolorido. Nao podia imaginar o que estava acontecendo com o meu corpo depois de uma unica transa. Foi bem dificil descobrir que eu, sempre tao saudavel, tinha contraido um virus que me acompanharia pro resto da minha vida.
    Logo em seguida me casei e fiquei 18 anos casada sem nunca transmitir o virus a meu ex marido. Devo dizer que por muito tempo , durante o casamento , nao tive nenhuma crise.
    Me divorciei e por causa do stress tive muitos herpes. Hoje tenho um namorado e estou com muito medo de transmitir o virus pra ele.
    Sinto quando o virus esta chegando e imediatamente tomo meu medicamento.
    Acho que devo explicar minha situacao para ele mas me falta coragem.
    Para mim o herpes somente aparece quando estou com muito stress.

  110. Olá ! Estava procurando pesquisas sobre herpes e encontrei esse site. Muito interessante. Eu gostaria muito de entrar em um grupo qUE aborde esse assunto. Estou passando por entrasse problema . Preciso de orientação. Grata

  111. Nossa , estaca pesquisando sobre o herpes vaginal e achei esse site maravilhoso. Muitas pessoas interagindo . Gostaria muito de fazer parte de um grupo de interação. Tbm estou passando por este problema.

  112. Vejo aqui que ainda falta muito a saber sobre esse maldito vírus, pois a maioria aqui disse que as lesões vêm e vão embora e apos isso nada sentem. No meu caso ela ( lesões e bolhas) só veio na primeira crise ( há seis meses) , porém o que aparece e que está me tirando o sono é uma dor interna na região do ANUS, chama-se nevralgia, dores crônicas que permanece já há muitos dias (relatos de dores constantes e diárias) peço a Jesus que as minhas passem, isso é terrível. Ou seja, existe várias formas de manifestação desse maldito, ou até mesmo existe vários tipos dele. Eu também contraí na boca , mas é do mesmo jeito não apresenta lesões ( o lábio superior só é um pouco inchado) mas fica formigando constantemente. Então esse papo que ” ele não passa para a boca ” é balela, depende. Procurem se informar com os especialistas ( não digo urologistas que não sabem de nada) , vão no site dos estudiosos no assunto que eles relatam que existe a possibilidade do vírus não ficar latente , mas em constante atividade causando dores crônicas .Existe um termo que se diz : nevralgia pós-herpética que é usado pra quem teve herpes zoster, mas os especialistas já admitem um equivoco na informação, pois não se trata de “pós -herpética”, mas “durante” toda a atividade do vírus nos nervos. Isso que causa a dor crônica, e essa é a preocupação do Dr.Halford para desenvolver essa vacina.

    • No meu caso acontece algo muito parecido, praticamente não tenho lesões, mas as dores crônicas são constantes. Quais sites são esses de especialistas que você comenta por exemplo?

  113. OLa meu tenho herpes a algum tempo, mas graças a Deus nunca tive crises fortes . Então consigo administrar só c a pomada qd
    Aparece as bolhas e em 2 dias vai embora . O maximo q sinto é uma coceira e logo começo a usar a pomada às vezes nem
    Estoura a bolha . Mas meu marido está numa crise a quase dois meses . Senti um ardor , n consegue ter ereção por muito tempo , encomoda ao urinar , e uma vermelhidão . Tomou aciclivir de 400 mg durante 5 dias de 12/12 estava bem pior antes . Mas aidna n passou .sera que pode tomar novamente numa dose maior ?? Fizemos o pedido do L’lisina mas Ainda n chegou . Ele está desesperado achando q n terá mas ereção ! Vc pode me ajudar ?!

    • Oi Ray,
      Será que seu marido não está com outra coisa como por exemplo uma infecção urinária? Porque uma crise de herpes genital (mesmo primária) não costuma demorar tanto tempo para sarar.
      Ele já fez uma consulta médica? Bom… se fro mesmo herpes, deve ser uma crise após a outra, então o aciclovir realmente ajuda.
      Sobre a ereção… a herpes genital não cria problemas físicos que possam prejudicar a ereção, mas pode causas problemas na parte psicológica. E como todos sabem, a ansiedade e preocupações com a transmissão pode sim causar problemas para manter a ereção.
      Abs
      Edu

      • Oi, Edu. E quando o casal tem herpes, quais são os cuidados? Meu namorado é assintomático, eu posso causar uma crise nele?

  114. Nunca senti tanta vergonha em toda a minha vida,fui à farmácia comprar um remédio pro tratamento da minha herpes,dei a receita ao farmacêutico pra que ele procurasse o remédio,dai ele foi lá olhou e voltou sem o remédio ,olhou na receita viu meu nome e perguntou se era eu,disse que sim era eu,aí ele vira e fala: vc tem herpes né ?! Isso com a farmácia lotada,todos me olharam com cara de espanto,tive vontade de cavar um buraco e entrar dentro. Odeio essa doença e ainda tenho que lidar com isso,a vergonha,até então ngm sabia,o meu medo é de me apontem o dedo e digam: olha lá,aquela ali tem herpes,nem parece!!! Não pedi pra ter essa doença!!!!!

    • Oi Sirley! que escroto da parte deste farmaceutico! espero que ninguém venha a te ofender por isso, e se acontecer de novo denuncie! Foi super anti ético! nunca fui tratada assim, geralmente me dão o remédio, e quando são mulheres até são mais atenciosas comigo.

  115. Oi, eu sou Natália, tenho 21 anos e recebi o diagnóstico de herpes ontem, passado o choque e a tristeza, tenho algumas dúvidas… Estou tomando o aciclovir e passando uma pomada indicada pela ginecologista nas feridas, que estão bem abertas, o surto foi feio. Queria saber qual seria o tempo médio para as feridas cicatrizarem já que estou tomando a medicação?

    • Oi Natália,
      Se esta é sua primeira crise e a coisa está um pouco feica como vc falou, então pode levar um pouco mais de tempo para sarar, mesmo com os antivirais.
      Isso é normal na primeira crise, já que nosso corpo está estabelecendo anticorpos.
      Acredito que pode levar entre 7 a 14 dias para sarar.
      Mas continue com os antivirais até o final.
      Abraços,
      Edu

  116. Ola boa noite!
    Acompanhei os comentários e ninguém mencionou nada sobre complicações causadas pelo herpes, como encefalopatias herpédicas ou meningites, o q vc tem a dizer sobre isso? Conhece algum caso de pessoas q evoluíram com essas complicações?

    • Oi Glaucia.
      Acho que não foi falado muito disso porque aqui agente conversa mais sobre herpes genital e essas complicações que vc falou ocorrem em relação a herpes labial.
      Mesmo assim isso é bem raro.
      Eu pessoalmente não conheço nenhum caso sobre isso aqui no blog.
      Att
      Eduardo Rosadarco

  117. Boa noite….
    Há um ano tenho Hg…. conseguir melhorar meu emocional que ficou muito abalado….todo mês tenho crises. …..geralmente uma vez no mês próximo a data de menstruação.
    O que me ajudou muito na parte psicológica foi participar de grupos de whattsap. ..por ñ me senti mais sozinha achando q só eu tinha isso…caso alguém queira entrar meu contato é 063 99292 3211..obrigada Edu o site me ajudou muito…

      • Sim…Tem uns 7 meses q participo….graças a Deus nunca ocorreu disso acontecer….todos q chegam até a nós com muitas incertezas e desespero em relação a doença. ..assim como foi comigo um dia….participo de dois grupos ..um só de mulheres….e outro q tem homens e mulheres….. compartilhamos experiências, tratamentos de deram certos ou não, nossa vida cotidiana quando estamos em crise, relacionamentos q deram certo ou ñ, e maioria tem vc como referência…. caso um dia queira conhecer…está convidado! La temos vivências de sobra ….. experiências de vida de pessoas q ja vivem com o herpes a 21 anos…então todos nós conseguimos nós apoiar nos dias em que ñ estamos em dias bons!!! Reintero minha admiração por vc…..obrigado !!bjus e abraços

    • Oi Daniele,
      Não é normal para herpes genital nem em uma primeira crise.
      Porém se vc não se tratou com antivirais acredito que pode acontecer.
      Outra coisa que pode ser é que pode estar acontecendo reativações frequentes do vírus.
      att,
      Edu

  118. Tenho 34 anos e tive contato com alguém com herpes genital o certo é que não sei se tenho herpes + peguei hpv dele e agoratem 5 meses + não apareceu herpes será que tenho. Um médico disse q qm tem hpv o herpes aparece rápido e q comp já tem hpv o herpes tem q aparecer.

  119. Alguém já tentou usar/tratar o herpes com Imiquimod (usualmente receitado para HPV)? Achei na internet informações de que apresenta resultados satisfatórios (propriedades antivirais) e com a redução das crises, inclusive em pacientes soropositivo que não responderam de forma eficiente aos antivirais habituais (aciclovir,etc). Penso em tentar, embora o uso deva ser bem cauteloso(pausa de alguns dias), pois o medicamento em questão é ácido e pode lesionar a pele…

  120. Sei de uma pessoa que vende um produto muito bom, mas é somente para herpes genital! é remedio feito em casa, caseiro, faço o uso dele e raramente tenho recaidas com a bendida herpes genital…
    tenta mandar um email pra ele, quem tiver interesse: remediosnaturais@hotmail.com

    espero ter ajudado qm estiver lendo! força galera

  121. Indico as meninas na mesma situação a contarem ao seu parceiro,o meu na sala com médico fico calmo ouvindo as orientações médicas,até porque eu poderia ter me infectado,tomo cuidado pra não contagiar ele,mais a neura é mais minha que dele,quanda a pessoa realmente lhe ama,enfrenta isso junto com você!é uma lastima gente ter essa doença,penso muito nisso,sempre quis ter filhos e de parto normal e hoje vejo que não sera provável,mais não é o fim do mundo.Mudarei meus hábitos alimentares agora,praticar exercícios,e usar mais medicamentos caseiros,afirmo a vocês com clareza enquanto as indústrias farmacêuticas lucrarem com esses antivirais,nunca lançará uma cura

  122. Gente descobri que tenho herpes tem uma semana,foi desesperador na hora,antes de ir na consulta fiz umas pesquisas e vi que poderia ser herpes G,fiquei desesperada não dormia,me sentia culpada,com raiva,namoro a 2 anos e nunca percebi sintoma nenhum nele,não sei se peguei do ex namorado,meu atual foi na clínica comigo depois o médico conversou com explicou que esse vírus é mais normal do que esperamos,só pra tomar cuidado pra não ter relação nas crises,passou um vitamina de lisina e antiviral,algumas pessoas falam que a cura está próxima de ser descoberta sinceramente gente,isso já existe,um vírus que atinge mais de 90% da população,só que as indústrias farmacêuticas lucram com esses medicamentos demais,e pra ser lançado uma vacina por pesquisadores tem que ter a liberação das indústrias, é pedi a Deus que um dia essa vacina seja lançada.

  123. Olá, Tenho apenas 17 anos, e contrai o vírus a quase 3 anos!
    Em 2014 eu estava em relacionamento de 1 ano e 7 meses, ele era mais velho, eu confie totalmente nele e ele me traiu!
    Nessa traição ele contraiu o vírus, não demorou muito eu também contrai o vírus, não sabia que ele era portador desse vírus, por isso mentíamos relações sexuais sem preservativo constantemente, comecei a notar que durante alguns dias ele me evitava, me evitava completamente, mas até então ele “diz” que não sabia do vírus!
    Foi só quando EU tive a minha primeira crise ( em dezembro de 2014) que descobri a verdade da pior maneira possível!
    Não terminei com ele, pois os médicos conversaram abertamente comigo sobre o vírus que eu acabará de contrair!
    Fique com medo de passar por aquilo tudo sozinha, então continuamos juntos por mais 1 ano e alguns meses, mas não deu certo, nos separamos em fevereiro de 2016!
    Dês de então venho evitando sérios relacionamentos novamente, vivo no meu pequeno mundinho, tenho medo de contar sobre isso pra as pessoas que me cercam, por um motivo óbvio, a rejeição por conta do preconceito!
    È muito ruim saber que por um descuido meu, vou passar o resto da minha vida presa nesse inferno!!!
    Só quem sabe sobre isso è a minha mãe, ela quem è quem me ajuda a passar por tudo isso!
    Enfim, gostaria muito de conhecer e conversar com outras pessoas que também possuem o vírus!
    O meu E-Mail è karenribeiro.kr6@gmail.com
    Sou do Rio De Janeiro, tenho 17 anos como disse acima rs

  124. Ola! Sou de SP e comecei a ler esse forum recentemente. Voces chegaram a criar o grupo? Vi na internet q existe um site chamado amizade positiva, me cadastrei porem la nao tem muitos contatos. As pessoas ainda tem muito preconceito e estigma com a doença… até eu sendo portadora confesso que tenbo muito receio de contar para alguem. Nao tenho um relacionamento serio ha muito tempo e passei a me relacionar com pessoas que tambem nao querem isso, por outros motivos, so para nao ter que chegar no momento da verdade. Mas sinto falta e vejo que isso eh sim um bloqueio para mim… se tiverem criado o grupo me add. Meu email é maysacampos32@yahoo.com.br
    Moro em Guarulhos e tenho 34 anos. Um abraço e muito conforto a todos.

    • Oi Maysa,
      O quanto antes vc conseguir superar esses bloqueios será melhor.
      Não deixe esse vírus roubar mais tempo da sua vida.
      Temos que ter responsabilidade com isso e nos adaptar, por outro lado não deixar de viver.
      Abs
      Edu

  125. Olá, gostaria de saber pq eu sinto umas fisgadas na base do meu pênis já na pelvis memo!? Quando tava com os linfonodos eu sentia as fisgadas mas hj quando eu fui correr ( voltando a correr ) depois de 20 minutos fiquei sentindo umas fisgadas no local que mensionei, até cheguei a pensar que meu pênis estivesse inxado mas ao chegar em casa meu pênis estava normal. Será que vc tem alguma idéia pq isso aconteceu. So pra informar que eu tive crise a duas semanas e parei de tomar o medicamento hj. Desde ja obrigado.

  126. Olá.. Estou com herpes a um tempo , ja tomei medicamentos , aciclovir e penvir, após a cura eu tive relações sem camisinha. E no dia seguinte ela voltou, ja é a terceira vez que isso acontece.. O que faço? Estou preocupado.

    • Parece que o sexo está reativando o vírus.
      Existem muitos relatos de que isso acontece.
      Comigo mesmo já aconteceu , mas não tão seguido.
      Eu tentaria o tratamento supressivo aliado a todas as outras coisas.
      Abs
      Edu

  127. O uso de Aciclovir oral após 72 de sintomas adianta? Ouvi relatos de que não. Tomei do laboratório EMS uma caixa e não fez efeito algum. Outra questão: alguém já tentou usar Imiquimod para HPV(aldara, ixium)? Achei no Google estudos de aplicação dele, principalmente em pacientes soropositivos que não responderam bem aos antivirais e resultados ótimos foram apresentados em uma semana, com redução de crises. Mas tenho receio de lesionar mais ainda a área. Obrigado!

  128. Boa tarde Edu Vir seu site e gostei bastante queria tirá uma dúvida apareceu uma feridas na minha parte genital e creio q seja herpes mas já tem quase 1 mês e elas n saram e parece q estão aumentando não sei mas o que fazer so se o chorar

  129. Olá, Edu. Tem mais ou menos 20 dias que descobri que tenho herpes genital. Descobri por causa de uma crise, então você imagina o meu susto, não é? Provavelmente peguei por um oral com alguma pessoa que tem herpes labial. Mas enfim… Minha crise aconteceu no dia 30 de novembro e durou até o dia 11 de dezembro, onde a crise diminuiu, mas ainda continuou no bumbum. Ficaram algumas bolhas na parte de trás depois do dia 11, e hoje, dia 16, minha mãe olhou e disse que estão secas. Eu queria saber quando saber o momento certo para fazer sexo? Eu tenho uma pessoa, e eu não quero expor ele a isso, porque sei o quanto eu sofri na minha crise. Tenho medo de passar, mesmo ele tendo noção de tudo que me ocorreu. Na minha vagina não tem mais absolutamente nada, mas no bumbum ainda tem essas bolhas secas. Eu fazendo sexo vaginal, irei transmitir? Quando saber que eu posso fazer? Estou com uma alergia também na parte de fora do bumbum que as vezes coça, mas acho que é alergia mesmo, nada relacionado a herpes. Eu tenho medico marcado, mas tem detalhes que eu tenho vergonha de perguntar. Porque quando a minha genecologista me contou que eu tinha herpes, ela mal me deu atenção ou me explicou. Só descobri tudo e tirei minhas duvidas, por conta do seu site. E eu tenho muito o que te agradecer, porque logo quando eu descobri, fiquei desesperada. Tenho medo de ter novas crises e serem tão dolorosas como a minha primeira. Pra ter ideia nem levantar da cama eu conseguia, e se alastrou muito rapido da vagina para o bumbum. Me tira essa dúvida, por favor. Posso fazer sexo? E quando fazer?

    • Oi Dinha,
      Sempre que eu escuto que um médico não deu um bom atendimento eu fico triste.
      Bom… o mais seguro é fazer sexo quando não existem nenhum sintoma, apesar de que quando a crise já está cicatrizando na faze final da “casquinha” não transmite mais. Porém por bom senso é melhor esperar uma cicatrização total, ou seja, quando aquela pele “nova” se forma.
      Com o tempo, é bem possível que vc consiga reconhecer as suas prodromes, que são sintomas estranhos que agente sente antes de surgir uma nova crise. Isso ajuda muito a saber quando existe mais risco de transmissão, porém nem todos sentem as prodromes e nem todas as crises podem surgir com prodromes antes.
      Tem que lembrar do seguinte… nunca transar se estiver com qualquer sintoma ou crise, e na pior das hipóteses, se estiver na dúvida, usar preservativo.
      Eu pessoalmente se estou com alguma dúvida de sintoma prefiro não fazer sexo nem mesmo com preservativo…. bom dá pra fazer outras coisas….kkk
      Abraços,
      Edu

  130. Olá edu, descobri que tenho herpes, e estou bastante abalada, já fui à ginecologista e ela me indicou o aciclovir por um semana três vezes ao dia, estou no primeiro surto, porém estou vendo melhoras nas bolhas mais ela ainda estão se espalhando, oq eu faço?

    • Oi Patrícia,
      Teve épocas que eu tive uma crise por mês. Quase fiquei pirado com isso.
      Foi justamente isso que me fez começar essa “luta” e aprendizado contra esse vírus e terminou que acabei escrevendo o meu livro.
      Normalmente isso são fazes. Não acho que vai ser para sempre. Mas quem sabe seria bom ele tentar um tratamento supressivo.
      Abs
      Edu

  131. Boa Noite , Tenho 16 anos Meu nome é Guilherme , e não tenho muita certeza mas acho que tenho “herpes genital” , estou muito isolado triste com a minha vida e tals , to precisando de alguem que queira conversar comigo e tals, meu WhatsApp

    • Oi Guilherme,
      Tomei a liberdade de tirar seu telefone.
      Não acho muito seguro vc postar aqui já que pode lhe ocasionar problemas.
      A princípio sugiro que se quiser conversar com alguém, comece a conversa por e-mail.
      Lembre de tomar cuidado pois nunca sabemos com quem exatamente estamos conversando pela internet.
      Qualquer coisa me escreva…
      edu@dosustoaosucesso.com
      Abs

  132. Oi bos tarde gostei muito de tudo que li aqui no seu blog, pra falar a verdade é a minha primeira crise de herpes genital estou desesperada o que faço, já estou tomando os medicamentos corretamente, mas estou desesperada irei me casar isso atrapalhou tudo em fim me responde uma coisa quando a crise passar continuo tomando a medição né isso????

  133. Contraí há um ano. Antes de toda menstruação, eu manifesto. E quando eu bebo tb (não preciso beber muito, com três copinhos de cerveja manifesta, sendo que não bebo com frequência). Minha manifestação acontece entre 1 e 3 vezes ao mês. O engraçado é que eu tenho uma vida super regrada, tomo vitaminas, tenho uma alimentação saudável, me exercito e medito. No início, sofri muito. Hoje, tenho aprendido lidar. Só tomei aciclovir nos dois primeiros meses, agora opto por métodos naturais, como o bicarbonato de sódio. O que vc acha disso? E tenho mudanças bruscas de humor. A herpes causa isso?
    Vou visitar meu namorado nas férias por um mês. Estou pensando em tomar o remédio. Se tomo uma vez, estou protegida ao longo do mês ou só por uma semana?
    Mt obrigada

    • Oi Carol,
      Respondendo…
      – Não acho que o bicarbonato irá ajudar. Como suas crises são muito frequentes o ideal é fazer um tratamento supressivo por um tempo na minha opinião. Isso, aliado ao que vc falou que já cuida da alimentação etc irá dar resultado. Pense na possibilidade de falar com seu médico para suspender a menstruação por um tempo já que vc notou que para vc ela reativa o vírus. Outras coisas são… cuidar com sofrimento emocional, dormir bem e suficiente, não comer alimentos com muita arginina. No começo o vírus tende a se reativar mais para algumas pessoas. Comigo foi assim.
      -Mesmo tomando aciclovir isso não quer dizer que não terá crise ou que não irá transmitir para seu namorado. O mais importante é nunca fazer sexo se estiver com qualquer sintoma de herpes genital. Tomar o antiviral antes ou de forma supressiva ajuda a reduzir o risco de transmissão e também pode ajudar a não sair uma crise bem na época em que vc for visitá-lo.
      -Não acho que a herpes genital cause algum tipo de alteração brusca de humor. Mas é claro que ela afeta nosso emocional quando surge uma crise ou para pessoas que não superaram por completo o diagnóstico da doença. Pode atrapalhar também no sexo causando preocupação de transmissão ao parceiro.
      Abraços,
      Edu

  134. Olá Eduardo.
    Meu nome é wasserlayne, tenho 21 anos, e acabei de descobrir que tenho Herpes, depois de um tratamento paliativo de 11 dias, tendo crises dolorosas, lesões, e deixando de fazer coisas consideradas banais pra qualquer ser humano. Onde, tinha ido a um médico(ginecologista) da família e ele não me disse nada, apenas passou exames pra fazer, até que em um dos exames recebi a notícia de forma bruta e cruel, onde fui ao médico realizar a colposcopia e a médica virou pra mim e disse: vc tá com herpes. Vc sabe que tem né? Na hora sentir o mundo caindo aos meus pés, foi a pior sensação do mundo, não sabia se chorava, se me castigava, ou o que eu iria fazer. Sair da sala do médica sem saber o que fazia, o que dizer pra minha mãe e minha filha que estava a me espera. chorei por horas, horas e horas, até que acabei me conformando com a notícia logo após. E foi daí que coloquei na minha cabeça que não seria a herpes que ia fazer com eu baixasse a cabeça, e que se fosse pra conviver com ela seria do meu modo. Onde comecei a procura em sites informações sobre a doença, onde todos falavam as mesmas baboseiras, até que achei o seu, onde pude me identificar com vários comentários deixados na página. Onde pude descubrir várias coisas sobre a doença. Não sei como será a minha vida daqui pra frente, mais decidir que não vou viver sofrendo e que vou passar à aproveitar cada momento da minha vida, vou ser feliz e fazer quem estiver ao meu lado. E é claro que toda essa confiança veio por conta do suporte familiar, da minha mãe(que foi a primeira a saber) da mina filha, namorado, entre outros. Obrigada pela ajuda.

    • Oi Wasserlayne,
      É isso aí! A sua atitude em relação a isso não poderia estar mais correta. Claro que ficamos chateados, mas o negócio é enfrentar isso e não se entregar.
      Existem algumas fases pelas quais passamos…
      Sofrimento -> Aceitação -> Adaptação -> Superação
      É muito importante não cair na armadilha de ficar só na primeira fase. 🙂
      Abraços,
      Edu

  135. Não se adquire herpes genital apenas pela via sexual ou compartilhamento de “objetos sexuais”. Cerca de setenta por cento das pessoas carrega o vírus do herpes e pode, inclusive, ter adquirido ao nascer, proveniente de uma mãe portadora, por exemplo. O problema emocional a q o autor se refere, não raro, é fruto de desconhecimento e preconceito sobre a doença. Não se adquire apenas da forma como o texto retrata. É uma doença comunissima. Frise-se… Cerca de 70% da população mundial carrega o vírus e pode transmiti-lo estando ativo ou não.

    • Oi Juliana,
      Concordo em partes com o que vc disse. Realmente é uma doença bem comum e acredita-se que 70% da população adulta tem o vírus da herpes labial… quanto a herpes genital, estatísticas nos EUA mostram que 1 a cada 6 pessoas tem o vírus (16 a 20%).
      Porém a informação de que muitos adquirem ao nascer está errada.
      Se um bebê se infecta com o vírus da herpes ao nascer pode ter consequências graves pois seu sistema imunológico está em formação durante os 6 primeiros meses.
      Felizmente isso não é comum acontecer pois geralmente a mãe tem anticorpos que conferem uma proteção mesmo em parto natural, porém com uma crise presente no momento é indicado a cesariana.
      O que realmente acontece é que muitos são infectados pelo vírus da herpes labial durante a infância.
      A herpes genital é diferente. Por isso não se vê crianças com herpes genital!
      Reforço aqui que a herpes genital é sim transmitida exclusivamente pelo ato sexual com atrito pele-pele ou pele-mucosa. Podem existir casos extremos em que tenha ocorrido a transmissão diferentemente mas com certeza são casos isolados.
      Att,
      Eduardo Rosadarco

  136. Edu

    Acho que o meu comentario anterior nao foi.
    É possivel contrair herpes labial nos orgaos genitais se a pessoa ja tem herpes labial nos labios e por isso já tem o virus no organismo? Obrigada

  137. Oi Edu

    Tive minha primeira crise em março, foi bem fraca, só com uma bolhinha. depois disso tive outras num espaço +- curto de tempo. Acho q todas elas foram despoletadas pelo atrito das relaçoes sexuais pois nunca tive nenhuma crise que não fosse um ou dois dias depois de ter relações. Quando fico mais tempo sem ter relações nao aparece e isso me faz pensar que nunca mais posso ter uma vida sexual normal. Eu namoro e na epoca da minha primeira crise eu estava nessa relação (no inicio). O meu namorado não tem herpes genital, (pelo menos ele nunca teve sintomas), mas logo no inicio ele tava com herpes no nariz.
    A minha duvida é a seguinte: eu tenho herpes labial, há alguns anos, sendo que tenho muito poucos surtos, 1 a 2 por ano, e nessa epoca em que meu namorado tava com herpes no nariz (as bolhas ja estavam com casquinha e algumas delas até já tinha cicatrizado e saido a casquinha) ele me fez sexo oral…é possivel que ele tenha me contagiado ao me fazer sexo oral, uma vez que eu já tenho herpes labial no labio?
    Pelo que li nao seria possivel eu contrarir um tipo de herpes que ja tenho certo? Mas fiquei com a duvida uma vez que ele tava com surto no nariz e que o meu primeiro surto foi bem leve o que poderia significar que eu já tinha anti-corpos.

    Obrigada Edu

    • Oi Ju,
      Como vc já tinha os anticorpos para o HSV-1, então é improvável que ele tenha se estabelecido também nos seu genitais. Mas isso é difícil de saber com exatidão. É possível ter os dois vírus….hsv-1 na boca e hsv-2 nos genitais. Acredito que isso é mais provável do que o hsv-1 em ambos os locais.
      Abs
      Edu

  138. Bom dia.
    Primeiramente, parabéns por esse site, realmente é muito esclarecedor.
    Então eu contrai herpes, e estou com algumas duvidas:

    1 – Quando fiz o exame deu o Igg negativo e o Igm positivo, lembrando que no momento que fiz, estava em crise pela primeira vez, logo eis a pergunta, isso pode afirmar que foi de uma infecção recente, pois estava com apenas um menino, e sempre usava camisinha, até que uma vez rolou sem, e não sei se contrai dele, ou como já vi, poderia já ter e so agora veio a primeira crise.

    2 – Nesse mesmo período, descobri que tinha gastrite (desgraça não vem sozinha ne?! haha), e então, toda vez que bebo cerveja tenho crise. Eis a minha duvida, o fato da cerveja agredi meu estômago tem alguma relação com o aparecimento das bolhas, ou só a cerveja por si só, já seria capaz de desencadear. Se assim for, eu não posso mais bebe? E tomar remédios antivirais? Minha vida até aparecer isso, ia para reunião de amigos e familiares, hoje nem tenho vontade de sair de casa.

    Aguardo resposta.

    Att,

  139. Bom dia.
    Primeiramente, parabéns por esse site, realmente é muito esclarecedor.
    Então eu contrai herpes, e estou com algumas duvidas:

    1 – Quando fiz o exame deu o Igg negativo e o Igm positivo, lembrando que no momento que fiz, estava em crise pela primeira vez, logo eis a pergunta, isso pode afirmar que foi de uma infecção recente, pois estava com apenas um menino, e sempre usava camisinha, até que uma vez rolou sem, e não sei se contrai dele, ou como já vi, poderia já ter e so agora veio a primeira crise.

    2 – Nesse mesmo período, descobri que tinha gastrite (desgraça não vem sozinha ne?! haha), e então, toda vez que bebo cerveja tenho crise. Eis a minha duvida, o fato da cerveja agredi meu estômago tem alguma relação com o aparecimento das bolhas, ou só a cerveja por si só, já seria capaz de desencadear. Se assim for, eu não posso mais bebe? E tomar remédios antivirais? Minha vida até aparecer isso, ia para reunião de amigos e familiares, hoje nem tenho vontade de sair de casa.

    Aguardo resposta.

    Att,
    Aline Cavalcante.

    • Oi Aline,
      1- Sim, pode indicar que a infecção é recente por pelo Igg ter dado negativo e Igm positivo.
      2- Na minha opinião, beber moderadamente não vai desencadear o vírus. São os excessos que fazem mal pois desestabilizam o sistema imune.
      Pode sim tomar os antivirais. Também não acho que a sua gastrite seja responsável por reativar o vírus.
      No começo a carga viral tende a ser maior e por isso é possível que o vírus se reative mais e desta maneira crie mais crises.
      Att,
      Edu

      • Oi Edu

        (Aline, desculpe invadir o seu comentario mas não estou conseguindo na area geral)
        Edu, é possivel contrair herpes labial nos orgaos genitais se quando vc já tem esse tipo de herpes no labio? Isto pq eu tenho herpes labial e os meus surtos de herpes genital são smp bem sutis, nem o primeiro foi agressivo. Isso poderia ser pq eu já tinha os anti-corpos do labial?
        É como se todos os meus surtos fossem despoletados pelo atrito das relações sexuais. Tomar medicação diaria ajudaria nesse caso em que o atrito parece “acordar” o virus mais do que outras causas? Tenho medo de ficar completamente dependente da medicação.

        Obrigada

      • Oi Ju,
        Como vc já tinha os anticorpos para o HSV-1, então é improvável que ele tenha se estabelecido também nos seu genitais. Mas isso é difícil de saber com exatidão. É possível ter os dois vírus….hsv-1 na boca e hsv-2 nos genitais. Acredito que isso é mais provável do que o hsv-1 em ambos os locais.
        Os antivirais não causam dependência.
        O tratamento supressivo ajuda para quem tem crises frequêntes independente da causa, portanto eu diria que pode te ajudar sim.
        Abs
        Edu

  140. Olá. Estive lendo a su matéria e alguns comentários. Ainda não fiz os exames, mas farei o mais breve possível, porém venho pesquisando de acordo com os meus sintomas e acredito que eu esteja com herpes genital. Apareceram algumas bolhas na região da virilha, mas nenhuma dentro do meu órgão genital ou muito próximo, apareceram mais nas dobrilhas da virilha e das nadegas, um pouco afastado da genitália. As bolhas não eram agrupadas, tinha bom um espaço de separação e elas coçavam muito, agora que estão secando elas não formaram casca, estão meio rosadas, como cicatrizes e não coçam mais, algumas ja sumiram totalmente e no lugar das lesões a pele está um pouco escura. Estou rezando para que seja outra coisa, ja chorei muito e sei que se for herpes entrarei em depressão.

    • Oi Bruna,
      Espero que seja somente algum fungo. Mas se for herpes não entre em depressão! Eu sei o quanto isso é perturbador no começo mas garanto que dá para se adaptar e levar a vida numa boa com alguns ajustes da nossa parte.
      Abs
      Edu

  141. Melhor site de todos. Vou dar um breve relato do que aconteceu comigo. Comecei um relacionamento há quase 02 anos, minha esposa (hoje), na primeira crise ficou de cama e os ferimentos surgiram, foi até o pronto socorro do município e o médico informou que era candidíase e passou o tratamento. Na outra semana surgiu em mim, tomei um susto, pq eu já tive uma crise de candidíase e não parecia nenhum pouco com aquelas bolinhas dolorosas, pra piorar ainda mais a minha situação eu costumava me depilar com giletes, sempre que tínhamos relação surgiam bolinhas avermelhadas que são um pouco diferentes das bolinhas de herpes, surgiam avermelhadas sem um local específico, sempre nascia espalhada, até mesmo no púbis e em seguida ficavam amarelas, até estourarem e comecarem a cicatrização. Mesmo assim considerei ser candidíase e fiz o mesmo tratamento, usei as mesmas pomadas que ela, mas infelizmente tanto eu, como ela, não passavamos um mês sem uma crise. Ai que comecei a me assustar, ler bastante sobre dsts na internet, o que tornava a situação pior ainda, como era próximo do exame de rotina dela, esperamos o resultado que não deu em nada além de uma inflamação devidamente tratada. Começamos o dilema e sofrimento, contiavamos a pensar ser candidíase, comprei livro a respeito se como tratar a bendita, mas nada resolvia. Nesse meio período surgiu uma aglomeração de bolinhas mais próximo a glande, aí quando comecei a relacionar meu problema com a herpes, resolvi ir ao um especialista. Durante a consulta eu estava em uma dessas crises (não dá herpes), ele fez as devidas perguntas e chegou a conclusão que possívelmente aquelas bolinhas que nasciam separadas poderiam ser da depilação, deixe de me depilar com gilete e nunca mais surgiram essas bolinhas, ou seja, como ele me explicou, a gilete tira mais do que o necessário, tira as defesas do pênis e o deixa vulnerável, em contato com as milhares de bactérias e fungos que existem em nosso organismo acabava aparecendo essas lesões. Voltando a consulta, eu avisei que surgiu uma certa vez aquelas bolinhas aglomeradas que a princípio surgiu com uma vermelhidão seguida de ardência , ele me receitou o tratamento com aciclovir. Segui a risca, não sei se foi psicológico, mas até as bolhas que não eram herpes tiveram uma cicatrização rápida. Até então sempre que surge ou percebo que vai ter crise me antecipo com o aciclovir, assim como minha esposa. Porém ainda tenho alguma pequenas dúvidas, essa semana mesmo tive uma crise um pouco diferente, surgimento de uma bolhinha vemrelha indolor por dentro do prepúcio, outra bolhinha fora do local de costume, mais próximo do fim do prepúcio, ambos evoluíram pra pequenas úlceras, sendo a de dentro quase indolor e a de fora aquela dorzinha que incomoda, tive uma gripe quase simultaneamente com a crise e com certeza teve baixa na imunidade, alguém já alguma crise parecida? O texto está bem extenso, mais foi pra detalhar bem. Desde já agradeço a todos que postaram e relataram seus problemas, isso é aliviante pra quem sofre com herpes.

    • Oi Fernando.
      É normal que apareça uma crise em um lugar diferente do de costume. No meu caso por exemplo, já saiu crise no saco sendo que na grande maioria das vezes sai no pênis.
      Porém não lembro de ter saído duas crises ao mesmo tempo em lugares próximos mas diferentes. Mas acho que isso pode acontecer.
      Abs
      Edu

  142. Olá Edu, como vai? Tenho uma prima, que aos 31 anos descobriu que tem herpes genital. Ela conta que a primeira vez que apareceu foi a quase 1 mês. Não saiu bolhas na vagina nem dentro dela, mas na parte inferior da nadega. Ela não sentiu os sintomas (ou não percebeu, acredito) já que foi a primeira vez que apareceu. Ela foi ao ginecologista que, deu quase certeza do diagnóstico de herpes, ele receitou o penvir creme, e ela seguiu usando por 5 dias, como recomendado na receita.
    Mas a questão é, melhorou em torno de 6 dias, mas a menos de 2 dias ela começou a menstruar e notou que do lado externo da vagina, sairam umas bolhinhas, pequenas, ela disse q sentiu uma queimação no dia anterior na nadega, pelo lado direito, mas a bolha não saiu no mesmo local da queimação… a pergunta é, é normal ter saido tão rápido essas bolhas, se a menos de 1 mês ela teve uma crise? Ela comenta que não sente dor, mas o psicológico fica bem abalado.
    Obs. Ela tem todo p apoio do namorado, que sabe da situação. Aguardo por sua resposta.

    • Oi Pedag,

      Sim é normal. Acontece que principalmente no início (nos 4 meses seguintes ao ter adquirido o vírus HSV) é possível o vírus se reativar mais vezes, porque a carga viral é maior e o sistema imune ainda está estabelecendo anticorpos.
      Essa “queimação” que ela sentiu nas nádegas provavelmente foi um sintoma prodrômico que acontece um pouco antes de a crise surgir na pele. Eu sempre tenho esses sintomas. E apesar de serem mais incômodos que a crise em si para mim, eles pelo menos avisam quando ela está vido e sendo assim já é possível entrar com os antivirais e cuidar mais com a transmissão.
      Peça para ela dar uma olhada no meu livro. Irá ajudá-la com certeza.
      http://www.dosustoaosucesso.com
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

    • Oi Marli,
      A pomada de aciclovir não é usada como um tratamento supressivo. Não irá funcionar assim.
      A eficiência dos antivirais em forma de pomada é muito inferior aos antivirais em forma de comprimido.
      Portanto as pomadas de aciclovir são indicadas para passar diretamente quando surge a crise na pele e não como supressão.
      Att,
      Edu

    • Sim.
      Pode acontecer em alguns casos de o vírus se reativar, começar uma nova crise com a característica vermelhidão na pele, mas regredir a partir desse ponto e não criar as bolhas.
      Isso acontece quando o nosso sistema imune consegue reprimir o vírus nos estágios iniciais da crise.
      Porém devo alertar que na fase dos prodromes e principalmente se a pele já estiver vermelha pela crise de herpes, então existe o vírus presente e é possível transmitir a doença nessa fase com risco grande.
      Abraços,
      Edu

  143. Olá Edu !

    Tenho 20 anos e a mais ou menos 2 semanas atras fui diagnosticada com herpes genital, e passei por um longo tratamento, bem dolorido, chato e incomodo demais, nunca senti dores tão absurdas e nunca tive contagiado algo que causasse tanta dor, agora já estou melhor, ontem foi meu último dia de medicação de aciclovir, e continuo por três meses a administração de Resist que são cápsulas de lisina para fortalecer o sistema imunológico. Porem ainda não saiu todos os sintomas, sinto leves coceiras, a região um pouco dolorida e sensível e ocorreu também o aparecimento de umas bolinhas, como se fosse caroços interno que ao tocar a região eu sinto porém não causa dor nenhuma, gostaria de saber se é normal ?!
    E com tudo isso tenho muito medo de usar banheiros públicos, do trabalho, faculdade e contrair bactérias ou fungos junto ao vírus já contraído pela baixa imunidade. E estou com muito medo de ter relações sexuais em causar dor ou a relação em si desencadear outro “surto” desse vírus. Tenho um único parceiro, possuo um relacionamento sério na qual ele me acompanhou em tudo no meu tratamento e esteve ao meu lado, mas mesmo assim me sinto “estranha” em relação a tudo isso, me sinto mal e estou com receio em tudo, não gosto de beber muitos líquidos para não ter que ir ao banheiro, evito o máximo, e isso está me sufocando, não me sinto normal! No que puder me ajudar eu agradeço. Bjjs

    • Oi Fernanda,
      Acho que vc ficou um pouco “traumatizada” com sua primeira crise. Realmente para alguns de nós ela pode ser bem forte. Comigo também foi.
      Isso acontece porque quando somos infectados pela primeira vez ainda não temos anticorpos contra o vírus, então mesmo que seu sistema imune esteja bom, até ele criar os anticorpos leva um tempo, por isso a primeira crise é tão forte.
      Mas vc pode ficar mais tranquila porque se caso vc tiver recorrências, elas serão bem mais fracas.
      Esses sintomas que vc ainda sente, podem ser uma nova reativação do vírus. Se for isso, é normal sim. No início o vírus tem uma tendência de se reativar mais vezes.
      Procure se acalmar, acredito que logo a sua situação se estabilizará para melhor. Se for uma nova crise, é melhor continuar com o antiviral por um pouco mais de tempo até sarar por completo. Isso não te trará problemas.
      Abs
      Edu

  144. eu tenho crises frequente mais nao sei se peguei de alguem ou minha mae ja tinha antes de ter eu ,e passou pra min enfim mais e chato isso apareceu varias fases e bolhas bem pequenas brancas aparece enbaixo da cabeça do meu penis eu nao sei o que fazer estou tomando remedio para o tratamento mais nao melhora nao sei tbm se e por conta que eu fumo maconha mais estou diminuindo antes fumava dia todo agora uma vez na semana olha la …sera que por causa da maconha ?? essas crises frequente mente e normal ??

    • Oi Rodrigo,
      Assim como o cigarro, a maconha enfraquece muito o sistema imune do corpo. Por isso, pode com certeza criar mais recorrências do vírus.
      Tome antivirais comprimido até a crise passar.
      Você já fez uma consulta médica? É importante fazer um diagnóstico correto e específico para o caso de cada um.
      Abs
      Edu

  145. Pessoal, eu sofri durante anos com isso. No meu caso, tinha que usar protetor labial e não podia comer nada que fosse rico em Arginina. Pesquisem sobre o óleo de côco, ele tem ácido laurico, no organismo vira monolaurina. Potencializa o sistema imunológico e o virus não consegue se manifestar! Pesquisem sobre o óleo de Côco!!! Hoje tomo 3 colhesres de sopa ao dia e os resultados são maravilhosos, como tudo, e não tenho mais nada.

  146. Boa noite a todos. Sofri com essa doença terrível durante muitos anos, tomava muitos comprimidos de aciclovir, lisina… , no meu caso, além de sempre ter de usar protetor labial contra o sol (banana boat), não poderia ingerir nenhum tipo de alimento rico em Arginina (chocolate, castanhas, café, cerveja…). Passei anos dessa forma, controlei muito bem depois que passei a ingerir suplemento de vitaminas (1 cápsula por dia ) e 20 gotas de extrato aquoso de Própolis (Propomax). Porém, faz alguns dias que descobri algo maravilhoso -> óleo de côco!! O Óleo de côco tem 47 % de ácido láurico, (o leite materno tem 14%), quando digerido, vira monolaurina, ele regula o sistema imunológico, muuuito eficaz contra vírus, bactérias… . Estudos relatam que ele é tão bom, que até mesmo quem tem HIV, vive normalmente ao ingerir óleo de coco, pois ele não deixa o vírus evoluir para Aids. Hoje, tomo café, tomo cerveja (muita! rs) e não tenho mais nada Graças a Deus. O óleo de coco não cura o herpes, ele fica alojado, porém, não consegue se manifestar, tento em vista a ação da monolaurina no organismo. Pesquisem sobre o óleo de coco na internet, google, youtube. Por favor, compartilhem essa informação !!

  147. Olá meu nome é Eduarda tenho 17 anos e fui diagnosticada com herpes HPV , fui ao medico sentindo dores no anus e lá tinha verrugas brancas e pequenas mas doem muito minha vida se transformou sinto dores fortes todas as vezes q faço coco n consigo aceitar isso eu nunca esperei ficar doente de um vírus transmissível tenho uma filha de 2 anos e mim doi muito n poder dar banho nela n poder ter a aproximidade de mãe q eu tinha muito com ela as vezes mim dá vontade de mim suicidar eu n quero viver esse inferno tomo aciclovir mas n adianta e passo pomada no local das verrugas tenho um namorado ele cuida muito bem de mim ele não tem o vírus mas vou deixa-lo para q ele possa ter uma mulher q possa ter filhos e n ter q passar o q estou passando e muito ruim pois é muita dor no sei uk fazer

    • Oi Eduarda,
      Você falou em verrugas e em HPV, então fiquei meio na dúvida se é herpes genital HSV (que causa bolhas) que você tem ou é HPV (que causa verrugas).

      Bom se for herpes genital, então o que posso te dizer com segurança é que a primeira crise pode ser forte mesmo e causa muita dor. A minha foi assim. Mas vai passar. Aguente firme.
      Depois, as recorrências não serão tão ruins.
      Outra coisa é que dá para se adaptar a isso com certeza e levar a vida normalmente com alguns ajustes somente.
      Portanto se acalme e tente aprender mais sobre isso. Esse é o primeiro passo.
      Abraços,
      Edu

    • Oi Paolo,
      Se for por causa do remédio mesmo, então certamente parando o remédio tudo voltará ao normal.
      Confesso que não estou lembrado se existe alguma reação adversa dos antivirais referente a queda de cabelos.
      Dê uma olhada na bula. Se realmente existir, deve ser raro.
      Att,
      Eduardo Rosadarco

  148. Bom Dia Edu,

    Uma duvida..
    O herpes sempre vem acompanhado de dores?
    Uma amiga suspeita de estar com a doença. Saiu duas bolinhas, porém uma amiga médica disse que nao pode ser herpes, pois ela estaria sentindo dores fortes. E sempre que ela ingere bebida alcoolica essas bolinhas aparecem, porem nenhuma dor. Qual sua opiniao a respeito?

    • Oi Ana,
      As bolhas em si não causam dor. A dor ocorre quando elas estouram e se tornam pequenas lesões.
      Uma recorrência de herpes não costuma ser muito dolorida, porém se for uma primeira crise de herpes genital aí sim pode ser muito dolorida.
      Recomendo muito que sua amiga tente mostrar essas bolhas para uma médica. Olhando o local ela poderá fazer um diagnóstico correto.
      Abraços,
      Edu

      • Olá, estou tendo minha primeira crise de herpes na boca, tomei benzetacil pois estou com garganta inflamada, febre e o médico receitou apenas a pomada e a benzetacil… Agora apareceu uma ferida no meu dedo e dentro da boca 2 aftas, será que devo tomar algum outro medicamento oral? Mesmo ja tendo tomado a benzetacil ontem? Só a pomada será o suficiente? Obrigada desde já!

      • Oi Jessica,
        Desculpe a demora na reposta.
        Nessa altura espero que vc já esteja bem.
        De qualquer maneira o ideal era ter tomado aciclovir comprimido também. As pomadas de antivirais ajudam mas não são tão eficazes.
        Abs
        Edu

  149. Depois que comecei um novo relacionamento,ligo na próxima me irá semana tive herpes labial.Logo depois começou aparecer umas manchas brancas na vacina, será herpes tem umas que até sangram.Será isso herpes?Como tratar?

    • Oi Kellen,

      Sim é possível.
      Aliás é bem improvável que o HSV tipo 2 (que causa a grande maioria dos casos de herpes genital) se estabeleça na área da boca.
      E nos casos remotos em que isso aconteceu, parece que na boca ele só causa a primeira crise e depois não cria mais recorrências.
      Obs: essas informações fazem parte do depoimento de uma médica americana especialista em doenças infecciosas Dra. Anna Wald.
      Abraços,
      Edu

      • Boa tarde! Nunca fiz exames para constatar a herpes, mas buscando informações na internet, acredito que tenha, essa semana foi muito ruim, pois fiquei com a virilha muito ferida, mas não começou como das outras que é com ardência depois as bolhas, coceira, até ferir, começou com um ferimento, muita dor e dificuldade para vestir a calcinha, nunca procurei o médico e nem tomei medicamento, com o tempo passa. Se vocês puderem me orientar ou até confirmar se é herpes agradeço. ATT. Angela Lira

      • Oi Angela,
        Não tem como ninguém confirmar se é herpes ou não por aqui.
        É muito importante vc fazer pelo menos uma consulta para ter um diagnóstico por um profissional.
        Abs
        Edu

  150. Eu contraí o vírus, tive minha primeira crise recentemente. Tenho relação com mulher, quero saber se ainda posso ter relação com pessoas do mesmo sexo. E como seria

    • Oi Lídia,
      Sim vc pode ter relações normalmente com pessoas do mesmo sexo.
      A herpes genital se transmite por atrito pele-pele ou pele-mucosa. Por isso é muito importante e é justamente a primeira regra básica: nunca fazer nenhum tipo de atividade sexual se estiver com qualquer sintoma de presença do vírus da herpes.
      No mais é levar a vida normalmente, porém sendo responsável para evitar a transmissão.
      Uma outra dica básica é sempre “se olhar” antes de fazer sexo. E tmb evitar o sexo se estiver sentindo sintomas prodrômicos.
      Abs
      Edu

  151. Boa noite, descobri ontem que sou portadora do vírus da Herpes Genital, estou sentindo muita dor, mas muita mesmo, não consigo urinar direito, até evito, na hora de lavar, sinto tanta dor que choro muito, na hora de passar a pomada a mesma coisa, muita dor e muito choro. Minha dúvida é quanto tempo demora a primeira crise, pois não estou aguentando mais tanta dor… Estou com várias feridas que vão do clitóris até o ânus. Está muito difícil para mim, para terem uma ideia um tubinho de aciclovir dá apenas para 2 aplicações, de tantas feridas que tem. Outra coisa que após passar a pomada uma hora depois mais ou menos quando vai começar a parar de arder a pomada começa a escorrer como se fosse um pus ou um líquido ácido e ai começa mais dor e sofrimento, li que a primeira crise é a pior, olha diante de todas as coisas ruins que ouvi e li sobre herpes essa foi a melhor, pois saber que as próximas serão mais tranquilas me aliviam um pouquinho. Aguardo informações. Obrigada.

    • Oi Priscila,
      Desculpe a demora na resposta e espero que por agora vc já esteja melhor.
      A primeira crise tende a ser muito ruim mesmo e pode levar até mais de duas semanas para sarar dependendo do caso.
      Importante… a pomada não é suficiente na primeira crise. Ajudaria muito se vc tomar aciclovir (antiviral) em comprimido. A eficiência dos comprimidos é diversas vezes superior à da pomada.
      Seu médico não receitou o aciclovir ou penvir para você?
      Abraços,
      Edu

  152. Oi pessoal ! Eu descobri que tinha herpes genital depois de acontecer a primeira crise quando voltei da praia. Até então eu já era portador desse vírus e não sabia, o que comprova que cerca de 80% das pessoas podem ter e não sabem, a crise desencadeou provavelmente porque fiquei muito exposto ao sol, cansaço; bebida alcoólica. Mas o que eu quero dizer e espero que ajude nos depoimentos é que isso não me abalou, vivo um vida normal não podemos achar que nossa vida social já era e tal. Quantas pessoas tem e não sabem? Uma coisa que faço é sempre ser aberto e sincero com quem vou iniciar um relacionamento e conto logo, não tenham medo de serem rejeitados ou tal.
    É muito bom encontrar blogs como estes que falam do assunto e depoimentos.

    Um grande abraço à todos.

  153. Achei muito interessante sua reflexão, mas as vezes me pergunto será que já não existe uma cura? Mas por trás disso pode existir interesses maiores que não permitem a evoluçã dessa cura, ou seu aparecimento? Em fim penso nisso as vezes .

  154. Bom dia amigos! Gostaria de compartilhar com vocês minha aflição. Eu tbm fui vítima e contraí Herpes tipo 2, fui diagnosticada em abril de 2014. Quando eu descobri não estava tendo relações sexuais com ninguém, simplesmente começou com um carocinho dolorido na virilha e no início pensei que era uma espinha inflamada, e fiquei atenta, mas com 2 dias estava evoluindo para uma bolha/ferida, foi quando eu fui na emergência de ginecologia no hospital, torcia para que não fosse nada sério, mas tive a infeliz notícia que era sim, e meu mundo caiu nesse dia, surgiram muitas dúvidas, enfim, vivo hoje com esse segredo comigo, é uma coisa pessoal minha, acho que a única pessoa que deve saber será a pessoa que eu for me relacionar pra termos um futuro juntos, e mais ninguém; tenho muitos sonhos, de me casar e ter filhos, tive um relacionamento depois da herpes, mas eu sofria muito pois queria esperar a hora certa pra contar, até me surpreendi qndo consegui contar (estava com mto medo da rejeição), mas ele me aceitou muitoo fácil, nunca falava nada sobre isso, eu que todo dia fico chateada, guardo pra mim, mas uma coisa que foi muito ruim, é que não demos certo no namoro, e tivemos que colocar um ponto final, e depois disso ele ficou jogando na minha cara isso, não me sinto culpada pois ele tinha me aceitado =/ é uma situação muito chata. Hoje em dia volta tudo como antes, aquele medo de me envolver num relacionamento, preconceito, aceitação da pessoa, não dá pra contar de cara, tem que conhecer muito a pessoa, saber se ela gosta realmente da gente…! Graças à Deus eu não entrei em depressão, mas muitas vezes tenho ficado muito triste, e não poder desabafar com ninguém, afeta nosso emocional. Mas sou muito positiva e tento ver o lado bom das coisas, acho que nada acontece por acaso, talvez tenha sido um alerta para tomar mais cuidado e não sair confiando nas pessoas, poderia ter sido uma doença pior… pois vem aquela história, de que nunca pensamos que pode acontecer com a gente, mas basta uma pessoa.

    Quero montar um grupo no whatsapp para relacionamentos e discussões, acho que assim podemos nos ajudar uns aos outros. Criei um e-mail, e quem tiver interesse em fazer parte desse grupo mande seu número de celular com o DDD no e-mail: acerteocaminho@hotmail.com e eu add no grupo. Sou de Brasília.

    Obrigada!

    GRUPO DE RELACIONAMENTO/ DISCUSSÃO: acerteocaminho@hotmail.com

    • Você se refere a minha pessoa. Pois bem…
      1. Vc transou várias vezes comigo sem camisinha;
      2. Só foi me contar da doença meses depois, quando eu já tinha;
      3. Eu não aceitei Herpes! Eu aceitei você, e não sabia que era tão grave. Só agora está caindo a ficha;
      4. Eu jogo na cara porque vc tem me ameaçado de ir na policia dizendo que invadi seu facebook.
      UM ABSURDO!!!

  155. Boa noite amigos! Gostaria de compartilhar minha aflição com vocês.. infelizmente eu também fui vítima e contraí a herpes tipo 2, descobri em Abril de 2014, quando apareceu um carocinho dolorido na virilha, que no início achei que era uma espinha inflamada, fiquei atenta e com mais dois dias ela estava evoluindo para uma bolha, parecendo uma ferida, quando decidi ir na emergência de ginecologia no hospital… realmente eu estava torcendo para que não fosse nada grave, mas tive a triste notícia de que era sim Herpes, e meu mundo caiu nesse dia, no momento veio milhões de dúvidas a respeito da doença em si, e quando o médico falou pra mim que eu ia conviver com isso pro resto da minha vida, fiquei em choque. Gente, eu vivo hoje com esse segredo, e tenho medo de me relacionar com alguém, só de pensar no dia q terei q contar e etc. Ultimamente minhas crises estão recorrentes. Graças à Deus eu não entrei em depressão, sou muito positiva e tento olhar sempre o lado bom das coisas, pelo menos não foi outra doença pior… fica como um alerta. Daí vem aquela história, a gente nunca pensa que pode acontecer com a gente neh.

    Bom, li muitos comentários e percebi que muita gente assim como eu pensa em montar algum tipo de grupo para interação entre nós, e tive a ideia de criar um grupo no whatsapp, quem tiver interesse me envie um e-mail com o DDD e o número do celular, dessa forma manteremos em sigilo nossos e-mais e telefones.

    GRUPO FECHADO para relacionamento e interação:
    acerteocaminho@hotmail.com

    LIA

  156. Ola tenho herpes genital e fiz o tratamento com aciclovir deu muito certo, Mas após 6 meses sem a manifestação da doença meu penis começou a fica vermelho e ja tem 3 meses q ele esta assim e essa manchar nao sai :/ alguém pode me ajuda quanto a isso?

    • Oi Felipe,
      Se a mancha está igual e não sai a três meses, então não deve ser a herpes genital.
      A herpes genital tem um ciclo bem definido.
      Pode sim causar uma mancha na pele onde irá surgir a crise, porém se não evoluir para uma crise com bolhas, ela então some.
      É importante vc mostrar essa mancha para um médico.
      Abraços,
      Edu

  157. Pesquisando eu encontrei esta informação e gostaria de debater ela. Quem tem herpes não está necessariamente condenado a ter crises de tempos em tempos. “Esse vírus acaba morrendo. Ele tem um tempo de vida de 10 a 15 anos, o que siginifica que se você tem quando é criança, pode não ter quando for adulto”, explica João Paulo Bueno, infectologista do Hospital Professor Edmundo Vasconcelos, em São Paulo.

    • Oi Junior,
      Em condições normais o Penvir assim como o aciclovir não fazem mal ao fígado se tomados na dose recomendada.
      Porém no seu caso acho melhor vc procurar uma ajuda médica mais específica, justamente porque esses antivirais, apesar de serem bem tolerados de maneira geral, são metabolizados no fígado.
      Abraços,
      Edu

    • Oi Brenda,
      Sim, você pode transmitir pela parte externa. A área de maior risco de transmissão por atrito é justamente onde surge a crise (bolhas, lesões ou vermelhidão).
      Mas durante uma crise, toda a área genital deve ser considerada como de possível transmissão na minha opinião.
      Abraços,
      Edu

    • Oi Luciane,
      Sim vc pode receber oral.
      O vírus hsv 2 é extremamente raro de passar para a boca do parceiro.
      Aliando isso a nunca fazer sexo se estiver com a menor dúvida de algum sintoma ou crise presente, então pelo que sei não terá problema.
      Por outro lado quem tem herpes genital pelo hsv tipo 1 então o risco é grande de passar para a boca do parceiro, mas os casos de herpes genital pelo tipo 1 são em bem menor quntidade.
      Explico melhor tudo isso no meu livro, qualquer coisa que vc queira verificar está lá.
      abs
      Edu

  158. Olá Edu, A Exatamente 1ano e 9 meses tive a primeira aparição do virus. Mais deste dia em diante não tive mais até hj, sempre fico gripada, minha menstruação nunca me causaou recorrências, tenho um parceiro que volta e meia tenho relação sem camisinha e nunca ‘graças a Deus’ ele apresentou nenhum sintoma.
    E sera que mesmo assim, seria uma boa ideia tomar os antivirais supressivamente para evitar a transmissão?

    • Oi Lorena,
      Acho que no seu caso não.
      Tomar antivirais de forma supressiva é mais indicado para quem tem crises frequentes e não tanto para diminuir o risco de transmissão, apesar de que fooi constatado de que ajudam a diminuir esse risco em até 50%.
      Se você nunca mais teve crises nem sintomas prodrômicos o vírus deve ficar latente em você.
      Porém nunca dá para descuidar. Ninguém precisa ficar neuras, mas tem que dar sempre aquela olhada antes do sexo.
      Abraços,
      Eduardo Rosadaco

  159. Edu oque fazer para diminuir as recorrência eu fiz um tratamento supressivo de 1 ano cem recorrencia mais quando parei ja tive duas crises seguida o q fazer continuo com o tratamento ou nao

  160. Olá , tenho a Herpes genital há 2 anos, então consegui driblar a herpes com uso de água oxigenada nas bolhas, diminuiu muito o tempo delas permanecer na pele, fazendo o uso tb de Vitamina C, agora já penso em engravidar, qual risco de passar para o bebê ? vou poder amamentar ?

    • Oi Priscila,
      basicamente…
      – Para vc que já tem herpes então já tem anticorpos… isso confere uma proteção ao bebê.
      Se tiver uma crise na hora do parto seu médico certamente irá fazer uma cesariana.
      O risco maior é quando uma mulher se infecta pela primeira vez no último trimestre de gravidez. Aí sim é bem perigoso porque não existem anticorpos estabelecidos.
      Qualquer coisa sugiro o meu livro… tem um capítulo sobre gravidez.
      E é claro, é importante o acompanhamento médico do seu caso específico.
      – pode amamentar normalmente sim. Desde que não esteja tomando alguma medicação específica. Nesse caso seu médico irá acompanhar.
      Abs
      Eduardo Rosadarco

  161. Oi Edu,
    Descobri que tinha contraído o vírus há mais ou menos 3 anos com meu namorado com quem tive minha primeira relação sexual. Tive a primeira crise e só agora depois de 3 anos estou tendo outra crise muito leve.
    Depois que terminamos nunca tive nenhum relacionamento sério, mas estou com um rapaz há alguns meses, com quem faço sexo com camisinha, e estamos conversando sobre um possível namoro. Sei que devo contar a ele sobre a herpes, mas não sei como tocar no assunto; é algo que me deixa envergonhada e infeliz.
    As únicas pessoas que sabem que eu contraí o vírus são meu ginecologista e meu psiquiatra e os dois me dizem que eu não preciso contar para o meu parceiro e que inclusive muitas pessoas escondem o vírus até dentro de casamentos; mas não acho justo que ele entre em um relacionamento sem saber, por mais que usemos camisinha.
    Gostaria de pedir auxílio sobre como contar algo tão delicado e que me abala tanto para alguém com quem estou tão envolvida; tenho muito medo da rejeição.
    Obrigada desde já!!!

    • Oi Flavia,
      Eu escrevi um capítulo inteiro no meu livro sobre como contar ao parceiro. E está tudo lá em detalhes.
      Mas basicamente a rejeição tem grande probabilidade de acontecer se o seu parceiro não estiver envolvido emocionalmente de verdade com vc.
      Por exemplo…. nos casos em que o parceiro quer somente sexo, ou não quer levar uma relação mais séria adiante.
      Hoje em dia não acho mais que seja necessário vc contar muito cedo.
      A minha opinião mudou um pouco…acho melhor contar um pouco depois quando o envolvimento emocional é maior.
      Porém é importante vc evitar a todo custo a transmissão. E sempre usar preservativo na hora do sexo, porque depois que vc decidir contar, se fez sexo sem preservativo, seu parceiro pode não achar correto.
      Interessante que seus médicos disseram para não contar nada. Eu pessoalmente não conseguiria esconder isso da minha parceira para o resto da vida. Ficar arranjando desculpas para não fazer sexo deve ser bem complicado ao longo do tempo. Poderia até dar certo para quem tem muito poucas crises no ano. Não sei…também não acho correto isso. Talvez porque hoje em dia eu não veja mais a herpes genital como uma coisa tão complicada. Por outro lado para muitos isso ainda carrega um “estigma”.
      Acho que se for uma situação de um “caso rápido” com alguém, sem dúvida é melhor não contar. Mas se for uma pessoa em que vc pretende ter um relacionamento longo e fazer sexo sem preservativo, acho correto contar na hora certa.
      Abraços,
      Edu

  162. Bom dia, possuo herpes genital, porém em todos os sites que pude ler na internet, um dos sintomas são dores. No entanto não sinto nenhuma dor, nem incomodo, apenas as bolhas que surgem. O local das bolhas é na região dos pêlos pubianos e não no penis em si, ou seja, a camisinha não protege na hora da relação sexual. Minha namorada também possui herpes, e sempre que temos relações sexuais (com camisinha), as bolhas reaparecem, por mais que as feridas estejam cicatrizadas. Estamos nos tratando com ACICLOVIR pílula e pomada.
    Queria saber se você tem alguma dica para dar, porque nem eu, nem minha namorada aguentamos mais isso de sempre que tivermos relações, as bolhas voltem.

    • Oi SDFA,
      Acho que voc~es já estão no caminho certo tratando com aciclovir.
      Quem sabe tomar supressivamente por um tempo (os dois) para ver como fica.
      No mais é aliar a isso as outras coisas que falo no livro, por exemplo:
      – não consumir arginina em excesso, dormir bem e suficiente, tomar um suplemento de vitaminas, fazer exercício moderados, evitar o stress emocional, evitar cigarro (a todo custo), etc.
      Isso tudo aliado, fortalece o sistema imune e diminui bastante a frequência de reativação do vírus.
      Abs
      Edu

  163. Olá, a todos !
    Me chamo Karla e lendo todos esses comentários decidi também comentar. Tb sou portadora do Herpes genital tipo 2 e HPV. Graças a Deus não tive abalos emocionais após o diagnóstico, porém assim como vcs fico receosa em tentar novos relacionamentos por conta da aceitação do parceiro.
    Ultimamente venho tendo crises frequentes e descobri através de minha ginecologista na qual me acompanha (que por sinal é uma excelente profissional) me indicou uma alimentação saudável para aumentar a resistência, pois se tenho crises frequentes é por conta da baixa imunidade. Além disso, me receitou tomar Redoxon com Zinco, pois aumenta a imunidade. E assim o fiz. Tive uma grande melhora !!! E outra coisa que ela me orientou foi a tomar vacina (só que isso ainda não o fiz) e a respeito de relações sexuais: nunca, jamais transar quando estiver na crise, inclusive no período podromico, pois durante a crise, msm com camisinha vc transmite ao parceiro, então cuidado redobrado.
    Bjooo de luz.

    • Oi Karla,
      Suas informações estão bem corretas sim.
      Levar uma vida saudável e manter o nosso sistema imune em bom estado é muito importante, se não o mais importante para combater o vírus HSV.
      Somente sobre a vacina é que não acredito muito, pois essas vacinas para reforçar o sistema imune não tem eficácia comprovada.
      Abs
      Edu

  164. Olá Eduardo, contraí a herpes genital há 6 meses e desde então dei uma pausa na minha vida sexual. Como quero retomar a atividade sexual, pergunto se um tratamento supressivo seria recomendado para reduzir a possibilidade de transmissão da herpes durante a relação. Como não tenho uma parceira fixa, quero reduzir esse risco ao máximo. Minhas recidivas acontecem com intervalos de cerca de dois meses, com duração de cerca de dez dias com a administração de Penvir 125mg e tomo uma cápsula de lisina diariamente junto com outras vitaminas. Abraço e obrigado pelo blog.

  165. Oi boa tarde, me chamo Marcella e contrair o vírus a menos de um mês. Pra mim, ainda não sei o que vem daqui pra frente. Estou em crise, tenho bolhas para todo lado, na couxa na bunda, no ânus, na vagina enteira. Estudo técnica em enfermagem e desde o começo da crise suspeitei que fosse, porem minha médica achava que nao era. Me passou outro medicamento e as bolhas so aumentaram, estou de cama tem duas semanas, sem dormir, dependendo dos outros totalmemte. So rezo a Deus para que essa crise acabe, para eu tentar ter uma vida ‘normal’. Meu namorado tem, porem ele nao sabia, nao se cuidou, e passou para mim, o vírus nele esta adormecido. Estou sem rumo, penso que não terei mais vida sexual. Estou desesperada.

    • Oi Marcella,
      Garanto que todos nós sentimos esse desespero quando descobrimos isso.
      Mas tem como se adaptar e viver normalmente com alguns ajustes.
      Espero que vc sare logo dessa sua forte primeira crise.
      Está tomando antivirais?
      A minha primeira também foi terrível.
      Aguente firme aí.
      Abraços,
      Edu

  166. Olá, descobri recentemente que possuo herpes genital, apesar do meu médico não ter feito nenhum exame (chegou ao diagnóstico através dos meus relatos) eu ainda possuo algumas dúvidas. Primeira, a herpes genital pode ser transmitida através de roupas ou lençóis? Segunda, eu corro o risco de infecctar outras áreas do meu corpo se coçar mesmo por cima da calça? Terceira, posso lavar minhas roupas com as demais roupas dos meus familiares? Vale lembrar que estou na minha primeira crise.
    Desde já agradeço

    • Oi Mário,
      1- Não.
      2- Não.
      3- Sim. Os produtos de limpeza matam o vírus rapidamente. Mas por bom senso, como é sua primeira crise e pode ser mais forte, lave a cueca no chuveiro separadamente.
      O vírus morre rápido fora do nosso organismo. Se vc tocar nas lesões lave as mãos sempre.
      Abraços,
      Edu

  167. Olá!

    Tive a minha primeira crise há mais ou menos um mês. Foi horrível e fiquei me sentindo a pior pessoa do mundo.

    Gostaria de saber: mesmo sem ter prodromes, dor ou algum sinal de crise eu devo ter relação sexual com camisinha?! A partir do sexo oral, mesmo não tendo crise, o meu parceiro pode contrair a minha herpes?
    Se eu não estiver em crise e transar sem camisinha, o meu parceiro vai contrair a herpes?

    Eu tenho medo de ter relação sexual pois não sei como agir ou se posso acabar fazendo mal para alguém, além da vergonha de falar que tenho herpes genital.

    Obrigada pela ajuda.

    • Oi Bárbara,
      – Se vc não estiver nem com sintomas nem crise presente vc pode transar sem camisinha (nesse caso o risco de transmissão é muito baixo) porém todos nós que temos herpes genital precisamos saber que existe um pequeno risco de transmissão assintomática. É raro de acontecer, porém pode acontecer.
      – É quase certo que seu parceiro não irá se contaminar na boca se fizer sexo oral em você quando vc não está com sintomas.
      Abraços,
      Edu

  168. Eu tenho herpes genital ,pra mim é muito difícil .Minhas crises são frequentes devido a minha baixa imunidade. Meu corpo não consegue controlar nem as alergias graves que tenho. É muito difícil eu manter minha imunidade controlada. As alergias exigem muito do meu corpo,dai a herpes entra e faz festa. É muito triste, me sinto fraca e sem forças pra lutar contra elas.

    • Oi Gleicy,
      Acredito que vc já deve ter procurado um médico especialista em alergias, mas não desista!
      Eu sei que ás vezes é difícil e parece que não tem jeito, mas a nossa capacidade de superação também é grande quando focalizada.
      Na minha opinião, comece pelo básico…. boa alimentação, exercícios moderados, bom sono. Uma coisa acaba ajudando a outra.
      É muito importante também controlar nossos pensamentos em relação a isso e sempre tentar manter o “espírito elevado”.
      A influência do nosso estado emocional é muito grande sobre o sistema imune.
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

  169. Edu, grato.
    Na verdade foi só um bolha (eu estorei a bolha)que saiu e cicatrizou agora. Mas,as vezes arde um pouco. O primeiro médico disse que é um pelo encravado. O segundo médico disse que não dá para saber. Está praticamente sarado. Entretanto, demorou 10 dias para sarar. A ardencia diminuiu bastante. Dia 17 vou em outro medico. Preciso desencanar complementamente ou enfrentar o troço.

  170. Oi, tenho 18 anos e começei a namorar recetemente com o meu primeiro namorado, e infelizmente descobri que ele tem herpes genital, queria saber quais são os riscos da trasmissão sem o uso de preservativos, mas claro quando ele não está em crise nenhuma. Beijos.

    • Oi Maria Clara,
      Se o seu namorado que tem herpes genital não estiver com uma crise nem sintomas e além disso vocês usarem preservativo, é quase certo que vc não irá pegar.
      Existe um risco grande de transmissão somente quando existem sintomas ou crises ativas no momento do sexo.
      Abraços,
      Edu

  171. Bom dia. se uma pessoa tiver herpes genital, mas nunca tiver terríveis feridas, mas todo o mes antes da menstruação tenha dor na perna e na vagina, só nao sai a ferida e nem coça, só dor mesmo. Sendo assim, pode transar sem camisinha nesse período ?

    • Oi Luciana,
      Se essa dor a qual você se refere for por causa da herpes genital, ou seja, um prodrome, então não é bom transar sem camisinha porque quando existem os prodromes é sinal de que o vírus está ativo.
      Porém como no seu caso não aparecem bolhas tem que investigar melhor se essa dor é realmente um prodrome ou algo relacionado a sua menstruação somente.
      Abraços,
      Edu

    • Oi Melinda,
      A camisinha diminui bastante o risco de transmissão.
      Vc pode sim transar sem camisinha desde que não esteja com nenhum sintoma ou crise de herpes genital no momento. Porém existe um pequena chance de transmissão assintomática (sem sintomas). Acredito que isto seja raro de acontecer, mas infelizmente existe.
      Abs
      Edu

  172. Olá Edu.
    Parabéns pelo blog e pelo livro,descobrir que tenho essa praga a 3 meses ,e de lá pra cá as crises vem de 15 em 15 dias ,já tomei aciclovir ,penvir de 125mg e de 500mg e nada ,elas continuam vindo ,estou tomando agora lisina ,vitamina c e reforgam para tratar meu sistema imunológico,mais mesmo assim tive outra crise …não sei mais o que fazer ….o que vc acha do tratamentode imunoterapia? Vc chegou ha fazer?

    • Oi Jeise,
      Eu nunca fiz imunoterapia. Tenho minhas dúvidas se realmente funciona.
      Será que essas injeções realmente fortalecem o sistema imune ou são só paliativos?
      Qual é a composição?
      Bom… fale com um médico antes. E se fizer, depois nos diga como foi.
      Abs
      Edu

  173. Tenho 50 anos. comecei a sentir uma ardência depois de urinar, a ardência e o incômodo é depois de urinar. Isso faz 7 dias. Já tive isso antes, mas passava sozinho,às vezes tomava azitromicina. Porém, agora surgiu uma bolinha no saco, do tamanho da ponta do alfinete, eu apertei e virou um negócio parecendo um eczema. Agora parece que está saindo outras bolinhas. não coça, parece que arde um pouco. A ardência não passa. Socorro! será herpes? me ajudem

    • Oi Toni,
      Como vc disse que parecem estar surgindo outras bolhinhas, então isso é bem característico de herpes.
      Não posso afirmar somente por descrição. Vc tem que mostrar isso para um médico.
      Qualquer coisa estou por aqui.
      Abs
      Edu

  174. Olá Edu, estou com bolhinhas na ponta do prepúcio (não sou circuncisado), mas é estranho pois não tenho essas bolhinhas na glande e no corpo do pênis, a parte afetada é pequena e não está vermelha, inchada ou ardendo. Só descobri recentemente puxando a pele, pode ser outra coisa, tipo candidíase? Bolhinhas são sempre sintomas de herpes..

  175. Estou com meu marido faz 18 anos.
    Ele nunca teve nenhum sintoma
    Eu também não até dezembro de 2015
    Desde então tenho crises mensais ….
    E na verdade me parece que não curei desde dezembro de 2016 por que as lesões aparecem 1x mês. ..mas tenho sintomas. ..os podromes o tempo todo. Toda semana
    Já fui infectologistas
    Em umas 5 ginecologistas
    Clínico geral
    Hematologista
    Homeopata
    Gastro …
    Nutricionista
    Já li seu livro também
    Todos os médicos que fui concordaram que as pomadas não tem nenhum efeito. Placebo
    Agora referente aos comprimidos cada médico diz uma coisa
    Sobre Lisina todos que fui até agora dizem não funcionar e ser mito
    Sobre valtrex ou os outros similares a ele … uns médicos me disseram para tomar somente nas crises
    Outros tomar todo dia
    Uns dizem que tomar todo dia está errado pois tem efeitos colateriais e organismo acostuma e quando para de tomar o vírus volta mais forte e sem remedio para ajudar
    Então continuo sofrendo dessa doença horrível.
    Pensava em ter filhos e já estou desistindo pois me disseram os médicos que com recidivas mensais tem risco para feto e na gravidez não pode tomar nenhum dos 3 comprimidos. …
    Meu casamento só se mantém pois estamos juntos faz muito tempo.
    Mas nada é eterno
    Estou cansada dessa maratona de ir a médicos e só piorar
    No início tive crises um mês sim outro não. ..tendo toda semana podtomes
    Agora tenho todo mês lesões e podromes nos dias restantes.
    E minhas crises duram 15 dias
    Muito complicado
    Se alguém aqui conseguiu diminuir as crises e puder me ajudar
    Eduardo vc comenta seu livro que suas crises diminuíram …
    No meu caso estão piorando
    Vc pode me ajudar
    Obrigada

    • Oi Julie,

      Vou te dar a minha opinião basado no que vc contou e de acordo com a minha experiência…
      Por partes 🙂
      – Acho que vc deveria tentar o tratamento supressivo com aciclovir. É bem indicado para o seu caso que tem crises frequentes. Isso que te falaram que tem efeitos colaterais… todo remédio pode ter, mas o aciclovir costuma ser muito bem tolerado e a ciência já tem um bom conhecimento sobre ele porque é usado desde a década de 80 quando foi criado. Só quem tem problemas pré-existentes no s rins ou fígado é que deve tomar um cuidado a parte. Também o vírus não vai voltar mais forte depois que vc parar de tomar. O que a molécula do aciclovir faz, é que ele diminui a replicação do HSV já que ele “engana” o vírus para se ligar a ele, e assim interrompe a replicação.
      – A lisina no meu caso funcionou. Acho que é o que posso te falar. Não sei se para todos funcionará.
      – Nas mulheres um dos fatores bem significativo que pode reativar o vírus é a menstruação, já que ela enfraquece o sistema imune quando ocorre. Na minha opinião, converse com sua ginecologista para ver se não tem a possibilidade de suprimir a sua menstruação por alguns meses. Isso aliado a tomar o aciclovir supressivamente poderia fazer a diferença.
      – Sobre a gravidez…Acho que é melhor vc procurar um especialista. Essa informação que te passaram, por tudo o que eu li e pesquisei está errada. Resumindo…Vc já tem anticorpos contra o vírus e o bebê estará seguro no útero, Se vc tiver uma crise na hora do parto o médico fará uma cesariana e o bebê não entrará em contato com o vírus. Nunca vi ninguém falar que mulheres que tem herpes genital não podem ter filhos. O risco maior é justamente quando a mulher é infectada durante a gravidez… aí sim a coisa pode complicar.
      O que eu tento sempre passar aqui é que para diminuir crises frequentes o melhor resultado que eu tive foi com uma ação combinada…basicamente: aciclovir supressivamente, dormir bem, controle emocional, alimentação saudável e sem excesso de arginina, suplementos de vitaminas, evitar cigarro e álcool, fazer execícios moderadamente, evitar contato com agentes químicos nocivos (produtos químicos), manter-se bem hidratado.
      Espero que vc consiga diminuir essas crises… sei muito bem como isso é ruim.
      Abs
      Edu

  176. Ola…li quase todos os comentarios. Mas ainda estou com uma duvida que nao me deixa tranquilo.
    Fiz todos os exames de dst faz 2 meses e estava td ok.
    Mas ae transei com alguem sem camisinha faz 2 semanas. Uns dias atras em quanto tomava banho senti um ardor quando passava o sabonete… E ao ver com atencao reparei que sao 4 ferimentos pequenos. E ja vao 4 dias e nao curam. Nao tenho nenhum outro sintoma dos que li aqui…nada. So as 4 ulceras que nao curam…ja passei creme pra hongo, pra bacteria e nada… So vou poder ir num medico em 2 semanas. Existe a possibilidade de ser herpes? Nunca vi as bolinhas e nao tenho nenhum outro sintoma.

    • Oi Kdtgato,
      Pode ser herpes sim. Mas é difícil dizer somente baseado no que vc falou.
      Existem outras coisas que podem ser também.
      Pomadas não funcionam muito bem nesses casos.
      O melhor é vc tentar ir no médico antes.
      Abs
      Edu

  177. Oi eu estou com herpes genital em evidência no momento….ñ estou bem há dois dias pensando até em morrer,estou em um relacionamento novo com um homem mais novo do que eu,éramos amigos na infância e nos reencontramos agora,mas só que hoje estou muito muito triste,morro mas ñ conto pra ele,estou com medo vergonha enfim tudo de ruim,começou a dois dias porém ja esta instalado as bolhas horrìveis e dolorosas…acabei de comprar a pomada aciclovir creme e estou usando agora,porém o comprimido não…pq ñ passei no médico…nem sei se a farmácia vende sem receitas o Aviral 200mg….

    • Oi Marisa,
      O aciclovir vc pode comprar sem receita médica.
      – Realmente não é uma boa idéia contar ao parceiro quando agente está abalado emocionalmente. Mas se vc pretende ter uma relação mais a longo prazo com ele, então sugiro que pense na possibilidade de contar. Principalmente se vc notar que ele também está envolvido com vc. É muito ruim esconder isso numa relação a não ser que vc quase não tenha crises (recorrências).
      Por enquanto cuide com a transmissão e procure melhorar se emocional.
      Fique com Deus,
      Abs
      Edu

  178. Ola , recentemente ha coisa de 1mes e tal apanhei herpes genitais por transar com um rapaz que tinha e nunca me o disse .
    Passei semanas e dias horríveis de dores e coceira , porem fui ao hospital aqui de Lisboa onde fiz um tratamento via oral acompanhado por um medico especialista … desde então ainda tenho 2 bolhinhas que ja nao me doem nem me fazem comichão mas gostaria de saber se elas vão desaparecer e quando ?? Obrigado

  179. Ola , recentemente ha coisa de 1mes e tal apanhei herpes genitais por transar com um rapaz que tinha e nunca me o disse .
    Passei semanas e dias horríveis de dores e coceira , porem fui ao hospital aqui de Lisboa onde fiz um tratamento via oral acompanhado por um medico especialista … desde então ainda tenho 2 bolhinhas aqui que ja nao me doem nem me fazem comichão mas gostaria de saber se elas vão desaparecer e quando ?? Obrigado

    • Oi Claudia,
      Normalmente as crises de herpes genital tem um ciclo bem definido e cicatrizam por completo no final.
      Será que essas bolhinhas não seriam uma nova reativação do vírus? Uma nova crise que ativou em seguida da primeira?
      Não é normal as bolhas de herpes ficarem por muito tempo. Geralmente elas estouram e viram lesões que depois cicatrizam formando uma pele nova no local.
      Se vc acha que não é este o caso, então é bom o seu médico dar uma olhada novamente.
      Abraços
      Edu

  180. Tive uma leve crise de herpes simples e já estou bem .. Se minha parceira fizer sexo oral em mim msm o vírus estando inativo ela pode ser contaminada ?

    • Oi Luiz,
      É muito difícil que o vírus HSV-2 infecte alguém na área oral. Pode acontecer, mas é bem raro mesmo.
      Então, se vc não está com sintomas ou lesões de herpes e sua parceira fizer sexo oral em vc é quase certo que não será infectada.
      Não é o caso da grande maioria, mas algumas pessoas tem herpes genital causada pelo HSV-1. Neste caso, aí sim o vírus tem grande chance de passar para a boca da parceira, já que é o local de preferência do tipo 1. Seja como for, nunca fazer nada se existir a menor dúvida de sintomas de herpes, assim as chances de transmissão são drasticamente reduzidas.
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

  181. Oi gente! Queria me deixassem suas experiências sobre relação sexual com pessoas que não tem o vírus, aqueles que têm e transam sem preservativo fora das crises, se o parceiro de vocês se contaminou. Eu tenho mas meu namorado não, ele sabe que tenho, mas não transamos sem preservativo. Edu no seu caso, vc disse que tinha muitas recorrências no começo, eu também tenho mesmo fazendo tratamento supressivo. Você fazia sexo sem preservativo quando não estava em crises?

  182. Oi edu tive crises fortes no começo a pouco menos de um ano… depois tive bolinhas únicas parecendo espinhas hoje tenho mais e dores no saco escrotal e no canal urinário. . Quando surgir essas dores oq e recomendável a tomar…? E outra pergunta sem crises alguma tenho quais chance de transmitir a doença não usando camisinha já que li que não se transmite por esperma??

    • Oi Dnt,

      -Se vc acha que essas dores são devido a sintomas prodromicos, então o aciclovir pode ajudar. Eu tomaria assim que elas começam até o final. é o que eu faço quando sinto os meus sintomas prodromicos.
      Dependendo do caso um analgésico também pode ser tomado para dar um alívio.
      – Funciona assim… se realmente agente está sem crises e o vírus está latente no gânglio, então a chance de transmissão é nula. Mas aí é que vem a infeliz pegadinha…mesmo sem sintomas o vírus pode estar presente na pele em alguns casos. E isso agente não tem como saber quando acontece a não ser que seja feito um exame específico. Mas a notícia boa é que essa transmissão assintomática é bem rara de acontecer. E acredito que não acontece em todas as pessoas.
      Abraços,
      Edu

  183. Boa noite , conheci um rapaz é estávamos emum clima muito bom , até que ele me contou que tem herpes genital , ainda não fizemos amor ….e ele quer se afastar de mim com medo de me infectar , pois as outras namoradas dele pegaram o vírus , não quero desistir dele por isso , queria saber mais informações sobre o meio de contágio e se há como manter relacoes sexuais com preservativo sem me contaminar …

    • Oi Nile,
      Fiquei preocupado porque vc disse que ele transmitiu o vírus para outras namoradas.
      Isso pode mostrar que ele não é muito cuidadoso.
      Eu tive namoradas, hoje sou casado e nunca transmiti para nenhuma delas. Mas a responsabilidade maior de evitara a transmissão é justamente de quem tem o vírus.
      Bom… da minha parte e pela minha experiência, eu diria para vc que dá sim para viver a dois sem que vc pegue o vírus.
      Se vocês não fizerem sexo quando ele estiver com sintomas ou principalmente crises ativas no momento, e ainda usarem preservativo, vc estará segura.
      Recomendo que vc dê uma olhada no meu livro (e quem sabe dê para seu namorado tmb) isso irá ajudar a você dois com certeza.
      http://www.dosustoaosucesso.com

      Abraços,
      Edu

  184. Ola, tenho 20 anos e tenho herpes genitial, me preocupo com meu futuro e quando me relacionar com alguem.
    Nao posso transar quando estiver com os ferimentos ?
    Meus ferimentos demoram quase 1 semana para sumirem e as vezes ficam algumas marcas, é normal ?
    Tem como evitar que as lesoes apareçam, ou algo que possa ser tomado que diminui a aparição ?
    Tenho mts duvidas, por favor doutor entre em contato comigo pelo e-mail se possivel
    obg

    • Oi Brendo,
      – Essa é a regra fundamental sim! Nunca transar se estiver com qualquer sintoma de herpes genital.
      – Uma crise de herpes pode demorar de 7 a 14 dias para cicatrizar por completo mas não costuma deixar marcas. A pele “nova” pode até ficar um pouco mais clara, mas costuma desaparecer depois.
      – Tem muitas coisas para diminuir a frequência das crises. Por exemplo uma delas é tomar aciclovir de forma supressiva. Porém isso é mais indicado se vc estiver tendo muitas crises em seguida.
      Não sou médico! Eu tenho herpes genital há muitos anos e aprendi muito sobre isso e procuro sempre passar informações corretas aqui (e no meu livro) com muita responsabilidade porém, vc deve deixar de fazer uma consulta médica para seu caso específico.
      abraços,
      Eduardo Rosadarco

  185. Bom tarde, pessoal!
    Fico muito feliz por encontrar este blog.
    Queria tirar algumas duvidas! Não sei se estou com o HP, mas li muito sobre os prodrômico e gostaria saber se os meus são da herpes.
    Neste ano fui diagnosticado com HPV, e já fiz 4 peniscopia com 3 médicos diferentes. Todos falaram que eu n tinha herpes. Nunca tive bolhas ou feridas no pênis. Noto que tenho uma descamação em volta da glande e um pouco abaixo dela. Mas sinto uma ardência grande embaixo da glande quando a urina encosta. Nesse período tive balanite, que incomodou muito a uretra. Fiz uma coleta de secreção e constatou que era estafilococo. Tive uretrite depois que melhorou com fluconazol. Hoje estou com outra ardência na uretra e meu pênis está muito vermelho, tipo, a urina encosta e arde bastantes embaixo da glande, mas não vejo nenhuma ferida. Os podromicos que sinto são: ardência, dores nas nádegas, espasmos nas nádegas e coxas, pouca ardência na virilha e uma dor leve na parte inferior da lombar. Essas dores já estão a um mês direto. Melhora quando dormi bem e piora quando durmo e faço corrida. A uma semana atrás tive tontura e ânsia de vomito. Isso são sinais da herpes?

    • Oi Márcio,
      – tontura e ânsia de vômito não são sintomas diretos da herpes genital.
      – os sintomas que vc descreveu e está sentindo até parecem realmente sintomas prodromicos de herpes genital, porém a sua descrição dos sintomas físicos não são.
      Eu não tenho como afirmar, mas não parece ser herpes genital.
      Herpes genital cria bolhas ou lesões (deixadas quando a pele fina estoura) na pele e são bem fáceis até de reconhecer.
      Como eu sempre falo… na dúvida de qualquer coisa —-> consulta médica.
      Abraços,
      Edu

  186. Boa noite, primeiramente, obrigada por todas essas informações. tenho algumas duvidas e preciso muito saber dessas duas coisas:
    1- eu peguei herpes de um ficante, hoje namorado, ele já tinha, gostaria de saber se posso transar com ele sem camisinha, ou se corro risco de novo surto transando sem camisinha.
    2- tenho muito medo de fazer sexo oral nele e contrair herpes na boca, uma vez que as minhas são apenas nas genitais, ele tendo, eu também, eu posso fazer sexo oral nele?
    ele faz em mim e nele não saiu nada, eu tenho imunidade baixa e por isso o receio, já estou tratando, mas há pouco tempo. Desde já agradeço!!!

    • Oi Fernanda,
      1- se vocês dois já tem o vírus então não tem problema de transar sem camisinha ( em relação a herpes genital somente). Também isso não vai aumentar as suas crises. Porém, por bom senso, é melhor evitar o sexo se um de você estiver com algum sintoma.
      2- é muito difícil o HSV-2 se instalar na boca. Extremamente raro mesmo. E como vc também já tem anticorpos contra ele então na minha opinião vc pode fazer sexo oral nele sem problemas. Mas sempre lembrando de não fazer nada se ele estiver com algum sintoma. (mesmo vocês dois tendo o vírus, acho que é melhor evitar períodos de crises como já falei anteriormente).
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco.

  187. Oi! Gostaria de saber se é possível uma pessoa que possui herpes genital doar sangue? Sempre fui doadora e agora que tenho essa doença não sei se meu sangue ainda serve.

  188. Contraí esse vírus em 2009, na primeira crise eu imaginei que estivesse com alergia ao absorvente ou coisa assim, era uma dor horrível, mas ao pesquisar, percebi que tratava-se dessa doencinha maldita.
    Digo maldita não pela dor física que ela causa e sim a emocional, o quanto ela já deixou no chão minha auto estima, o tanto que me fez/faz sentir inferior à outras mulheres, sinto-me suja, imunda, contagiosa.
    Desde quando terminei com o rapaz que me passou o vírus, eu nunca mais tive relação sexual (desde 2012), por medo mesmo, mas mês passado saí com um homem com qual estou envolvida, não houve penetração, mas o simples fato dele me tocar, causou uma nova crise… isso me entristeceu muito, porque pelo jeito eu jamais poderia ter uma vida sexual “normal” e isso me fez afastar, decidi que realmente é melhor viver sozinha.
    Sem falar no medo da rejeição, de contaminar alguém, eu não suportaria ser lembrada negativamente todas as vezes que a pessoa sentir dor, por que é assim que eu lembro do meu ex.
    Minhas crises são frequentes, 1 ou 2 vezes ao mês, sem falar naquelas dores chatas que acontecem antes/durante a crise, eu realmente estou muito cansada, já são anos que sofro em silêncio.
    Comprei aciclovir 400mg, estou tomando 2x ao dia e também comprei um polivitaminico. Estou tentando beber mais de 2L de água e dormir melhor. O que me atrapalha muito é o estresse.
    Quero seguir em frente mas não consigo.
    Enfim, é um desabafo. =C

    • Oi Hortência,

      Pelo que vc falou, vc já está no caminho certo para controlar essas crises frequentes, e acho que logo vc terá bons resultados.
      Realmente tem que controlar o stress e o sofrimento emocional.
      – O fato dele ter te tocado não faz surgir uma nova crise… provavelmente foi coincidência.
      Não acho que vc deva ficar sozinha por causa da herpes genital. Sei que dá essa impressão de não poder ter uma vida normal, porém posso te dizer que dá sim para levar isso controlado e não transmitir para ninguém.
      O risco de rejeição realmente existe, mas na minha experiência agente aumenta muito a gravidade do cenário nas nossa cabeça. Se o seu parceiro gosta de vc e está envolvido emocionalmente, o risco de uma rejeição acontecer por causa disso é baixo.
      Eu também deixei essa doença “roubar” um tempo da minha vida no início, mas consegui superar, assim como tenho certeza que vc conseguirá.
      Não desista dos seus sonhos e seus objetivos…permaneça focada na superação e controle disso e vc irá recuperar o equilíbrio na sua vida.
      Um abraço,
      Eduardo Rosadarco.

  189. Eu sei quem tem a cura.
    Deus tem a cura.
    E se clamar Deus responderá.
    E se bater a porta achará.
    Para Deus não há nada impossível.
    Eu tenho mas estou firme pedindo a Deus a cura e sei que a receberei.
    Creiam vcs tbm e serão curados em nome de Jesus.

  190. Olá Edu e olá a todos!
    Está difícil lidar com essa doença, já tenho a cerca de sete meses e mesmo tomando aciclovir de forma supressiva tenho crises. Neste último mês o que me acontece são os sintomas dos podromes mas sem feridas já estou há quase um mês com um lado da nádega bem embaixo, inchado, dores nas costas só de um lado também é vermelhidão na vagina. Alguém já teve esses sintomas de forma tão prolongada? Me ajudem!

    • Oi Marília,
      Os meus sintomas prodromicos são bem chatos mas não persistem por tanto tempo. Geralmente aparecem e ficam de dois a tres dias e assim que surge os primeiros sintomas na pele, ele desaparecem.
      Como falo no livro… me incomodam mais do que a crise em si. Eu sinto uma “sensibilidade(dor) na pele ao toque” e as vezes junto uma “dor interna”.
      Abs
      Edu

  191. Olá Edu,

    descobri que tenho Herpes Genital há 2 dias, estou em choque. Namoro há 1 ano, não tive nenhum parceiro fora do namoro e até agora estou tentando entender. Nas minhas pesquisas pela internet entendi que eu posso ter o vírus há anos e só agora ele pode ter se manifestado, correto? Acho que meu namoro não vai suportar essa fase, ele não entende como posso ter tido uma “crise” (não sei como fala, então estou chamando de crise ou surto), namorando com ele e ele não ter nada (aparentimente) ou então está com raiva que eu possa ter passado pra ele também sem saber e ter “estragado” a vida dele como alguém “estragou” a minha. Meu médico foi muito vago nas informações, e me deixou muito mais preocupada e ser informação para explicar pro meu namorado. Procurei saber sobre exames que possam mostrar se eu o infectei ou não mas pelo o que eu li não aparece.
    Estou bem perdida, sem chão. Tenho 25 anos e nunca imaginei passar por isso.

    • Oi Bruna,
      Uma indicação de que vc pode ter pego do seu namorado é se sua primeira crise foi bem forte. Se ela foi bem forte isso indica que sua infecção pelo vírus foi recente pois vc não tinha anticorpos ainda. Porém nem sempre isso acontece, e realmente vc pode ter pego antes e não sabia, assim com vc pode ter pego dele e ele não saber que tinha, ainda mais porque vc falou que ele é seu único parceiro sexual.
      O exame que voc~e podem fazer é o IgG (preferencialmente o para tipo específico HSV-2)
      Abs
      Eduardo Rosadarco

  192. Tenho 14 anos e reparei bolhas esbranquiçadas em meu pênis, e até hoje nunca tive nenhum contato sexual ou com alguém que aparentava ter herpes,estou com medo, é grave? Até hoje não senti nada dos sintomas ditos, alguém poderia me ajudar?
    Também estou com medo de falar para a minha mãe que eu acho que tenho herpes…

    • Oi,
      Pelo o que vc falou não deve ser herpes, mas vc precisa marcar uma consulta médica, por isso é muito importante que vc fale para a sua mãe.
      Eu sei que agente fica com vergonha e preocupado, mas ela irá te ajudar com certeza.
      Mesmo que não seja herpes genital, pode ser alguma bactéria ou fungo e o diagnóstico só pode ser feito por um médico.
      Muito provavelmente vc precisará tomar algum remédio que ele irá prescrever.
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

  193. boa noite. a todos e

    Tenho o vírus a uns 6 meses, tomei penvir e enax ( prescrito pelo medico), logo 2 meses depois recorri e tomei acyclovir em comp. e em pomada… mas as bolhas( prox ao prepúcio, em formação alinhada. como uma cicatriz.) ainda resistem a saírem, aparentemente diminui, mas to preocupado.. já tem 1,2 meses disso.

    o que devo fazer?

    detalhe, as bolhas não incomodam… as vezes coça levemente.

    Alguem que possa me dar um norte….rsss… Sei que o certo é procurar um médico, mas gostaria de algo a máis. Médicos não são Psicólogos. rss

    Brigado!

    • Oi David,
      Geralmente uma crise de herpes genital tem um início e fim bem definidos. Uma recorrência pode levar entre 7 a 14 dias para sarar por compelto (do início ao fim).
      Então se vc está com sintomas por mais de um mês então não é muito normal…a não ser que seja uma crise em seguida da outra. Isso pode ocorrer principalmente nos primeiros meses.
      Já aconteceu comigo… mal sarava uma crise e já aparecia outra.
      Acho que vc deve continuar com o aciclovir e consultar um médico para tirar a dúvida.
      Sobre a parte psicológica…acredito que o meu livro iria te ajudar bastante nisso além de outras coisas.
      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

  194. Olá, eu queria tirar umas dúvidas e tals… eu tenho 18 anos, peguei a herpes genital através do meu ex, ano passado com 16 ainda, não foi através de relação, ele simplesmente encostou o membro em mim depois de uns amassos. Esse ano encontrei meu atual namorado, estamos juntos a 6 meses e ainda não tive coragem de contar que mesmo ainda sendo virgem, adquiri a herpes, pois tenho medo de rejeição… Eu nunca fui no médico, pois tenho vergonha e medo. Só tive crise umas três vezes, uma dessas foi esse ano e foi horrível, como ganhei uma cesta de chocolate não resisti e acabei comendo a metade dela. Antes mesmo da cesta eu já tinha pesquisado sobre a alimentação e estava seguindo à risca, evitando chocolates, amendoim, côco e etc, comendo mais ovos, leite, frango e as minhas crises pararam e eu não via mais nem se quer as bolhas. Vez ou outra eu como chocolate, digamos que umas quatro vezes por mês (me seguro bastante ,rs). Bom, agora vão as perguntas:
    – Quando for rolar o momento da transa, mesmo ele usando a camisinha e eu não estando em crise, com nenhuma bolha, é capaz de passar pra ele? Pq a primeira crise que foi horrível me deixou com “cicatrizes”, na verdade foi uma mancha enorme escura, que vai da metade de cada nadega até a virilha e na frente… tenho mais medo por causa disso. 😞 Quando aparece alguma bolha, é sempre uma ou duas, nessa área da mancha, nas vezes que como chocolate e somem depois de uns três dias.
    – Mesmo eu estando nesse estado, com a pele lisa, sem bolhas e etc, devo tomar um antiviral? Como a minha herpes não é drástica, é capaz de reduzir ainda mais a porcentagem de transmissão? Mais que 50%?
    Me desculpa o texto enorme. Obrigada desde já! 😘

    • Oi Thayná,
      – Se vc não estiver com nenhum sintoma e nem uma crise e ele usar preservativo de forma correta, então a chance de transmitir é extremamente baixa.
      – Segundo estudos o antiviral tomado de forma supressiva pode sim diminuir o risco de transmissão em até 50%. Mas acredito que se vc tomar bastante cuidado para não fazer sexo com sintomas ou crises e seu namorado usar o preservativo já é bem suficiente para dar segurança.
      Thayná… procure uma médica… não tenha vergonha. Para os médicos é bem comum isso até. E ela poderá te ajudar também sobre esta mancha que ficou. Normalmente herpes genital não deixa manchas.
      Abraços,
      Edu

  195. Tenho uma dúvida , é possível que a pessoa que me passou herpes genital não tenha os sintomas ? E se eu continuar a ter relações com o mesmo sem camisinha ele possa contrair ?

    • Se vc tem certeza que ele já tem herpes então ele não irá contrair novamente porque já está infectado.
      É possível sim que não apareça os sintomas, porém em muitos casos as pessoas não reconhecem sintomas bem fracos e confundem com outra coisa.
      O ideal é que se faça um teste IgG.
      Abraços,
      Edu

  196. Edu, é possível ter uma crise prolongada de cerca de 8 meses?? Apareceu umas bolhinhas ano passado, e até agora não saíram, mas não tive nenhum sintoma (dor, coceira, etc)

  197. Oi gente uma semana saiu três bolinhas dolorosa, fui ao médico e fui diagnosticada com herpes genital. Depois do sétimo dia já estar quase sumindo…..Mais estou mto deprimida, pra baixo, não sei o que fazer, tô desesperada, acho q minha vida sexual acabou.

    Me ajudem

    • Oi Luma,
      Acho que 99% de nós que pegamos herpes genital ficamos assim no começo.
      Agente se abala mesmo. Mas isso não é o fim do mundo como parece.
      Garanto a vc que dá para agente se adaptar e viver com isso numa boa com alguns ajustes.
      O mais importante a meu ver é tentar evitar as crises constantes para que a herpes genital afete minimamente a nossa vida.
      Qualquer coisa dê uma conferida no meu livro. Tem bastante lá também sobre a parte psicológica.
      Abraços,
      Edu

  198. Olá Edu!
    Estou tomando aciclovir de forma supressiva já faz 3 meses, mas mesmo assim já tive duas recorrências, tomo 400mg 2X por dia, nesta última recorrência senti os prodromes, vermelhidão, dores internas e inchaço, cheguei a ver duas bolhas mas elas não estouraram, até regrediram, mas já faz uma semana e continuam os podromes. O que pode estar acontecendo na sua opinião?

    • Oi Marília,
      Quando eu comecei com o supressivo, também tive uma uma crise no primeiro mês. Achei que não iria funcionar, mas persisti e tive bons resultados depois.
      Portanto acho que vc deve continuar por mais tempo.
      Bom… outras coisas que podem interferir:
      – alimentação (evitar arginina principalmente). E se vc não tem uma alimentação balanceada, então talvez seja interessante vc tomar vitaminas.
      – stress emocional (fator muito influente para iniciar novas crises)
      – dormir pouco ou mal.
      – menstruação (ela baixa a resistência do sistema imune para muitas mulheres). Se vc achar que este é o caso, então deve falar com sua médica ginecologista para ver se é possível suspender a menstruação por um tempo e ver o que ocorre.
      – vida sedentária. (Exercícios melhoram o nosso organismo em muitos sentidos).
      Acho que basicamente o principal é isso.
      Abraços,
      Edu

      • ARGININA? ONDE ESTÃO OU ONDE SE ENCONTRAM EM QUAL ALIMENTO. NÃO SEI NADA SOBRE… JÁ QUE PROVOCA MAIS A DOENÇA…

  199. Ola! tudo bem Edu?
    desconfiei que contrai essa doença por alguns sintomas e detalhes nas pesquisas… mas quando fui ao medico e fiz o exame, o resultado foi que tive contato com a doença mas que não apontou nem sim … nem não. que tenho que fazer quando perceber alguns sintomas segundo a medica pra assim obter resultado exato… pode isso, resultado do exame não afirmar nem uma nem outra??? e a medica interpretar assim que tive contato com a doença… confuso isso. aguardo respostas… abraços Marcia Duarte

    • Confuso mesmo né Marcia!
      Mas é o seguinte… vc fez teste de IGG?
      O que pode acontece é que se a infecção pelo vírus da herpes genital for bem recente, o teste pode dar negativo porque o nosso corpo ainda está criando anticorpos e são justamente esses anticorpos que o teste detecta.
      Provavelmente o que a sua médica quer fazer é coletar uma amostra da secreção da lesão para fazer um outro tipo de teste para confirmar. Isso está correto, mas requer que vc tenha outra crise.
      Porém justamente o fato de ter outra crise já é um bom indício de herpes genital, pois um dos principais sintomas são as crises recorrentes.
      Sobre o teste do IGG… o ideal é fazer depois de 3 meses para confirmação. (E também tem que ser o específico para HSV tipo 1 ou tipo2) Pois se fizer o que detecta para ambos os tipos em conjunto então não vai dar para ter tanta certeza já que mais de 70% da população adulta já é infectada pelo HSV 1 que causa a herpes oral.
      Abraços,
      Edu

      • Ola! tudo bem? obrigada pela atenção!!! então bem confuso mesmo não dar resultado… ficar nessa teve contato mas esta indefinido se sim ou não. se tive contato com a doença neh… Mas apareceram de novo dias atrás umas bolhinhas e passei zovirax por uns dias direto e sumiram… bolhas parecidas com umas que já tive na boca, que sempre apareciam no mesmo local e que antes de sair dava uma certa coceirinha então passava vinagre com sal e depois me ensinaram passar creme varginal e assim sumiam… mas faz tempo que não aparecem… quando suspeitei sobre essa doença a quase um ano atrás, fui ao medico e tinha várias feridas e bolhas por toda região… e quando mostrei a esse outro medico na época ele tocou e apertou em cima e perguntou, dói? eu disse não e ele então falou se fosse herpes que eu não suportaria a dor que tava mais pra ser outra coisa lá que não lembro nome tipo DST nome estranho e me receitou um antibiótico se não me engano de nome Vênus e tbm perguntou se eu tinha na boca eu disse sim… e ele disse então não é mesmo pois quem já tem na boca, não terá na região genitalia… mas sentia dores nas nadegas e outros… tenho que fazer novo exame então só qdo tiver com bolhas? as vacinas será que virão para acabar com essa doença de uma vez??? Abraços…

  200. Boa tarde Ede e Bruno…pode até ser que esse tratamento não de certo, ou a primeira opção trazer prejuízos, não sei se há comprovações de eficácia,as uma coisa eu teno certeza absoluta, o médico dos médicos, JESUS pode curar!! Entregue seus caminhos ao Senhor confia nele e o mais ele fará.

  201. NÃO EXISTE DOENÇA INCURÁVEL – Acima de tudo, temos que depositar toda nossa fé em JESUS.
    bom, estou mais de anos com isso, quase entro em depressão –
    gastei muito dinheiro com aciclovir.. q só serve pra segurar a doença ate o resto da vida, não tomo mais esse medicamento.
    isso só vem com a baixa imunidade, e ai entra a hemoterapia, que serve para estimular os macrógrafos(responsável a fazer a limpeza) eliminar as bactérias, os VÍRUS, inclusive as neoplásicas que são as células cancerosas, e etc.. a taxa de macrógrafos normal do nosso corpo de de 5%, com a hemoterapia a taxa sobe para 22 % que se resulta em um SISTEMA IMUNOLÓGICO PODEROSÍSSIMO.
    E não é só isso pra eliminar o vírus. A maior parte do nosso corpo é composto por água, então qual água vc esta tomando?
    devemos tomar água com SAL ROSA DO HIMALAIA( o mais puro do universo – E OUTROS 2 COMPONENTES – e o CHÁ Cipó mil homens
    COM TUDO ISSO GENTE NÃO TEM ESPAÇO PRA HERPES SIMPLES, E ZOSTER.
    VOU DA UMA DICA: PROCURE UM MEDICO HOMEOPATA – ELE SABERÁ A QUANTIDADE CERTA DE CADA ITEM.
    É PQ A MEDICINA NÃO FAZ ISSO PRA CURAR TODO MUNDO? – pq isso é muito barato, o mundo iria sofrer um gigantesco impacto no setor financeiro farmacêutico.
    gente todo mundo ja teve um parente que foi curado que alguma doença com remedeios caseiros,
    só o antiviral(aciclovir) que não consegue chegar no virus pra eliminas,
    já o sangue e a água circula em todo o nosso corpo,
    então acredite, e posso, todos nos podemos em nome de Jesus ficar curados!

  202. Bom dia!
    Descobri ontem que meu marido tem herpes e contraiu antes de nos casarmos. Estou casada há 20 anos, mas nunca tive qualquer sintoma. Tive duas filhas, sendo uma de parto normal. Posso ter passado pra ela?
    Obrigada.

    • Oi Regina,
      Se vc nunca apresentou sintomas, provavelmente não tem herpes ou ela não se reativa em vc.
      Então não fique preocupada se transmitiu para sua filha no parto, pois mesmo se tivesse acontecido já teria aparecido.
      Não é bem assim que ocorre…qualquer dúvida recomendo ler o capítulo sobre gravidez do meu e-book.
      Abs
      Edu

  203. Olá!Peguei herpes genital do meu namorado e é minha primeira crise e estou bem perdida..ela costuma demorar tanto assim? Faz 1 semana começou uma bolinha e elas aumentaram, surgiram em outros lugares..agora a dor ta terrível..ardência por tudo (na frente e atrás) =/ fui na médica ela receitou penvir creme somente e banho de assento..mas parece que não está adiantando..por favor algumas dicas..estou tomando vitamina c, óleo de alho e comendo alimentos que aumentem a imunidade..mas recém estou conhecendo a doença..estou bem perdida e agoniada. qualquer ajuda é bem vinda..algum segredo pra secar logo essas feridas?
    Abraços

    • Oi Débora,
      Sua médica não receitou o antiviral em comprimido? Somente pomada?
      Não acho isso correto, principalmente se realmente é sua primeira crise.
      Na minha opinião vc deveria tomar o antiviral na forma de comprimidos porque assim o efeito é muitas vezes mais eficiente.
      -Aciclovir 400mg 3x ao dia por 7 dias (no caso de uma primeira infecção)
      Bom…Na dúvida consulte outra médica.
      Att,
      Edu

  204. Boa noite! !!
    Estou preocupada acho que peguei herpes no final do ano. Como estava fazendo tratamento de cauterização estou confundindo os sintomas.
    Em janeiro fique muito mal; com corrimento forte tipo líquido, dor ao urinar, e surgiu muitas feridas. O tratamento todo até a cicatrização dessas feridas foi durante 3 meses, enfim consegui cauterizar a ferida no útero e com isso a febre, mau estar acabaram tb. Mas desde Março, todo mês surgi um unicot machucado como se fosse uma afta, não tenho bola, febre, dor, coceira nada e cicatriza em 3 dias durante o ciclo mestrual…pedi um exame para o meu ginecologista. Mas adoraria me tranquilizar ou me preparar sobre a Herpes, será?

    • Oi Thata,
      Eu não quero te trazer más notícias, mas é melhor ficar preparada, pois pelo que vc fala é bem característico de herpes genital…
      recorrência mensal com bolha e a menstruação para algumas mulheres pode desencadear uma reativação do vírus pois diminui o sistema imune.
      Mas foi bom que seu médico já está olhando isso. Tem muitas coisas que podem ser confundidas com herpes genital.
      Abraços,
      Edu

  205. Olá Edu!
    Muito obrigada por criar esse Blog, me ajudou muito, principalmente na questão psicológica que é tão difícil. Fui infectada recentemente, mas fiz exame para confirmar. Me ajude, o que quer dizer os resultados:
    Herpesvirus simples I E II Igg:
    Superior 30
    Igm:
    1.08
    Pelos valores de referência o primeiro deu positivo e o segundo indeterminado.

    • Isso significa que vc tem anticorpos para o vírus HSV tipo 1 ou tipo 2.
      Infelizmente esse tipo de teste não difere os tipos de hsv e como o hsv tipo 1 é bem comum então cria uma certa dúvida, a não ser que vc realmente saiba que está tendo crises (bolhas) genitais e nunca teve herpes labial antes.
      Para quem já teve herpes labial é inútil fazer o teste dos dois tipos de hsv juntos… tem que ser o específico para o hsv tipo 2. Porém pelo que sei nem todos os laboratórios fazem.
      O que complica também é que muitos tem herpes labial mas não apresentam crises labiais mas tem anticorpos contra o hsv-1.
      Abraços,
      Edu

  206. Olá,alguém poderia me ajudar??estou tendo Herpes Vaginal a mais ou menos dois meses!estou desesperada pois ela volta com frequência.Li na internet que a volta frequente da herpes é Aids!namoro ha 9 meses nao sei se meu namorado tem pois moramos longe e ele nunca comentou!fiz o teste de HIv a 4 meses!estou me sentindo um lixo,cuido a todo tempo as feridinhas quero que cicatrizem logo e só sei chorar!Ah o teste deu negativo!hoje feZ 3 dias que estou com as bolinhas ja estouraram mais nao secaram!me ajudem

    • Oi Fabiana,
      A reativação frequente do vírua da herpes não quer dizer que necessariamente a pessoa esteja com aids ou outra doença.
      Isso é comum e ocorre para muitas pessoas infelizmente.
      Mas foi bom que vc fez o exame para até ter paz de espírito.
      Bom… vc está tomando antivirais? Fez uma consulta médica?
      Abraços,
      Edu

  207. Oi!
    Eu peguei herpes genital há dois anos com um ex-namorado. No começo, queria morrer… Ele ficou péssimo e quando terminamos pensei que nunca mais poderia me apaixonar de novo, por medo de me relacionar e ter que contar isso para alguém além do médico.
    Mas estou aqui, viva, cheia de projetos e sonhos. A única coisa que diverge da história de quase todo mundo é que minhas crises são constantes. Vivo em crise, não passo uma semana sem crise. É bem incômodo… Mas são leves, algumas bolhinhas e com a pomada do aciclovir elas não duram nem dois dias direito.
    Como posso fazer um tratamento supressivo para que não apareçam, ou demorem um pouco mais para aparecer?

  208. Ola Edu,
    Eu peguei herpes tem 6 meses, e desde entao estou procurando formas de mante-lo dormente.
    Comecei um tratamento com ENAX, no entando nao esta ajudando 😦
    Tenho medo de usar antiviral pq me disseram qje o virus fica mais forte depois .
    Isso é vedd ?
    Desde já agradeço a ajuda.
    E em.breve pretendo comprar seu livro, so nn estou com dinheiro ainda. Kkk

  209. Assim que se fala Emanuelle, precisamos recomeçar. Tbm tenho os mesmos sintomas que vc, quando está p vir o herpes, sinto muitas dores nas pernas, no quadril e no local e pelo menos de dois em dois meses tenho crises, umas mais fracas e outras mais fortes. Mas não é um bicho de sete cabeças, nao se sinta inferior as outras mulheres, vc não está suja por causa disso e ainda vai encontrar alguém que te respeite! Deus te abençoe…se apegue com ele e td será mais fácil pois seu fardo é leve e esse peso que está sentindo cairá por terra em nome de Jesus!!!

  210. Nossa, amei a postagem!
    Bom, tenho 26 anos e contraí o vírus da herpes há uns 7 anos, de um rapaz que eu ficava. Ainda mantivemos relações por uns 3 anos, mas em 2013 resolvi colocar um ponto final… Mas o problema é que não consigo dar prosseguimento à minha vida amorosa/sentimental.
    Pra falar verdade, nem a ele eu revelei que havia pegado o vírus, de tanta vergonha e nojo de mim mesma que sentia. E sim, o medo da rejeição e principalmente de contaminar alguém me perturba todos os dias, eu não vou conseguir revelar e viver normalmente com alguém, tenho certeza disso.
    Tenho crise pelo menos uma vez ao mês (sou bem estressada), sinto dores horríveis na perna, coxa, sola do pé, nádegas, enfim, o lado que sairá a ferida, fica todo dolorido… sem falar dentro da vagina, né! Que vírus ordinário.
    Mas, com certeza, o pior é o emocional, é se sentir suja, inferior a qualquer mulher… é isso o que realmente dói. Já tentei ser forte, seguir em frente, mas não tem jeito, é um trauma. Não deixo ninguém se aproximar de mim, fiquei até três anos sem beijar e olha que não tenho herpes labial. Mas dei um passo, pelo menos beijei… mas qualquer outra tentativa é praticamente impossível pra mim.
    Minha ginecologista até pediu pra eu tomar um calmante, que eu não deveria me punir tanto por uma doença que a maioria das pessoas tem, ela achou-me muito abalada, chorei horrores mesmo, nunca foi fácil pra mim, me sinto muito mal, muito mesmo.
    Mas que bom ler que o sucesso pode ser obtido, desejo muito recomeçar!! E desejo tudo de melhor à todos aqui também!
    Obrigada.

  211. Eu descobri que tenho herpes genital, e fiquei desesperada ainda mas que nunva tinha ido num ginecologista, e a médica era muito bruta e insensível.
    Isso deve ter uns 2 meses, eu fiz exames de rotina também, bom eu sumi de lá e nem se quer voltei pra pegar os exames, nao fiz o que ela me passou e não mandei fazer os remédios que ela me mandou, eu ignorei tudo até hoje quando me deu uma crise e eu fiquei desesperada sem saber o que fazer, quando me deparei com sua página, gostei muito do que li, me ajudou bastante, agora é tentar achar uma boa ginecologista porque onde eu moro é bem difícil e as boas são bem carinhas:/

    • Oi Kelriec,
      É realmente uma pena que vc foi mal atendida, principalmente por ser neste início que é mais difícil.
      Mas o caminho é esse… ache outra ginecologista que seja mais profissional e te trate bem.
      Abraços,
      Edu

  212. Oi Edu
    Contrai a doença na gravidez. Hj minha filha tem tre anos e quatro meses. Eu tenho poucas crises… sao incomodas maas perto dos coments que li sao quaze nada. Porem minha filha sempre tem lesoes na garganta. Pode ser herpes?? Lembrando q no parto nao tinha lesao ativa.

  213. Lulu, acho que esse e o seu nome. Filha tbm tenho herpes, mas nunca ouvi falar de um caso parecido com o seu, fiquei muito sensibilizado com o seu depoimento, não sei o que te dizer mas vou orar muito pela sua situação minha fila. Vai ficar bem em nome de Jesus !! Eu creio, creia tbm e Deus, o médico dos médicos lhe dará a cura. VC VAI FICAR BEM!! Meu Deus leve a cura p essa menina! Pai, eu te peço em nome de Jesus!!!!

  214. Caro Edu

    Primeiro quero parabenizá-lo por essa iniciativa, é realmente valiosa!
    Parece que estou no meio da minha primeira crise de herpes genital, ela começou a se manifestar há duas semanas. Demorei a entender o que tinha, o urologista que me viu primeiro tratou como uma candidíase forte, e depois como se alguma bactéria tivesse aproveitado um período de baixa imunidade junto com as feridas “da candidíase” para multiplicar. Quando pedi uma segunda opinião ficou claro o diagnóstico da herpes. Estou há quase uma semana tomando Valtrex 500mg (valaciclovir) e passando Zovirax 50mg, finalmente parece começar a cicratizar mas no início foi terrível.

    Estou muito mal com tudo isso, realmente parece um beco sem saída, fim da linha para relacionamentos. Gostaria de tirar umas dúvidas, que se fossem sanadas me trariam muita paz de espírito. Após o primeiro contato, o vírus pode ficar incubado por um tempo? Se sim, quão grande pode ser esse período? Se não, qual o tempo médio entre a infecção viral e a primeira crise?

    Muito obrigado!

    • Oi Umberto.
      É difícil te dar uma resposta correta porque o vírus costuma agir de forma diferente de pessoa para pessoa.
      Para alguns, o vírus pode ficar em estado latente e demorar meses para aparecer depois da primeira infecção, por outro lado, tem pessoas que já apresentam uma reativação logo em seguida que a primeira crise termina.
      Somente com o tempo mesmo para saber como irá se comportar em vc.
      Eu tive a primeira recorrência depois de 3 meses do término da primeira infecção.
      Abraços,
      Edu

    • Oi Gustavo,
      -Vc pode fazer um exame de sangue IgG para detectar anticorpos do vírus. Dê preferência para o exame para tipo específico HSV-2, pois a maioria deles testa para ambos os vírus hsv-1 e hsv-2 juntos, e como a maioria das pessoas já tem anticorpos para o hsv-1 então fica inconclusivo a não ser que vc realmente saiba que tem recorrência genitais.
      -o seu médico também pode indicar outro coletando o material diretamente das lesões se não me engano.
      Abraços
      Edu

  215. Ola boa noite, queria que você tirasse uma duvida que ta me matando… tenho herpes genital e queria saber qual a maneira que posso fazer para que a transmissão seja mínima na minha parceira, devo fazer o ato somente quando não apresentar nenhum sintoma, no caso se eu fizer sem preservativo mais num período que esta inerte a minha parceira tem uma chance grande ainda de contrair a doença ou não ?

    • Oi Francisco,

      – Na menor dúvida de sintomas ou crise = não fazer sexo!
      – Usar preservativos sempre que for possível.
      – tomar antivirais supressivamente pode reduzir o risco em 50%.
      A chance de transmitir o vírus HSV-2 quando agente não está com nenhum sintoma ou crise é bem baixa. É nula se o vírus realmente estiver em estado latente no gânglio.
      Abs
      Edu

  216. Olá Eduardo.
    Meu nome é Nathalia, tenho 22 anos e descobri que tenho o vírus herpes genital a um mês, pensei que não era tão grave assim, passei no ginecologista e depois da segunda consulta caiu minha ficha que isso era pior do que eu pensava ☹.
    Não contei para ninguém sobre isso. Mas estou preocupada e estava procurando em alguns blogs sobre algumas dúvidas.

    Antes de descobrir tinha uma vida sexualmente ativa, porém não era somente com um parceiro e sim com mais. Na verdade não tenho coragem e nem intimidade para contar que estou com esse vírus. No momento estou tratando desde que descobri então não estou tendo relações.

    Mas gostaria de saber sobre a transmissão do vírus na hora do sexo, o sexo oral terá que ter sempre preservativos tanto quando for receber ou fazer? Sempre uso camisinha na hora da penetração, porém no sexo oral não uso nada, a partir de agora vou ficar com um pouco de receio quando for transar e chegar a hora do sexo oral.

    Li em alguns blogs, matérias que o menor risco de transmissão do vírus é quando não está no momento do surto, mas mesmo assim ainda tem chances da transmissão, qual seria o momento certo para não ter chances da transmissão?

    Meu médico me proibiu de beber por algum tempo e ter uma vida mais saudável, como ficaram seus hábitos após descobrir e começar a tratar? Li em algumas matérias que para não ter muitos surtos é preciso ter uma imunidade ótima. Mas antes de descobrir sempre bebia, tinha uma vida badalada, não tinha costume de comer muitos legumes, verduras etc. Depois que descobri e o médico proibir de beber não saiu mais de casa quase. Como ficou sua vida? Depois de um tempo voltou ao normal ou ainda tem alguma restrições?

    • Oi Nathalia,
      – pode transmitir mesmo sem sintomas, mas isso é raro de acontecer.
      – se seu parceiro fizer sexo oral em você quando você estiver bem (sem crises ou sintomas) é quase certo que não pegará hsv-2 na boca porque o risco disso é extremamente baixo.
      – Se vc for fazer sexo oral nele, então não tem problema porque vc não tem herpes labial e sim genital. O vírus que está na sua genital não vai passar pela sua boca.
      – Para evitar a transmissão… na menor dúvida de crise ou sintomas = não transe! Nem com camisinha. Use sempre preservativos- (até por paz de espírito! 🙂 – eles ajudam bastante a diminuir o risco de transmissão.
      Abs
      Edu

  217. Olá, Edu.
    Descobri que tenho herpes genital a mais ou menos um ano, foi com um parceiro casual, como eu mantinha relações apenas com ele, tengo certeza que a transmissão veio realmente desse parceiro. No início me desesperei e até pensei e conversar com ele, mas acabei deixando pra la e passei a me cuidar mais, desde que descobri, evito qualquer tipo de envolvimento, seja sexual ou emocional. Mas conheci uma pessoa a uns 2 meses e resolvi não começar escondendo o meu problema. Por estar gostando de me envolver, logo contei. Pra ele não foi fácil, não está sendo fácil, na verdade. Ele se afastou, ele diz que continua o mesmo, mas percebi que ele mudou comigo. Nós nem saímos mais, ele mal fala comigo. Me sinto muito culpada, triste, impotente, sem forças para lidar com tal situação. Tenho muito medo da rejeição, e também da permanecia de alguém, por meio da pena. Me cuido muito bem, sempre que sinto que terei uma crise (podromes) logo me medico, evitando as bolhas e outros sintomas. Com a reação desse rapaz, gostaria muito de voltar a sair com ele, mas agora estou com vergonha, me sentindo um nada e isso é muito difícil pra mim. Comprei seu livro por boleto e efetuarei o pagamento assim que possível, aguardo a chegada dele ansiosamente e espero que seu livro me ajude. Amei seu blog, sempre leio os depoimentos e suas respostas, faz com que eu não me sinta tão só nessa situação.

    • Oi Luize,
      Sinto muito que ele se afastou.
      Na minha opinião, quando isso ocorre é por que a pessoa não estava tão envolvida emocionalmente ainda.
      Ele é um cara muito novo ou é mais “maduro”?
      Se for contado muito no começo do relacionamento isso pode acontecer.
      Mas ás vezes a pessoa também só precisa de um tempo para se adaptar à ideia, então não descarte a possibilidade de vocês ficarem juntos ainda.
      Tente se mostrar calma quanto a isso, e tente também mostrar que vc é responsável, acho que isso é o melhor que vc pode fazer quando falar com ele por enquanto.
      Abraços,
      Edu

  218. Olá pessoal que bela iniciativa Edu, belo trabalho o teu, realmente é um um caso delicado, estou com 38 anos tive momentos com mulheres maravilhosas de convivência, internet, baladas e me deparei com umas bolhas na boca e eu achando q seria afta e tal, depois com o tempo baixa imunidade bebendo ou resfriado apareceu no pênis, nossaaaaaa entrei em desespero sabendo q é p o resto da vida, sim fui culpado por não ter me previnido, passei por urologista com uma vergonha imensaa q me atendeu super bem, hoje tem fórmulas penvir q some em dias, mais não consigo levar nada a sério com ninguém , bate um sentimento derrepente surge os sintomas vc quer desaparecer do planeta, não sabe a reação da pessoa! Todos me perguntam não vai casar, ter filhos, vai ficar p titio! O coração apertado da vontade de chorar! Quem não quer ter uma família, esposa, filhos! Infelizmente vivemos em um país onde o preconceito prevalece! Caso tenham um grupo algo parecido para bater papo algo parecido deixarmos o orgulho, medo é vergonha de lado e nos encontramos seria bacana! Forte abraços a todos

    • Oi Márcio.
      Obrigado.
      Mas é o seguinte…eu sei que dá medo de rejeição, mas isso não é algo tão sério a ponto de vc deixar de ter relacionamentos mais importantes.
      Pela minha experiência, se sua futura namorada realmente gostar de vc ela irá aceitar isso. E se vc levar isso com responsabilidade, é bem provável que não transmita para ela.
      Não deixe este vírus te bloquear em nada. Claro que para tudo existe um risco… uns valem a pena, outros não. Eu arrisquei a contar para algumas namoradas no passado e por incrível que pareça, nenhuma me rejeitou por causa disso. Claro que depois, o namoro com algumas acabou, e pode ser até que no final esse fato pesou um pouco, mas não teria dado certo mesmo.
      Hoje estou com minha esposa a anos e não transmiti para ela. Temos um filho.
      Arrisque no que vale a pena para você!
      Abraços,
      Edu

  219. Boa noite, tenho duas dúvidas em relação à infecção de Herpes:
    1 – Ela sempre aparece com coceira?
    2 – O vírus pode ficar incubado ou dormente após a infecção inicial ou ele sempre se manifesta logo após a infecção?
    Grata

    • Oi Karoline,
      -Varia muito de pessoa para pessoa.
      Mas é bem comum sim aparecer um pouco de coceira antes.
      -Normalmente no início logo após a primeira infecção, o vírus se reativa mais frequentemente.
      Mas também isso varia muito pois tem alguns que apresentam somente a primeira crise e depois não tem mais recorrência, ou estas são bem espaçadas.
      Abrç
      Edu